Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

choqueemcadeia.jpg

 

Choque em Cadeia anunciam o lançamento do seu trabalho mais recente, “Tête-à-Tête”


Os 4 jovens lisboetas editam o EP composto por 4 temas originais cantados em Português. Um som verdadeiramente original e que promete dar que falar. A banda irá certamente contribuir para a renovação dos paradigmas da música portuguesa.


"Finalmente encontrámos o nosso som". Carlos Noronha, responsável pela voz da jovem banda (os 4 elementos têm idades a rondar os 20 anos), acredita que o EP marca o início da longa viagem musical que querem fazer: pretendem inovar e surpreender, pondo a música acima de tudo e cantando sempre em português.


Com uma linguagem  própria, a banda sente que as músicas surgiram de uma forma muito "solta", dando mesmo a impressão de que se escreveram sozinhas. "Não queremos contar histórias, nem ser demasiado concretos. Queremos apenas que as palavras façam mesmo parte da música.", dizem em relação às letras do EP, que foram surgindo livremente, à medida que foram compondo as músicas.


Os Choque em Cadeia formados por: João Costa (guitarra), Luís Morais (bateria), Manuel Parreira (baixo) e Carlos Noronha (voz e guitarra) resultaram de um grupo de amigos de infância que começou a tocar em conjunto com apenas 13 anos e que foi procurando a sua identidade. Agora, depois do disco de estreia, chegam a este "Tête-àTête", que marca o início da sua maturidade musical.
 

Alinhamento: EP: "Tête-á-Tête"
- És Tão Fria
- Grão a Grão
- O Mundo Vive de Ironia
- Dois

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.