Domingo, 1 de Maio de 2016

Catarina Pinho_Artwork.jpg

 

 

CATARINA PINHO EDITA ÁLBUM DE ESTREIA

 

Catarina Pinho, cantautora lisboeta de fusão de música portuguesa com música do mundo, lança já na primeira semana de maio o seu primeiro registo de originais, intitulado “Da Raíz do Coração”, em formato físico.

 

O disco, lançado com o selo da Music In My Soul e disponível em edição digital desde o início de abril, foi masterizado nos míticos estúdios Abbey Road e antecedido pelos singles “O Bairro do 7” e “A Manhã”.

 

Nascida a 21 de setembro de 1982, em Lisboa, Catarina Pinho, despertou para a música desde muito cedo. Aos 9 anos integrou pela primeira vez um grupo coral, e desde então nunca mais deixou de estar ativamente envolvida na música.

Em 2002 foi convidada para integrar o Grupo Coral Gospel 100 Vozes, com o qual atuou, como solista, em dezenas de Auditórios no continente e ilhas e nas mais prestigiadas salas da capital, Aula Magna, MEO Arena, Coliseu de Lisboa, entre dezenas de outras salas por todo o país.

 

Durante os dez anos seguintes, participou ainda nos coros Grupo Gospel de Lisboa, Faith Gospel Choir e Gospel Collective.

 

Em 2011, impulsionada por Tino Dias, tomou a decisão, há muito adiada, de compor e escrever os seus próprios temas. Assim, desta parceria que teve início em 2004, nasceu e começou a tomar forma “Da Raíz Do Coração”.

 

A sua formação é bastante eclética tendo passado pelo canto clássico, jazz, gospel, e Alexandre Technique, com professores de craveira internacional como Manuela de Sá, Maria Anadon, Bárbara Lagido, Paula Sousa, Carlos Ançã, Gui Destino, entre outros.

 

Atualmente, a par do seu trabalho como cantora e compositora, Catarina Pinho leciona a disciplina de canto, em reconhecidas escolas do concelho de Oeiras e Cascais, onde se mantém muito próxima da nova geração de músicos, partilhando a paixão pela música com crianças, jovens e adultos, o que lhe dá enorme prazer e imensa alegria.

 

No seu primeiro disco Catarina Pinho apresenta uma mescla das suas muitas influências musicais que se fundem numa voz repleta de Fado e de emoção. As escolhas instrumentais revelam uma predominância acústica que remete para a música tradicional portuguesa, com laivos de contemporaneidade, num flirt assumido com o jazz. “Da Raíz do Coração” leva-nos até à encruzilhada onde tantas influências são percorridas, se encontram e se voltam a perder...

 

Na voz, Catarina traz a esperança de viver das melodias que canta e abraça a sua herança, as suas raízes e o seu país, como um tesouro que lhe foi, um dia, confiado. Traz as estórias que os seus avós contavam, as lembranças de uma família humilde e turbulenta, as memórias da vida entre os invernos no subúrbio, e os verões no campo.

 

Em cada tema, existe a vontade profunda de partilhar com o ouvinte a incessante felicidade que a música e a vida lhe dá… Com as palavras que escreveu, anseia falar ao coração de quem as ouça e repeti-las vezes sem fim, seduzir como foi um dia seduzida pelos poetas e pelas canções.



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

O Blog Mudou de casa

Fado Insulano - José Mede...

Cantiga da terra - Zeca M...

"Aprendiz de Feiticeiro -...

Milhafre das Ilhas - Luis...

Sara Tavares - Ter Peito ...

Banho Maria - Não Há Amor...

Sara Tavares - Fitxadu ft...

JUNGLE EVA - TT SYNDICATE

João Granola estreia vide...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds