Quinta-feira, 26 de Janeiro de 2017

paus.jpg

 

Paus

6 anos depois voltam a fazer  “SÓ DESTA VEZ” no LUXFrágil

23 de fevereiro, 27 de Abril e 29 de Junho.

 

Em 2010, só com 4 músicas, os PAUS lançavam o seu primeiro e.p. com um objectivo simples: ter visões, falar línguas, ir a lugares estranhos.

 

A aventura e a colaboração estão no adn da banda. 

 

Por desafio do LUXfrágil, em 3 noites deixaram que 3 grupos de convidados mudassem o tecido das suas 4 canções. O ciclo Só Desta Vez tinha a força simples do seu nome e conceito - 3 concertos únicos, irrepetíveis e por isso imperdíveis.

 

Só Desta Vez I recebeu Filho da Mãe, João Nogueira (Riding Pânico) e Eduardo Raon para criarem uma barragem sónica com a ajuda de um trio atípico de cordas. Só Desta Vez II com DJ Ride e RIOT (Buraka Som Sistema) elevaram o bounce dos PAUS a níveis épicos. Só Desta Vez III, o último deste ciclo, com ajuda de Chris Common e do Grupo Tocandar, juntou o ritmo do rock contemporâneo aos padrões primordiais dos bombos portugueses.

 

De alguma forma, estas 3 noites começaram a mapear a genealogia musical dos PAUS e obrigaram a que os próprios músicos se apercebessem dela para criarem um vocabulário cada vez mais seu.

 

Agora, 6 anos depois os PAUS ainda têm sede de experimentar. O quarteto volta ao LUXfrágil para um novo ciclo Só Desta Vez.

 

23 DE FEVEREIRO: SÓ DESTA VEZ IV

27 DE ABRIL: SÓ DESTA VEZ V 

29 DE JUNHO: SÓ DESTA VEZ VI

 

Os primeiros convidados serão anunciados dia 30 de Janeiro, à volta de um café no espaço Delta Q na Avenida da Liberdade em Lisboa.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

Tema: "Erva-de-Cheiro"
Letra e Voz: Capicua
Música: Pedro Geraldes

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

hmb.jpg

 



HMB novo disco "MAIS"

 

MAIS, o novo álbum dos HMB nasce numa fase de muita estrada e de crescente popularidade.


Acabou o efeito surpresa de ter uma banda a cantar em português canções com características mais soul e RnB e por isso os HMB apostaram em sedimentar o futuro com um trabalho inundado de canções honestas e de uma ambição assumida em chegar mais longe.


Em MAIS, o leque de influência está mais alargado do que nunca , o pop dos anos 80, as guitarras  de Lenny Kravitz, a crueza de Kendrick Lamar, a frontalidade lírica de quem não esconde nada, a presença do som de Prince e os arranjos vocais que só o Heber consegue fazer, orquestrados pela batuta dos dois alicerces inabaláveis inerente aos HMB - Soul e RnB.
 
CARMINHO, junta o fado à soul em “O Amor é assim” - indiscutivelmente uma das canções do ano - e EMICIDA, traz o calor do Brasil a “Estrela Brilha”.


Mesmo a acabar o disco, DJ Ride empresta o seu talento na co-produção do tema titulo “Mais”.
 
Mais gratos, Mais Maduros, Mais aventureiros. Este disco nasce num período de muito trabalho e realização pessoal enquanto banda, resultado de muitas coisas que vimos, sentimos, vivemos e experimentámos.
 
MAIS o terceiro disco dos HMB, chega às lojas no dia 10 de Fevereiro



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Amanhã (David Arroz/António Côrte-Real)

 

Tu

Deixaste a cidade

Ficou a saudade

Ficaram as ilusões

 

Eu

Com grande ambição

Escrevi a canção

Para várias gerações

 

Eu quero estar ao teu lado

Amanhã de manhã

Quero sonhar ao teu lado

Amanhã de manhã

 

Tu

Perdida no espaço

Deixaste o abraço

Caído no chão

 

Eu

Sem dizer nada

Sigo na estrada

Rumo ao teu coração

 

Eu quero estar ao teu lado

Amanhã de manhã

Quero sonhar ao teu lado

Amanhã de manhã

 

O meu muito obrigado à banda pelo envio da letra

 

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

união das tribos.jpg

 

UNIÃO DAS TRIBOS
 

novo disco "AMANHÃ"
 

O novo disco da União das Tribos é a página que separa dois capítulos. Apresentando um novo vocalista – Mauro Carmo – e com meses de pleno prazer, acompanhado pela guitarra, foi assim que António Côrte-Real, o principal impulsionador do grupo, foi imaginando as canções de “Amanhã” – o segundo disco da carreira do grupo.

