Sábado, 4 de Maio de 2013

Cuca Roseta canta novo álbum no Mosteiro dos Jerónimos


A fadista Cuca Roseta apresenta o seu novo álbum, “Raiz”, na segunda-feira e afirmou à Lusa que “o fado é a procura da verdade” - refletindo, este disco, essa busca.


“Raiz”, constituído por 14 temas, maioritariamente de autoria - letra e música - de Cuca Roseta, é apresentado segunda-feira, às 18:30, nos claustros do Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, “um local simbólico da coragem e força dos portugueses, que faz sentido evocar, numa altura de baixa autoestima e autoconfiança nacionais”, justificou a intérprete.

 

A fadista afirmou à Lusa que o fado é a sua “paixão”, um género que “não é superficial, é muito profundo, não é para mostrar voz”. “O fado – afirmou – é a voz da alma, exige silêncio para se ouvir porque é reflexivo”. “Estudo muito o fado, vou muito aos antigos, aprofundo o que faço”, disse.

 

Referindo-se ao facto de assinar a letra e música de dez temas e ainda a música para um poema de Florbela Espanca e duas letras, para quais compuseram André Sardet e Pedro Lima, Cuca Roseta afirmou que o processo “surgiu de forma natural". “As músicas que compus para o primeiro disco tiveram boa aceitação e muitas pessoas pediam-me para compor mais, e comecei por tentar fazer um fado menor, e um a um foram surgindo naturalmente”, disse a intérprete. “Tentei fazer uma marcha, depois escrever uma letra sobre a Amália [Rodrigues], em seguida compor um fado menor, que é o meu preferido, e depois um mais alegre, e foi uma surpresa pois fui criando e foi surgindo”, contou.

 

No álbum, “queria falar do fado, do que sinto e como me expresso no fado, o que ele representa para mim, que é tudo; queria falar de Lisboa e de Amália, é claro”, disse a fadista.

 

“Fado do Cansaço” abre o CD, que inclui ainda o “Fado da Essência”, o “Fado do Contra”, “Fado do Abraço”, “Fado Proibido” e o “Fado do Perdão”, entre outros, como a “Marcha da Esperança”, uma homenagem à fadista Amália Rodrigues, falecida em outubro de 1999.

 

Além de Cuca Roseta, os dois autores escolhidos são o “chef” José Avillez, que Tozé Brito musicou, e Florbela Espanca, poetisa que a fadista considera “imprescindível” nos seus discos e da quem escolheu o “Fado da Vaidade”, que musicou.

 

“O tema da Florbela é como olhar-me ao espelho, pois é um atrevimento escrever, compor e lançar um álbum, e no poema ela afirma que é a poetisa eleita, aquela que diz tudo e tudo sabe, até que acorda do sonho e nas suas palavras afirma: ‘não sou nada’”, disse a intérprete. “Quanto ao ‘chef’ Avillez, ele escreveu um poema de índole católica, o que me levou a escolhê-lo, e também porque no anterior álbum também encerrei com o fado ‘Avé Maria’, e é algo que faz parte da minha vida”, disse. “Cada um destes temas conta uma história de vida que se passou comigo, e as outras pessoas acabam por se encontrarem também nelas e partilhá-las”, sustentou.

 

A fadista é acompanhada, no álbum, por cinco guitarristas - Bernardo Couto, Luís Guerreiro, Eurico Machado, José Manuel Neto e Bruno Costa -, por Pedro Pinhal, em viola, e pelo contrabaixista Rodrigo Serrão.

 

Segunda-feira, nos claustros dos Jerónimos, Cuca Roseta será acompanhada por Bernardo Couto e Luís Guerreiro, na guitarra portuguesa, Bruno Costa, na guitarra de Coimbra, Pedro Pinhal, na viola de fado, e Frederico Gato, no baixo acústico.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 21:25 | link do post | comentar

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

O Blog Mudou de casa

Fado Insulano - José Mede...

Cantiga da terra - Zeca M...

"Aprendiz de Feiticeiro -...

Milhafre das Ilhas - Luis...

Sara Tavares - Ter Peito ...

Banho Maria - Não Há Amor...

Sara Tavares - Fitxadu ft...

JUNGLE EVA - TT SYNDICATE

João Granola estreia vide...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds