Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

Xutos & Pontapés actuam pela primeira vez em Londres
Os Xutos & Pontapés, o mais antigo grupo rock português em actividade, vai actuar em Junho em Londres, uma estreia no Reino Unido em 34 anos de carreira, foi hoje anunciado.

O grupo, que prepara a edição de um novo álbum, tocará a 29 de Junho na O2 Academy Brixton, localizada numa zona "conhecida como 'Little Portugal', aí residindo cerca de 120 mil portugueses", referem os promotores, a ZdM Euroshow e o jornal Hora H, em nota de imprensa.

 

Ainda antes de actuarem em Londres, os Xutos & Pontapés tocam a 22 de Junho no Estádio do Restelo, em Lisboa, no festival Portugal ao Vivo.

 

A banda tem estado a trabalhar em temas novos, para o álbum sucessor de "Xutos & Pontapés", de 2009, num ano em que Kalú, o baterista, se estreou a solo, e em que Tim, baixista e vocalista, se voltou a juntar aos Resistência, que regressaram em 2012 aos palcos.

 

Os Xutos & Pontapés têm 34 anos de existência, desde que actuaram pela primeira vez ao vivo, a 13 de Janeiro de 1979, nos Alunos de Apolo, em Lisboa, sendo autores de êxitos de rock em português como "Homem do leme", "Contentores", "Não sou o único", "Chuva dissolvente" e a versão do tema "A minha casinha".

 

Do grupo fazem parte Zé Pedro, Tim, Kalu, João Cabeleira e Gui, condecorados em 2004 com o grau de comendador da Ordem do Mérito, pelo antigo Presidente da República Jorge Sampaio.

 

Retirado do Sol

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.