Depois, já em parceria com David Arroz, foi surgindo a composição das letras, e a entrada em estúdio, com a banda reunida e a escolha dos convidados, deu origem ao que pode ouvir-se hoje, neste registo.

 

“Amanhã” inclui 9 temas originais e duas versões, uma das quais da “Canção do Engate”, com interpretação de Miguel Ângelo. Esta e as outras canções, que ao vivo, revelam toda a garra, resistência e puro rock que as alimentam, contam igualmente, com a participação de um leque de convidados, neste novo disco. Tim, António Manuel Ribeiro, Carlão, Anjos e Mafalda Arnauth são os nomes que dão voz aos temas de autoria de António Côrte-Real e David Arroz.


"Amanhã" é o primeiro single, já disponível em formato digital. O disco está à venda a partir de 3 de Fevereiro.

 

No dia 11 de Fevereiro, a União das Tribos apresenta “Amanhã” em Almada, no Auditório Fernando Lopes Graça, pelas 21h30, com a participação de Tim, Anjos e António Manuel Ribeiro.

 

 

União das Tribos Formação:

António Côrte-Real - Guitarra
Wilson Silva - Bateria
Cebola - Baixo
Mauro Carmo - Voz

 

 



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Já vi o que se passa aqui
Vês a grandeza entranha a emoção
E nem sabes o que sentir, é duravel

Vejo que os humanos nunca mudarão

Abre os olhos deixa-te ir
sim sou mesmo eu estás a ouvir?
É estilo a mais para absorver
Um semi-deus tu estás a ver

Eu só tenho a dizer de nada
Pelas marés o sol e o céu
Está tudo bem mesmo bem de nada
Não faltam semi tipos como eu

Bem que podia continuar
E os fenomenos da natureza explicar
Marés o sol enfim
Era eu o mau e a brincar assim

A cobra matei nao resistiu
Arvores trouxe e um côco caiu
A lição que foste aprender
Pois tu olha que o mau
E nao é para surpreender

E na pele eu também desenhei
É um mapa do que eu já ganhei
Pergunta eu ando vestido aconteçe
Olha para o mini mau e mauzão que apeteçe

Canta e aqueçe o beat elouqueçe
A malta mereçe
O rap aconteçe
O refrão não esqueçes

De qualquer forma direi de nada
Porque o mundo fiz existir
Está tudo bem mesmo bem de nada
Vencendo o bem fez ecloudir

É a tua vez de dizer de nada
Do mar que eu vou precisar
Para longe eu vou navegar de nada
O mundo mau vai durar

De nada! de nada!!

 



publicado por olhar para o mundo às 01:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 25 de Janeiro de 2017

the oafs.jpg

 

"My Superhero" é o primeiro single retirado do álbum "My Scars and Stories"
 

Comentários bastante positivos aos vídeos e música dos The Oafs têm chegado de diversos lados, como os rasgados elogios de Scott Hopkins (Music Fest News/USA):


"Great videos! Wonderful music! We will certainly be hearing more from this amazing quartet!".

 

 

 

Em finais de 2016 editaram o álbum “My Scars and Stories”, onde: “contamos histórias e expomos as marcas, boas e más, que nos constroem como pessoas. Contamos desabafos que nos saem da alma, nos acordam de noite e nos obrigam a escrever”, revelam os elementos de The Oafs.

Ouvir “My Scars and Stories” reverbnation >

 

Acompanhem os The Oafs no facebook >



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

(MARYO)
Hummm

Tu es ma chérie
Ma chérie
Oh uh oh oh

Não sei por onde começar
Mas vou dizer que me encantas
Só sei que eu fico sem ar
E tudo em mim se levanta

De onde vem essa mulher
Que me deixa louco
E faz meu corpo tremer
Baby, eu fico maluco

Ma chérie
Ma chérie (tu es)
Ma chérie (tu es, tu es)
Ma chérie
Ma chérie (ohuohoh)
Ma chérie (tu es, tu es)
Ma chérie
Ma chérie

(DANITO)
Baby, o que eu quero de ti
É ter-te p'ra mim ma ma ma chérie
Tu tens tudo o que eu procuro
Em ti encontro tudo o que
Já não pensava existir

Tens tudo aquilo que deixa um homem maluco
Considero-me um homem sortudo
Por isso baby, vem
Vamos mais além
Por ti eu faço tudo
Por ti vou ao limite
Dizem que eu sou maluco
Mas só sou maluco por ti

Baby, dá-me mais
Baby, eu quero mais
Eu quero mais de ti
Porque baby, tu és...

(MARYO)
Ma chérie
Ma chérie (tu es)
Ma chérie (tu es, tu es)
Ma chérie
Ma chérie (ohuohoh)
Ma chérie (tu es, tu es)
Ma chérie
Ma chérie

Mon amour
Comment ça va bien?
Desde que te vi
Eu virei teu fã
Owww

Mexeste comigo assim, Bela
Agora és minha Cinderela
Não...
E baby não te vou largar

Onde é que andaste este tempo?
Chérie, sabes tens talento
Esmagas o meu sentimento
Uhohuhohoh

2x
Agora we
Não foge we
Me toca we
Assim
Me beija we
Me agarra we
Faz isso ma chérie

Ma chérie
Ma chérie (tu es)
Ma chérie (tu es, tu es)
Ma chérie
Ma chérie (ohuohoh)
Ma chérie (tu es, tu es)
Ma chérie
Ma chérie

2x
Agora we
Não foge we
Me toca we
Assim
Me beija we
Me agarra we
Faz isso ma chérie

2x
Ma chérie
Ma chérie (tu es)
Ma chérie (tu es, tu es)
Ma chérie
Ma chérie (ohuohoh)
Ma chérie (tu es, tu es)
Ma chérie
Ma chérie

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

deolindakinzimba.png

 

Deolinda Kinzimba no Festival da Canção

Vencedora do “The Voice Portugal” vai interpretar canção composta por Rita Redshoes.

A jovem cantora Deolinda Kinzimba, que ficou conhecida depois de se ter consagrado vencedora da edição de 2015 do concurso “The Voice Portugal”, foi a escolhida por Rita Redshoes para participar na edição deste ano do Festival da Canção.

Deolinda Kinzimba vai interpretar "O Que Eu Vi Nos Meus Sonhos", uma canção da autoria de Rita Redshoes e Senhor Vulcão, sendo que vai participar já na primeira semifinal do Festival da Canção, a ter lugar no dia 19 de fevereiro. Este ano o festival conta ainda com canções assinadas por artistas como Luísa Sobral, Pedro da Silva Martins (dos Deolinda), Nuno Figueiredo (dos Virgem Suta), entre outros. 

Esta participação no Festival da Canção de 2017 sucede-se à sua estreia em nome próprio com o single “Primeira Vez”, cujo vídeo oficial soma mais de 180 mil visualizações no YouTube, enquanto o vídeo da apresentação deste tema no palco do “The Voice Portugal” de 2016 já ultrapassou as 300 mil visualizações.

O single foi escrito e composto por Guilherme Alface, dos ÁTOA, e produzido por Diogo Piçarra. No final do ano passado, Deolinda Kinzimba participou ainda na versão portuguesa do popular filme de animação “Cantar!”, tendo dado voz à personagem de Meena.



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Tu disseste "quero saborear o infinito"
Eu disse "a frescura das maçãs matinais revela-nos segredos insondáveis"
Tu disseste "sentir a aragem que balança os dependurados"
Eu disse "é o medo o que nos vem acariciar"
Tu disseste "eu também já tive medo. muito medo. recusava-me a abrir a janela, a transpôr o limiar da porta"
Eu disse "acabamos a gostar do medo, do arrepio que nos suspende a fala"
Tu disseste "um dia fiquei sem nada. um mundo inteiro por descobrir"
Eu disse "..."

Eu disse "o que é que isso interessa?"
Tu disseste "...nada"

Tu disseste "agora procuro o desígnio da vida. às vezes penso encontrá-lo num bater de asas, num murmúrio trazido pelo vento, no piscar de um néon. escrevo páginas e páginas a tentar formalizá-lo. depois queimo tudo e prossigo a minha busca"
Eu disse "eu não faço nada. fico horas a olhar para uma mancha na parede"
Tu disseste "e nunca sentiste a mancha a alastrar, as suas formas num palpitar quase imperceptível?"
Eu disse "não. a mancha continua no mesmo sítio, eu continuo a olhar para ela e não se passa nada"
Tu disseste "e no entanto a mancha alastra e toma conta de ti. liberta-te do corpo. tu é que não vês"
Eu disse "o que é que isso interessa?"
Tu disseste "...nada"

Eu disse "o que é que isso interessa?"
Tu disseste "...nada"

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar | ver comentários (1)

concertosaproposito.jpg

 

 

Em SESIMBRA

    “Concertos a Propósito”
 
O Carnaval, a Poesia, a Revolução, o Pescador
        um concerto por mês a propósito de…
 

A actuação de Fred Martins antecipa, o Carnaval de Sesimbra, inspirado na tradição brasileira. 

