Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

  Letra   DIZ-ME TUDO  DIZ-ME TUDO MEU PAI, SOU TEU FILHO TODOS DIZEM, AGORA É UM SARILHO TENHO DEZOITO, JÁ SOU MAIOR O QUE VAI SER ? COMO VAI SER ?  NÃO É SEGREDO O QUE VAI SER? JÁ NÃO É TEU. DEBAIXO DESTE ESCURO CEU DIZ-ME COISAS DE TI E DA TERRA SEREI UM SOLDADINHO NESTA GUERRA ENTRE O MATAR E O MORRER TEREI DE SOBREVIVER COMO VAI SER ?  NÃO É SEGREDO O QUE VAI SER? JÁ NÃO É TEU. DEBAIXO DESTE ESCURO CEU O TEMPO É MEU! É MINHA A HORA! É MINHA A VEZ ! É O (...)
  Letra   QUANDO EU VOLTAR A NASCER quando eu voltar a nascer quero ser bonito ser um traço de rapaz e se for preciso morrer tanto faz para voltar a nascer quando eu voltar a nascer quero ser a casa onde vive o teu olhar  eu assim já posso entristecer e chorar para voltar a nascer quando eu voltar a nascer quero ser valsinha ter o dom da criatura que dança com a Lua à cintura tu vais ver nunca mais danças sozinha quando eu voltar para ti quero ser a essência  de todos os (...)
Letra   Apenas 1 teu :) Apenas 1 teu olhar O código que autorizo A senha para entrar Gosto de ti ! Quando és razoável Gosto de ti ! Volátil e maleável E só assim é viável Fazer um sisudo amável Levo-te a 100 Tu pões-me alerta Levas-me a bem Como ninguém Dá-me o teu sim Que eu nunca sei dizer não Dá-me o teu dom Que eu dou-te o meu coração
Letra   Está na hora de ouvires o teu pai  Puxa para ti essa cadeira  Cada qual é que escolhe aonde vai Hora-a-hora e durante a vida inteira Podes ter uma luta que é só tua Ou então ir e vir com as marés Se perderes a direcção da Lua Olha a sombra que tens colada aos pés Estou cansado. Aceita o testemunho Não tenho o teu caminho pra escrever Tens que ser tu, com o teu próprio punho Era isso o que te queria dizer Sou uma metade do que era Com mais outro tanto de cidade (...)
Letra   Eu quero marcar um Z dentro do teu decote Ser o teu Zorro de espada e capote P'ra te salvar à beirinha do fim Depois, num volte face vestir os calções Acreditar de novo nos papões E adormecer contigo ao pé de mim Eu quero ser para ti a camisola dez Ter o Benfica todo nos meus pés Marcar um ponto na tua atenção Se assim faltar a festa na tua bancada Eu faço a minha ultima jogada E marco um golo com a minha mão Eu quero passar contigo de braço dado E a rua toda de (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email