Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

04 Fev, 2013

Ultraleve - A Chata

 

 

letra

 

Dizes que não gostas de mentiras, 
Que estás farta de conversas, 
Que és bem diferente das outras 
Que me andam a rondar

Dizes que és de outra colheita, 
Duma casta apurada
Que teu sangue em pouco ferve
Basta-me p'ra ti olhar

Teimas que sou como os outros, 
Que não se aproveita um só
De tão previsíveis serem, 
Homens até te dão dó

Dizes que não te mereço,
Mas não arredas teu pé
Ainda agora aqui cheguei
E olha, voltava p'ró café

Não me venhas com conversas, 
Outra vez a mesma fita
Não aguento a desdita, 
És uma chaaata
Basta tanta conversa barata, 
Não vale nem a beata
Deste cigarro que fumo, 
És uma chaaata

Dizes que não gostas de ilusões
Teus sonhos eram outros
Que estás farta dos serões
A navegar na internet

Desejas um novo rumo
Já baixaste o salva-vidas
E à força queres-me ao leme
No teu mar de frustrações

Mas se eu sou igual aos outros, 
O que esperas tu de mim?
Antes só que em companhia, 
De quem se diz tão ruim

Sou má peça eu bem sei 
E nunca te escondi
Mas também nunca te dei
menos do que prometi

Não me venhas com conversas, 
Outra vez a mesma fita
Não aguento a desdita, 
És uma chaaata
Basta tanta conversa barata, 
Não vale nem a beata
Deste cigarro que fumo, 
És uma chaaata

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.