Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

 

Letra

 

Sopra a força do vento,sobre o mar e a corrente
Enquando sobra mais alguém que não nada
E se afoga no tempo,não nasceu pra capitão nem com ancora...e morreu à pirata
...um olho não ajuda se não há cegos!
Somos todos diferentes e a igualdade não dá egos
É só pregos,grades remorços...maioria minoria com o oficio a dar nos ossos
Diz-me o que é que tu fazes,ou o que é que eu faço que não vai....e dispersa-se a deriva
"Ha porque isto sao fases"
"Ha porque isto está quase",por que "isto aqui só funciona à tentativa"
É o cartão de residente..é a cruz pró Presidente...
Dá um tiro bem no meio se não estás feliz!
Sou filho de Gabriel,também sou um Pensador e quando penso realmente
No que a dor me diz...
"É vento a mais...o que tempo trás? ...é vento a mais
É tempo a mais...o que vento trás? ...é tempo a mais."

É tudo paz e amor como o homem que-o disse
Mas não querem que o Homem sonhe ou cobiçe
Nem Lennon,nem Jackson nem Cristo nem tu
Nem o proximo a ser crucificado na cruz...(credo)!
Sim,é o acreditar e não passar daí....
Perder a cabeça e deixar o juízo falar por si
Vão-se a fé,os costumes,a educação,os alunos...
A paciencia,a vontade e a confiança
O que cança porque espera, porque a maré não muda e larga o remo quando vê que não alcança;
O emprego que está pendente,a esmola pra dar ao dente
A favela pra morar porque não estás feliz...
Sou filho de Gabriel,também sou um Pensador e quando penso realmente
No que a dor me diz...
é isto que eu digo, e é isto que eu faço porque eu tambem funciono a tentativa
"Ha porque isto sao fases"
"Ha porque isto está quase" então pra que eu não fique mais a deriva...
Que sopre a força do vento
Sobre o mar e a corrente
Enquando sobra mais alguém que não nada
E se afoga com o tempo
Não nasceu pra capitão nem com ancora...e morreu à pirata

"É vento a mais...o que tempo trás? ...é ventoo a mais
É tempo a mais...o que vento trás? ...é tempo a mais."

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email