Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

A rua da esperança

tem ar de bom dia

ninguém diria

ao nela passar

que à noite na rua

a lua vadia

vai roubar à esperança

a luz do luar

 

são casas com rendinhas

e vasinhos a espreitar

aqui toda a janela

nos faz lembrar o lugar

aonde a esperança nasce

onde a presença dela

inunda toda a rua 

até fazer inveja à lua

 

A rua da esperança

tem ar de bom dia

e ninguém diria

ao nela passar

que à noite na rua

a lua vadia

vai roubar à esperança

a luz do luar

 

paredes escadinhas

cada pedra é um desejo

um voto de alegria

sem paixões em cortejo

e é talvez no desgosto 

que se entende melhor

o fado desta esperança

que aqui tem um tom maior

 

O abrir de uma porta

e a luz numa janela

sei coisas que esta rua

sabe trazer dentro dela

que ao ver nos comove

nos prende e nos seduz

que até mesmo chorando

o choro em esperança se traduz

 

A rua da esperança

tem ar de bom dia

e ninguém diria

ao nela passar

que à noite na rua

a lua vadia

vai roubar à esperança

a luz do luar

 

A rua da esperança

tem ar de bom dia

e ninguém diria

ao nela passar

que à noite na rua

a lua vadia

vai roubar à esperança

a luz do luar

vai roubar à esperança

a luz do luar

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email