Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

Kalú

 

APRESENTAÇÃO OFICIAL DA ESTREIA A SOLO DO MÍTICO BATERISTA MARCADA PARA 7 DE FEVEREIRO, NO TEATRO DO BAIRRO, EM LISBOA, E 14 DE FEVEREIRO, NO HARD CLUB, NO PORTO

EDIÇÃO ESPECIAL FNAC COMPOSTA POR DISCO E BILHETE PARA CONCERTO DE APRESENTAÇÃO JÁ ESTÁ DISPONÍVEL!

A espera, finalmente, terminou: «Comunicação», o primeiro álbum de Kalú, chega hoje às lojas! A estreia a solo do mítico baterista e fundador dos Xutos & Pontapés tem sido aguardada com tremenda expectativa e as declarações do próprio autor só elevaram a antecipação. Segundo Kalú, com «Comunicação»«parece que voltei a nascer para a música».

As 10 canções que compõem «Comunicação» nasceram quando o baterista estava a trabalhar no mais recente registo dos Xutos & Pontapés. «Estávamos todos a fazer músicas e eu fui fazendo coisas mas sentia que, algumas, não se encaixavam no perfil dos Xutos». Reuniu estas ideias e não as deixou morrer: Kalúassina todas as músicas das canções de «Comunicação», cujas letras ficam repartidas entre Vasco Ferreira e o produtor Ramon Galarza. Mas que se desengane quem pensa que a única surpresa de«Comunicação» é encontrar Kalú em nome próprio: «Pela Noite Dentro» marca, igualmente, a sua estreia como letrista.

À venda a partir de hoje, «Comunicação» está também disponível numa edição especial FNAC, composta pelo álbum e por um bilhete para um dos concertos de apresentação oficial, agendados para dia 7 de Fevereiro, no Teatro do Bairro, em Lisboa, e dia 14, no Hard Club, no Porto.

«Tu Aí», «Falhas» ou «Sem Eira Nem Beira» são documentos inesquecíveis aos quais Kalú deu voz. «No historial dos Xutos, desde o primeiro álbum, cantei sempre umas músicas. Esta coisa de cantar esteve sempre presente». Quem o conhece, sabe que a música faz parte dele, como o sangue que lhe corre nas veias. E também sabe que, para si, o rock é tão importante como o ar que respira. Não é, por isso, de estranhar que «Comunicação»tenha sido feito, única e exclusivamente, pelo prazer de tocar. «Fiz este álbum porque adoro fazer músicas. Estou a divertir-me imenso, a adorar esta experiência. E espero que as pessoas gostem».


Vídeo de Demagogía:



Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.