 

Em Março, a propósito do Dia Mundial da Poesia, o palco recebe Luiz Caracol, músico e compositor português que já colaborou com algumas das grandes referências da música portuguesa. 

Um mês depois, é a vez dos Couple Coffee se associarem às comemorações do 25 de Abril com a interpretação das músicas de Fausto Bordalo Dias, um dos mais importantes cantautores da revolução dos cravos. 

O ciclo despede-se em maio, mês em que a vila de Sesimbra celebra a festa em honra do Senhor Jesus das Chagas, e assinala o Dia do Pescador, com uma das vozes da nova geração de fadistas portugueses: Cristiana Águas.


Local: Cineteatro Municipal João Mota

Horário da Bilheteira: Quarta a Domingo, das 16 às 20h ou nos sites habituais
Em dias de espetáculo e cinema, o horário é prolongado até 30 minutos depois do início dos mesmos.



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

á dá para ver
Que amar não querer
é não ter fé
Não saber

E sei que te falei
Sem medo com dedo na ferida
Mas só porque para mim
És querida minha fada amiga

Solto aqui
Meu grito viril
Honestidade febril
Meu amor por ti
Para além de abril

Mas eu sou mais
Muito mais
Com você
Com você (2x)

Já levaste o coração
Alma e mentem sem meta tu
A minha acção, contradição
é tradição de belzebu
mascarado de bebé chorão (2x)

Mas eu sou mais
Muito mais
Com você

 

Music & Lyrics by Nástio Mosquito

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

ivan pedreira.jpg

 

 
IVAN PEDREIRA
 
 
 
"FuzaMiura" é o seu 1º álbum, lançado em Outubro de 2016. Tem uma sonoridade Pop/Rock e é cantado em Português.

Ivan Pedreira é Baixista, Compositor, Produtor, Cantor e fundador da marca "Arte dos Sons", direcionada para composição, produção e ensino.
No seu percurso profissional como Baixista trabalhou com muitos e variados nomes e projetos do mercado nacional, tanto ao vivo como em estúdio, mas é nos seus originais que se realiza e investe milhares e milhares de horas de trabalho, empenho e entusiasmo.

O nome FuzaMiura surgiu da origem deste projecto, da dualidade masculino/ feminino existente em todos os relacionamentos e no interior de todos nós: Fuza, (fusa) representa a sensibilidade, delicadeza e fragilidade do lado feminino; Miura, (touro bravo) a força, robustez e determinação do lado masculino.
A mensagem deste álbum é a de que todas as pessoas têm valor, mesmo se ainda não o descobriram em, e para si próprios. Que cada dia é um novo dia, com uma nova energia, com uma nova vontade e com uma nova oportunidade de se respeitarem e de serem felizes.

Em palco poderemos contar com:

Ivan Pedreira - Baixo e Voz
Nozes - Guitarra e Coros
Cláudia Correia - Teclado
Rafael Burguete - Bateria e Coros
Bruno Pedreira - Percussão e Coros
Pedro Maia Lopes - Guitarra
João Afonso - Coros
 
MÚSICA
11 Fev | 21:30H | 6€


publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 24 de Janeiro de 2017

 

Letra

 

Calema - A Nossa Vez

Eu quero estar
Mais próximo do teu olhar
E viajar nesse mundo que só nos teus olhos eu posso ver

Eu quero gritar
Ainda que me falte a voz
Ou te dizer bem baixinho no ouvido que agora é a nossa vez




Vou Marcar no meu corpo a frase mais bela que existe de amor
E prometer nos meus beijos
Que só nos teus beijos
Eu quero viver


E quando acordares
eu quero lá estar
E vais perceber que o céu que tu procuras sempre foi teu

Refrão
Eu quero estar ao teu lado pra sempre
Relaxa e deixa-me fazer-te sorrir
É ao teu lado que eu me sinto diferente
É ao teu só teu


Quero te levar
A onde mais ninguém levou
Onde o ar cheira flores
E as flores são espelho de quem eu sou

Eu quero gritar
Ainda que me falte a voz
Aceita agora é a nossa vez


E quando acordares
Eu quero lá estar
E vais perceber que o céu que tu procuras sempre foi teu

Refrão
Eu quero estar ao teu lado pra sempre
Relaxa e deixa-me fazer-te sorrir
É ao teu lado que eu me sinto diferente
É ao teu só teu


E quando eu te tocar
Vais ver
Que este sonho é real
Podes crer
E quando luz se apagar
Vais ver
Que o nosso Amor vai brilhar

E quando acordares eu quero lá estar
E vais perceber que o céu que tu procuras sempre foi teu

Eu quero estar
ao pé de ti
Pra sempre ficar
E nunca mais fugir 4x

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar | ver comentários (2)

carla pires.jpg

 

 
CARLA PIRES Agenda de concertos
 
Carla Pires encerrou o ciclo de concertos de 2016 com chave de ouro, dando um excelente concerto no Théâtre de la Ville em Paris, no dia 26 de Novembro, acompanhada por Luis Guerreiro (guitarra portuguesa), Bruno Mira (guitarra portuguesa), André Santos (guitarra clássica) e Marino de Freitas (baixo acústico). Acerca deste concerto o jornalista Jean-Luc Gonneau escreveu: “Carla Pires, é uma Primavera ambulante. E esta Primavera regressou, durante o tempo de um concerto, ao Théâtre des Abesses, neste sábado sombrio de Novembro."(Lusojournal, 30.Nov.2016)
 

Em 2017, Carla Pires retoma a tour de apresentação do seu novo álbum "AQUI"  no dia 4 de Março em Vernier (Genebra). Seguem-se 3 concertos no Festival Women in (e)motions*, em Bremen (Alemanha), nos dias 8,9 e 10. A fadista fará uma incursão ao País Basco a 30, 31 de Março e 1 de Abril e regressa a Gent e Bruxelas a 20 e 21 de Abril respectivamente. Ainda em Abril algumas datas a confirmar.


Nestes concertos, Carla Pires será acompanhada por Bruno Mira (guitarra portuguesa), André Santos (guitarra clássica) e André Moreira (baixo).

* A Ocarina levou o fado pela primeira vez ao estrangeiro a este festival, há quase 20 anos. Desde então e até agora, levámos centenas de concertos  aos 5 continentes. 



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

 

 

Letra

 

O fado nasceu um dia
Quando o vento mal bulia
E o céu o mar prolongava
Na amurada de um veleiro
No peito de um marinheiro
Que estando triste cantava

Ai que lindeza tamanha
Meu chão, meu monte, meu vale
De folhas, flores, frutas de oiro
Vê se vês terras de Espanha
Areias de Portugal
Olhar ceguinho de choro

Na boca de um marinheiro
No frágil barco veleiro
Cantando a canção magoada
Diz o pungir dos desejos
Do lábio a queimar de beijos
Que beija o ar e mais nada

Mãe adeus, adeus Maria
Guarda bem o teu sentido
Que aqui te faço uma jura
Que eu te leve à sacristia
Ou foi Deus que foi servido
Dai-me no mar sepultura

Ora eis que embora outro dia
Quando o vento nem bulia
E o céu o mar prolongava
A proa de outro veleiro
Velava outro marinheiro
Que estando triste cantava

 

Música: Alain Oulman
Letra: José Régio

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

paulo sousa.png

 

 

Paulo Sousa esgota Casa das Artes

No passado sábado, Paulo Sousa conciliou o lançamento do seu novo tema, com concerto na Casa das Artes em Miranda do Corvo. O artista entrou em 2017 da melhor forma, perante mais uma sala esgotada, continuando assim no bom caminho para mais um ano de sucessos.

O evento contou com o apoio do Município e do Clube Náutico local.

 

Novo single incluido na novela "Ouro Verde", da TVI

O novo tema de Paulo Sousa intitula-se "Eu Não Vou" e está desde a passada sexta-feira 13 de janeiro, disponível para venda e streaming em todas as lojas e plataformas digitais, chegando a atingir o 5.º lugar no Top de vendas do iTunes.

"Eu Não Vou" segue assim os mesmos passos para o sucesso dos singles anteriores "Não Me Deixes Ir", "Onde Quero Estar" e "Todos os Dias" incluídos nas bandas sonoras das novelas A Impostora, Santa Bárbara e Massa Fresca, contando já com mais de 8 milhões de visualizações no Youtube.

Paulo Sousa foi a voz do hino do MEO Sudoeste 2016, foi finalista da última edição do talent show Ídolos da SIC e é também o mais recente vencedor dos prémios "Artista Revelação" pela plataforma Quinto Canal e pelos Trend Music Awards.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Lua que brilha branca na manhã
Sobre o mercado dos melões de Ouro
Curiosa espreita as casas cor de rosa
À procura do nosso tesouro

O segredo a descobrir está fechado em nós
O tesouro brilha aqui embala o coração mas
Está escondido nas palavras e nas mãos ardentes
Na doçura de chorar nas carícias quentes

No brilho azul do ar uma gaivota
No mar branco de espuma sonoro
Curiosa espreita as velas cor de rosa
À procura do nosso tesouro

O segredo a descobrir está fechado em nós
O tesouro brilha aqui embala o coração mas
Está escondido nas palavras e nas mãos ardentes
Na doçura de chorar nas carícias quentes

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2017

pedro melo.jpg

 

 

PEDRO MELO ESTREIA-SE COM “THE STORYTELLER”

 

Depois de “Pete, The Little Giant” ter dado luz ao Outono que agora se despede, brindamos a chegada do Inverno com “The Storyteller” - o registo de estreia do cantautor bracarense Pedro Melo - uma compelativa colecção de canções imbuída na melhor tradição indie folk inspirada em nomes como Mumford & Sons, Damien Rice ou Of Monsters and Men.

 

Disponível para escuta nas principais plataformas de streaming, o EP surge com o selo da Music In My Soul. Para desfiar com encanto ao longo do rigoroso e gélido Inverno de 2017.

 

Pedro Melo nasceu a 21 de Dezembro de 1993 em Braga, onde reside até aos dias de hoje. Com o gosto pela música despertado pelos discos dos anos 70 e 80 que escutava em casa, foi já enquanto adolescente, aos 14 de idade, inspirado pelo álbum “Where The Light Is” de John Mayer, que decidiu comprar a sua primeira guitarra clássica, que aprendeu a tocar sozinho. Dois anos mais tarde começaria por acompanhá-la também com a voz, tendo registado as primeiras experiências no YouTube.

Aos 17 formaria a sua primeira banda com outros dois amigos, os Giant’s Magazine, de onde resultaram canções como “Tartarus” e trechos de letras que mais tarde deram origem a faixas como “The Storyteller” ou “The Bourbon Tissue”.

Pouco depois ingressaria na Universidade do Minho onde estudou Engenharia Informática durante dois anos, até que optou por mudar para Economia. Durante esse período, Pedro foi atuando em alguns eventos académicos e expandindo a sua vertente de instrumentista, ao aprender a tocar de forma autónoma banjo, bandolim e ukulele.

Aos 21 de idade, detetado pelos populares covers do seu canal de YouTube, foi convidado a participar na terceira edição do programa The Voice (RTP1) onde, na equipa de Mickael Carreira, enfrentou as “Provas Cegas” e as “Batalhas”, tendo sido eliminado na fase do “Tira Teimas”.

Com a participação no concurso chegaram as primeiras actuações ao vivo em nome próprio: Doçaria História à Mesa, A Toca e a B Concept Store foram alguns dos espaços que acolheram os primeiros originais de Pedro Melo.

Em 2017 edita o seu EP de estreia,“The Storyteller”, com o selo da Music In My Soul.



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

Tema: "A Cor da Rosa"
Letra e Voz: Capicua
Música: Pedro Geraldes

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

patricia candoso.jpg

 

 

“FRENÉTICA", O NOVO ÁLBUM DE PATRÍCIA CANDOSO

 

Depois de um longo período de maturação artística, Patrícia Candoso reactiva agora a sua carreira musical com a edição de um novo álbum, o terceiro do seu percurso.

 

“Frenética” reflete a maturidade de Patrícia enquanto mulher independente e artista consolidada na indústria do entretenimento, mantendo agora uma harmonização perfeita entre as vertentes de música, televisão e teatro.

 

Com o cunho criativo do cantor/compositor Mikkel Solnado e o selo da Music In My Soul, o novo álbum já se encontra disponível em edição digital, sendo antecedido pelos singles “Ready For It” e “Só Sei Que Nada Sei”. O lançamento físico será na próxima semana, a 27 de Janeiro.

 

O alinhamento de “Frenética” é composto por:

 

1 – “Frenética”

2 – “Quero-te Só Para Mim”

3 – “Desta Vez”

4 – “Give Me a Heartbeat”

5 – “Só Sei Que Nada Sei”

6 – “Em Bruto”

7 – “Nunca Foste Meu”

8 – “Ready For It”

9 – “Quero-te Só Para Mim” (Versão Acústica)



publicado por olhar para o mundo às 20:13 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

pimba.png

 

 

Não perca a oportunidade de ver ou rever pois pode ser a última apresentação em Lisboa!

"No ano passado aconteceu uma noite incrível no Coliseu do Porto. Este ano, o Festival Montepio Às Vezes o Amor desafiou o quinteto do "Deixem o Pimba em Paz" para bisar e repetir a dose no Coliseu de Lisboa. E nós felizes da vida. Vamos ter convidados incríveis, alguns deles inéditos nesta longa caminhada que já levamos no lombo.


Será dia 14 de Fevereiro, e os bilhetes já estão à venda.


É uma bela prenda de Natal, especialmente se não gostarem da pessoa a quem vai oferecer.
Para nós está sempre ganho, convosco na plateia ainda melhor." Bruno Nogueira

 

Coliseu Lisboa
14 Fevereiro às 22h
Preços: entre €15 e €30



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Didn't know what time it was and the lights were low
I leaned back on my radio
Some cat was layin' down some rock 'n' roll 'lotta soul, he said
Then the loud sound did seem to fade
Came back like a slow voice on a wave of phase
That weren't no D.J. that was hazy cosmic jive

There's a starman waiting in the sky
He'd like to come and meet us
But he thinks he'd blow our minds
There's a starman waiting in the sky
He's told us not to blow it
'Cause he knows it's all worthwhile
He told me
Let the children lose it
Let the children use it
Let all the children boogie

I had to phone someone so I picked on you
Hey, that's far out so you heard him too
Switch on the TV we may pick him up on Channel Two
Look out your window I can see his light
If we can sparkle he may land tonight
Don't tell your poppa or he'll get us locked up in fright

There's a starman waiting in the sky
He'd like to come and meet us
But he thinks he'd blow our minds
There's a starman waiting in the sky
He's told us not to blow it
'Cause he knows it's all worthwhile
He told me
Let the children lose it
Let the children use it
Let all the children boogie

Starman waiting in the sky
He'd like to come and meet us
But he thinks he'd blow our minds
There's a starman waiting in the sky
He's told us not to blow it
'Cause he knows it's all worthwhile
He told me
Let the children lose it
Let the children use it
Let all the children boogie

La, la, la, la, la, la, la, la
La, la, la, la, la, la, la, la
La, la, la, la, la, la, la, la
La, la, la, la, la, la, la, la

Written by David Bowie

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

aurea.png

 

“STARMAN” de Aurea é o single de avanço de “BOWIE70”

“BOWIE70” Já disponível em Pré-venda no iTunes e na FNAC.

Com produção artística de David Fonseca e um elenco muito especial, “BOWIE 70” celebra um nome maior da história da música: David Bowie. “STARMAN” cantado por Aurea é o primeiro avanço deste disco muito especial.

 “A Aurea canta o Starman naquela que é uma das maiores transformações existentes no disco. A versão acabou por se situar num ambiente algo funk e soul e achei que Aurea poderia dar essa vantagem à canção, que podia explorar esse lado mais funk, mais soul, que podia trazer a canção para um outro território e acho que o fez muito bem.” David Fonseca

 “A música que o David me convidou para interpretar foi uma agradável surpresa. Não era tão fácil de cantar quanto parecia; o refrão é mesmo muito enérgico e exige muito de nós. Foi mais um desafio e foi muito bom poder gravar esta música.” Aurea

 

Sobre a Edição

“BOWIE70” é editado dia 17 de Fevereiro. A partir de hoje, dia 20 de Janeiro, já esta disponível para pré-venda no iTunes. Os fãs que adquiram o álbum, antecipadamente, recebem de imediato o single “STARMAN”. Na contagem decrescente, e até à data de edição, através da compra na loja iTunes, terão ainda acesso aos seguintes temas:

20 de Janeiro – “Starman” de Aurea

27 de Janeiro – “Life On Mars?” de António Zambujo

03 de Fevereiro – “This Is Not America” de Márcia

10 de Fevereiro – “Absolute Beginners” de Tiago Bettencourt

Para os fiéis aos suportes físicos, está também disponível em FNAC.PT a edição em CD com a particularidade da oferta de litografia em formato vinil da ilustração que compõe a capa de Bowie 70.

