Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

letra

 

O vendaval passou
E a primavera voltou
Trocam-se flores e afagos
Em bancos de jardim
Trocam-se juras de amor
Em paixões de folhetim
O sol aconchega os corações
E o povo canta as canções
Trauteando, mão na mão
Cada verso cada refrão
E até os pássaros sabem de cor
As suas cantigas de amor
Que mundo tão feliz
E até parece Paris

Trocam-se juras de amor
Em delírios febris
E elas desfilam em bando
E eles pedem bis
Mas enquanto isso, meu coração
Despedaçado e só
Dá o mote e dá o tom
Afina o ritmo e alisa o som
E escolhe os versos que vestem melhor
As suas cantigas de amor

Mas enquanto isso, meu coração
Despedaçado e só
Dá o mote e dá o tom
Afina o ritmo e alisa o som
E escolhe os versos que vestem melhor
As suas cantigas de amor
As suas cantigas de amor
As suas cantigas
As suas cantigas
As suas cantigas de amor 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.