Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

18 Out, 2017

Calema - Regras

 

Letra

 

Afogo as minhas magoas 
Sentado no chão 
No copo eu vejo as voltas 
Que a vida pode dar 

Sabes que existe regras 
E a onde não pisar 
E tu nem foste capaz 
De te colocar no meu lugar 

E quando o teto cai 
Nem o beijo é capaz 
De te salvar do fim 

Eu Abro a porta mas não consigo sair daqui 


Refrão 
Quero sentir 
esse amor de novo 
Mas ainda dói tanto 
Faz me acreditar eheheh

Quero esquecer 
Fazer novos planos
Dizer que te amo 
Faz me confiar de novo em ti

Pudesse eu um dia perdoar 
E só com um beijo o tempo recuar
Eu vivo na agonia de quem ama 
Quando abro a porta não consigo mais sair daqui 

Refrão 
Quero sentir 
esse amor de novo 
Mas ainda dói tanto 
Faz me acreditar eheheh

Quero esquecer 
Fazer novos planos
Dizer que te amo 
Faz me confiar de novo em ti

É o teu encanto que me chama 
Por ele é que eu ainda estou aqui
Viver na agonia de quem ama 
É abrir a porta mas não conseguir sair daquiiiii 

Refrão 
Quero sentir 
esse amor de novo 
Mas ainda dói tanto 
Faz me acreditar eheheh

Quero esquecer 
Fazer novos planos
Dizer que te amo 
Faz me confiar de novo em ti

 

Não encontrei os créditos desta música

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.