Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

    Letra   Dá-me abrigo por esta noite dá-me abrigo por esta noite procuro conforto no teu cobertor a noite prepara jogos de amor febre que sobe e acende a fogueira Dói-me cá dentro, ao certo não sei dói-me cá dentro, ao certo não sei dói-me o inferno da minha arte dói-me o silêncio da tua carne feito sossego nas minhas mãos é quente o silêncio das tuas mãos. Dá-me um bilhete pro inferno São línguas de fogo que entram no corpo são línguas de fogo que entram (...)
  Letra   Quero gostar de ti Sem saber porquê. Sentir o que senti A primeira vez. Sem fazer perguntas Apenas desfrutar. Duas vidas juntas Unidas para amar. REFRÃO Viver para te ver De manhã ao acordar. O coração a bater Para te abraçar. Falo as palavras Só os olhos a brilhar. Secreta é a fala Sonhos a vibrar. REFRÃO Viver para te ver De manhã ao acordar O coração a bater Para te abraçar Ah ah, ah ah, ah ah ah ah ah… Ah ah, ah ah, ah ah ah ah ah… Solo Viver (...)
  Letra   Era de noite e levaram Era de noite e levaram quem nesta cama dormia nela dormia, nela dormia. Sua boca amordaçaram Sua boca amordaçaram com panos de seda fria de seda fria, de seda fria. Era de noite e roubaram Era de noite e roubaram o que nesta casa havia na casa havia, na casa havia. Só corvos negros ficaram Só corvos negros ficaram dentro da casa vazia casa vazia, casa vazia. Rosa branca rosa fria Rosa branca rosa fria na boca da madrugada da madrugada, da (...)
  Letra   Continuo a ler livros À procura de sinais Elevando o instinto E as falhas mortais.   Procurando à volta O que fizeste de ti Lembro o chuto na bola A cabeça que parti.   Velha escola de madeira Quando os dias eram longos Deu lugar a uma feira Alcatrão sobre escombros.   As melhores raparigas Que é feito delas Casamento e intrigas Um cigarro à janela.   Os amigos de farra Ressacando noite dentro Cada um em sua casa Ler o Expresso em silêncio.   Uns (...)
  Letra   Artifícios engenhosos Vozes altas de mais Pecadilhos religiosos Uma corte de chacais Uma valsa, uma dança Toda a Terra é santa. Vejo crentes em Deus De joelhos a orar Árabes contra judeus E uma terra por altar. Uma valsa, uma dança Toda a Terra é santa. Cercados por fiéis Tão fiéis e tão cretinos Vejo homens, irmãos cruéis Conferindo inimigos. Uma valsa, uma dança Toda a Terra é santa. Dança, dança, dança, dança, dança Reza, reza, reza, reza, reza (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email