Domingo, 5 de Julho de 2015

 

O humorista Bruno Nogueira e a cantora Manuela Azevedo atuam em Lisboa, reinterpretando o repertório da música popular e ligeira portuguesa, agora com arranjos para a Orquestra Metropolitana de Lisboa.

"Deixem o pimba em paz" é uma ideia de Bruno Nogueira que, acompanhado de Manuela Azevedo, Filipe Melo, Nuno Rafael e Nelson Cascais, transformou canções da música portuguesa apelidada de "pimba", descontextualizando-as desse rótulo.

Dois anos depois de vários concertos pelo país e de um álbum gravado ao vivo, o quinteto regressa ao Teatro Municipal São Luiz - onde tudo começou - com o mesmo espetáculo, mas com novos arranjos, de Filipe Melo e Mário Laginha, para a Orquestra Metropolitana de Lisboa, sob a direção do maestro Cesário Costa.

"Acho que há pessoas que, quando se sentam nas cadeiras não sabem bem ao que vêm. Rapidamente se percebe, pela onda do grupo, que isto vem de um sítio bom, de fazer coisas bonitas com músicas que já são emblemáticas", disse Bruno Nogueira à agência Lusa.

O repertório da música popular ligeira é fértil e de sucesso, protagonizado por artistas como Quim Barreiros, Ágata, José Malhoa, Marco Paulo, Nel Monteiro, Marante ou Emanuel, cujo tema "Pimba, Pimba" acabou por batizar, há vinte anos, este género musical.

Curiosamente, este tema de Emanuel não entra no alinhamento do espetáculo, porque "não cumpria os requisitos", disse Bruno Nogueira.

"Deixem o pimba em paz" já recriou, deixando quase irreconhecíveis, canções como "24 rosas", "Comunhão de bens", "Porque não tem talo o rabo", "Azar na praia" e "Garagem da vizinha".

Nos ensaios, é notória a descontração dos músicos da orquestra perante estas canções. Num encontro com jornalistas, o maestro Cesário Costa explicou que o trabalho "é idêntico, como se estivessem a ensaiar uma sinfonia”. “Do ponto de vista objetivo o processo é o mesmo".

O mais interessante, afirma o maestro, é uma orquestra "procurar outras pontes com outros estilos" e chegar a públicos diferentes.

Bruno Nogueira rejeita a ideia de que o espetáculo ridiculariza a música pimba ou os seus intérpretes originais. Chama-lhe "laboratório" que aproveita o potencial de um género musical que toda a gente conhece, independentemente da idade ou da condição social.

"É olhar para as canções de uma forma completamente limpa, partir do zero sem pensar nos arranjos originais delas, no que as pessoas vão pensar. Essa liberdade, esse atrevimento que o Bruno propôs a todos, achei que era um desafio maravilhoso", afirmou à Lusa Manuela Azevedo, vocalista dos Clã.

Os próprios intérpretes das canções, como Ágata, Quim Barreiros e Nel Monteiro, conhecem o projeto e gostam do que foi feito, disse Bruno Nogueira.

"Deixem o pimba em paz" estará no Teatro Municipal São Luiz até ao dia 12, com a Orquestra Metropolitana de Lisboa. Depois disso, o espetáculo volta ao formato quinteto em digressão pelo país.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 19:13 | link do post | comentar

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

O Blog Mudou de casa

Fado Insulano - José Mede...

Cantiga da terra - Zeca M...

"Aprendiz de Feiticeiro -...

Milhafre das Ilhas - Luis...

Sara Tavares - Ter Peito ...

Banho Maria - Não Há Amor...

Sara Tavares - Fitxadu ft...

JUNGLE EVA - TT SYNDICATE

João Granola estreia vide...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
"Estou cheio de arrependimento, cheio de dorese tu...
E é "Não dizem duas quando estão ao pé de ti"...
com o soquete p'lo artelho, um soquete é uma meia.
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds