Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

Mazelab

 

A banda natural de Paço de Arcos apresenta ao vivo o segundo trabalho discográfico intitulado «Evolution» no dia 25 de janeiro no Hard Rock Café, em Lisboa, pelas 22:00. 

As influências musicais dos Mazelab são «diversas» e englobam o ‘hard’ dos Led Zeppelin, os ‘blues’ de Jimi Hendrix, passando por alguns territórios considerados mais ‘funky’, ‘soul’ e ‘jazz’.

«Os Mazelab são puro ‘rock’, embalados por uma voz que nos transporta para um ambiente intenso e com uma energia única», explicam em comunicado enviado ao Sapo Música.

 

O primeiro single extraído deste disco - «Compromise» - é o hino do projeto Make it Possible apoiado pela Campanha Objectivos 2011 das Nações Unidas. A capa de «Evolution», desenhada pelo artista plástico Paulo Arraiano, ganhou um Prémio Internacional de Design - IDN Design Award.

Com dez anos de carreira, o grupo editou dois discos e, para 2012, a banda pretende que este seja um ano «decisivo» para dar a conhecer os seus temas.

Neste sentido vão subir ao palco improvisado no Hard Rock Café, em Lisboa, no dia 25 de janeiro, pelas 22:00. Trata-se de um concerto solidário, o qual, com entrada gratuita, convida cada espetador a depositar no local um donativo a ser entregue à Associação MIMAR.

A instituição de solidariedade social tem como missão acolher crianças em perigo e trabalhar para que voltem a ter uma família (natural ou adotiva) que as proteja e valorize, pode ler-se na página da associação na Internet.

Paulo Ramos (voz) Luis Nené Peleira (guitarras), Zé Moreira (bateria acústica) e Leopoldo Gouveia (baixo) são os músicos que formam os Mazelab.

Videoclip de «Compromise»

 

Via Sapo Música

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email