Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

Dead Combo programam Baixa-Chiado PT Bluestation em julho

Numa altura em que comemoram dez anos, os Dead Combo programam um mês inteiro de propostas para a Baixa-Chiado PT Bluestation, em Lisboa. Se quer saber o que Pedro Gonçalves e Tó Trips andam a ouvir, a ler, a comer ou o tipo de sítios onde gostam de ir, basta acompanhar os eventos deste mês de julho na estação.

Entre as suas sugestões estão concertos de bandas e músicos da sua preferência em todas as áreas que os inspiram, desde a folk (com os The Loafing Heroes, de João Tordo) ao fado (com o guitarrista Sidónio Pereira), passando pelo jazz (com os Moustache, de Leiria) e pela música clássica (com a Academia de Amadores de Música de Lisboa), entre outros. Tascas onde gostam de comer uma bifana (como o Trevo) ou um rissol (como o Palmeira) estão também na agenda. Mais alguns locais que frequentam habitualmente (como a Barbearia Campos ou a Livraria Bertrand) e sugestões de jogos e desafios completam a programação. 

Todos os dias são de entrada livre.

Concertos:

Dia 5, sexta-feira, 21h/22h: Alexandre Cthulhu (guitarrista de rock e blues com inspiração nos anos 70)

Dia 11, quinta-feira, 17h/19h: Sidónio Pais (guitarra portuguesa)

Dia 12, sexta-feira, 21h/22h: Zorra (rock e jazz)

Dia 16, terça-feira, 17h/19h: Moustache (banda de jazz de Leiria)

Dia 18, quinta-feira, 17h/19h: Coro da Academia de Amadores de Música (clássica)

Dia 24, quarta-feira, 17h/19h: Hugo Ferracci (guitarrista de rua)

Dia 26, sexta-feira, 21h/22h: The Loafing Heroes, banda de inspiração folk do escritor João Tordo, que aqui toca contrabaixo, e também do irlandês Bartholomew Ryan (composição, guitarra, voz e harmónica), da alemã Judith Retzlik (violino), de Alexandre Andrade (trompete) e de Nuno Morão (percussão)

Cine-Concerto
Dia 19, sexta-feira, 21h/22h: 
Projeção dos filmes “Emak Bakia”, de Man Ray, “Cão Andaluz”, de Luís Buñuel e Salvador Dali, e de curtas-metragens dos anos 20, acompanhados ao vivo pelo trio In a Silent Way (piano: Clara Lai; contrabaixo: Francisco Brito; bateria: Vasco Furtado)

Danças de salão:
Dia 4, quinta-feira, 17h/19h:  Aula de merengue com o Círculo de Dança de Lisboa

Eventos gastronómicos / Degustações:

Dia 1, segunda-feira, 17h/19h: Rissóis de camarão do Palmeira (restaurante da baixa)
Dia 8, segunda-feira, 17h/19h: Bifanas do Trevo (tasca no Largo Camões onde Anthony Bourdain provou aquelas que considerou serem "as melhores bifanas do mundo")
Dia 15, segunda-feira, 17h/19h: Pastéis de bacalhau do Tendinha (tasca típica do Rossio)
Dia 22, segunda-feira, 17h/19h: Queijos da Queijaria Nacional (da Rua da Conceição)

Outros eventos:

Dia 2, terça-feira, 17h/19h: Photo Booth com guarda-roupa ao "estilo" Dead Combo. As fotos vão a concurso no facebook e as mais votadas ganham o CD "Lisboa Mulata", autografado pela banda.
Dia 17, quarta-feira, 15h/18h: Disponibilização de tatuagens provisórias com o tatuador profissional Vinicius Oliveira
Dia 23, terça-feira, 13h/19h: Exposição dos livros preferidos dos Dead Combo (pela Bertrand) e leitura de textos de Fernando Pessoa
Dia 25, quinta-feira, 17h/19h: Ilusionismo com o multi-premiado mágico Miguel Pinheiro
Dia 29, segunda-feira, 17h/19h: Barbeiros da Barbearia Santos (do Chiado) cortam o cabelo ou fazem a barba a quem passa

AI QUE VIDA!!! ESTA VIDA DE LISBOA!  ( por Dead Combo )
Lisboa das ruelas e do pregão
Coisas antigas que rolam na rua e no chão
Lisboa dos sabores da partida e da chegada
Lisboa diferente da luz e das cores, mestiça de valores
Lisboa da noite do underground e da léria da vizinha!
Barbeiros de Lisboa que sabem tudo,
Poetas do cais que não sabem nada

Que vida tão boa esta vida de Lisboa
Que boas estas gentes de Lisboa

Passamos a noite em branco
Com o Tejo aqui ao lado
Juntámos os ossinhos em pranto
Mas estamos vivos na baixa e no chiado!

 

Retirado do Sapo Música

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email