Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

carlos costa.jpg

 

 

Carlos Costa  lança hoje o novo vídeo, cumprindo a promessa feita aquando da entrada no reality show Love On Top, no seu vestido de flores e carregado de acessórios que antecipavam o visual escolhido para "Prince (Became a King)".
Ciente das polémicas que o rodeam, mesmo que não faça nada mais do que promover o seu trabalho artistíco, Carlos disponibiliza já uma série de hastagsque podem acompanhar as partilhas previstas.

Rodeado de cores e músculos, o Príncipe cresce e floresce, tornando-se REI. A alegoria do livre arbítrio, do comando do seu próprio destino e do governo do seu próprio Reino. Somos todos capazes de mudar o nosso mundo. Que se use essa capacidade para o melhorar, num caminho de liberdade e respeito pelas decisões do próximo.

"Prince (Became a King)" tem letra e música do próprio Carlos Costa, com co-autoria melódica de Pedro Serraninho.

Visualmente, os efeitos caledoscópicos acompanham a estética de "Tequila" e são da lavra criativa de Carlos Costa, novamente em parceria com "Aquela Xana Productions".

Exposta a sua relação de respeito e amizade com António Raminhos, passagem pelo "Love On Top" e erguer de cabeça após os últimos ataques gratuítos, Carlos continua a provar que é não é por ser agredido que deixará ofuscar o seu brilho. Porque esse é natural, optimista e positivo.

Viva a diferença, vivam as flores, VIVA O REI!

As flores repetem-se na capa do single e são uma figura recorrente nesta fase artística de Carlos Costa. Afinal, as flores são sempre belas, em todos os seus formatos, cores e aromas. Haverão outras metáforas para a enaltação do "aceitar a diferença", mas esta é a de Carlos.

 

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.