Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

Pássaro, Mulher Homem, Alucina e ALF ao vivo na Baixa-Chiado PT Bluestation

 

À semelhança do que aconteceu em meses anteriores, todas as sextas-feiras de janeiro haverá música portuguesa ao vivo e gratuita na estação de metro Baixa-Chiado PT Bluestation, em Lisboa. As atuações de PássaroMulher HomemAlucina eALF são as propostas para este mês.

Tratam-se de «atuações sem palco», com «uma rara proximidade» entre as bandas e o público e têm entrada livre, informa a organização em comunicado.

 

Dia 6 de janeiro, Gonçalo Miragaia inaugura a primeira sexta-feira do ano na estação de metropolitano Baixa-Chiado com o seu projeto Pássaro, acompanhado apenas pela sua guitarra. «Porque os pássaros também cantam sem porquês ou com muitos e difíceis de explicar», refere o autor.

 

Na sexta-feira seguinte, dia 13, é a vez dos Mulher Homem. «Quando se sentirem amorfos em casa e com vontade de exorcizar a semana que carregam às costas, marquem encontro com a Mulher Homem», explica André Conceição da promotora responsável pela agenda do mês de janeiro - Movimento Alternativo Rock (MAR) – sobre a banda.

 

No dia 20 são os Alucina a apresentarem-se em concerto, «sem palco nem artifícios». «Gostamos de extremos, porque algures no meio dos dois está a resposta», detalham, citados no mesmo comunicado.

 

Na última sexta-feira do mês, dia 27, os ALF encerram a programação de janeiro na estação da Baixa-Chiado. «O momento é algo que na realidade nunca existe», comentam.

 

Todos os concertos começam às 21:00 e a entrada é livre.

 

A organização adianta ainda a existência de um outro momento musical da programação deste mês.

 

Intitulado «Músicas com Alma», vai ter lugar no sábado, 21 de janeiro, entre as 15:00 e as 18:00, e conta com a atuação de músicos e cantores conhecidos pelos lisboetas nas ruas da cidade, mas desta vez vestidos pelo criador de moda e comissário da agenda de janeiro na estação Baixa-Chiado, Dino Alves.

 

Movimento Alternativo Rock (MAR) nasceu há três anos a partir de um grupo de músicos que se uniram para criar o seu próprio motor de promoção. Com ideias inovadoras, tentam dar ao público algo diferente, criando um elo de intimidade com os ouvintes de música portuguesa e tenta também dar uma oportunidade para novos projectos musicais se mostrarem em palco e exporem a sua arte num espírito de cooperação e companheirismo.

 

Retirado de Sapo Música

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email