Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

Se a noite escura demora  
Cativa dentro do meu peito  
Pressinto quando me deito  
A voz de alguém, que hoje não vem  
E mora em mim a toda hora  
 
Falando grave e escondido  
Por entre as coisas reais  
Suspende a força da vida  
E não é ninguém, ah e não é ninguém  
Somente sombra e nada mais  
 
Porém a voz que se ouvia  
Morre com a noite no cais  
E o sol agora me alumia

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email