Sobre “BOWIE70”

 “A ideia de fazer canções e versões do David Bowie assustava-me um bocadinho porque eu sou um fã gigantesco do trabalho dele, e muitas das músicas cruzam-se com a minha história pessoal. Mais do que um disco de versões, é mais uma espécie de uma carta de amor de um fã.” David Fonseca

Um elenco de luxo: Afonso Rodrigues (Sean Riley), Ana Moura, Aurea, António Zambujo, Camané, Catarina Salinas (Best Youth), Márcia, Marta Ren, Manuela Azevedo, Rita Redshoes, Rui Reininho e o próprio David Fonseca, emprestam a sua voz a alguns dos temas mais emblemáticos de David Bowie.

Chama-se ”BOWIE70”, e chega precisamente no ano em que Bowie completaria 70 anos. A coordenação artística e, ainda a interpretação de todos os instrumentos musicais, tem a assinatura de David Fonseca.

Alinhamento e primeiras imagens de “BOWIE 70”

  1. “Absolute Beginners” Tiago Bettencourt ver trailer
  2.  “Modern Love” Manuela Azevedo ver trailer
  3. “Let´s Dance” Afonso Rodrigues  ver trailer
  4. “Life on Mars?” António Zambujo ver trailer
  5. “Space Oddity” Camané ver trailer
  6. “Blue Jean” Catarina Salinas ver trailer
  7. “Fame” Marta Ren ver trailer
  8. Rita Redshoes “Heroes” ver trailer
  9. Márcia “This is Not America”  ver trailer
  10.  Ana Moura “The Man Who Sold The World” ver trailer
  11.  Aurea “Starman”  ver trailer
  12.  Rui Reininho “Where Are We Now?” ver trailer
  13.  David Fonseca “Lazarus” ver trailer


publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

SOLTA
Venha o que vier
Nada me tira daqui
Escolhe o que é diferente
Gasta o que ficou em ti

Cair e ficar solta
Dentro da tua roupa
Cair e ficar solta
Sentir a tua boca
Em mim

Onde é que isto vai parar?
Vê o que aconteceu só por te amar
O mundo já me perdeu
Só por ficar nesse teu mar

Cair e ficar solta, solta
Sentir a tua boca

Onde é que isto vai parar?
Vê o que aconteceu só por te amar
O mundo já me perdeu
Só por ficar nesse teu mar

 

Música e Letra - Daniel Moscovo

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Domingo, 22 de Janeiro de 2017

brito ventura.jpg

 

 

Brito Ventura & Os Desalinhados” apresentam o vídeo “A Vida São Dois Dias

 

Tema single do álbum “Outra Vez” editado em formato digital pela Farol Música.

 

Este álbum mantém a linha de coerência do seu antecessor, com uma maior preponderância da componente eletrónica mas em que a lealdade ao modelo mais acústico continua presente.

 

Trata-se de um conjunto de canções simples e melódicas, em discurso direto, em que a linha musical tenta acompanhar a par e passo a cadência das palavras, numa unidade que se deseja coerente e compacta.

 

 “Outra Vez” é pois um disco despido de pretensões, em que o simples prazer de fazer musica, emerge a cada faixa que se escuta…outra vez!

 

 



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

I got a fire burnin’ deep inside
I gotta tell you that it's on tonight
You better know what you’re coming for
But if you gonna go please shut the front door

And just in case you haven’t realized
I don’t give a shit about your suit and tie
So don’t come around with alibis
‘Cause whatever you’re selling I ain’t gonna buy

Boy, you think you know what you’re doing
Boy, the way you talk is confusing
Boy, the way I see it you’re loosing
While I’m still groovin’

‘Cause I got
The Fire, and I’ma let it burn
Fire, boy you better run
Fire, your head’s gonna turn
And I’m letting you know I’m fire to the bone
Fire, and I’ma let it burn
Fire, boy you better run
Fire, your head’s gonna turn
And I’m letting you know I’m fire to the bone

So what’s it gonna be now
Are you gonna play
Or are you gonna bow down

Time ain’t gonna stop
You gotta make that move
I’m comin’ for you baby
I’m a one man crew

Boy, you think you know what you’re doing
Boy, the way you talk is confusing
Boy, the way I see it you’re loosing
While I’m still groovin’

‘Cause I got
The Fire, and I’ma let it burn
Fire, boy you better run
Fire, your head’s gonna turn
And I’m letting you know I’m fire to the bone
Fire, and I’ma let it burn
Fire, boy you better run
Fire, your head’s gonna turn
And I’m letting you know I’m fire to the bone

Fire, fire
Fire, fire
Fire, Fire
Fire

Boy, you think you know what you’re doing
Boy, the way you talk is confusing
Boy, the way I see it you’re loosing
While I’m still groovin’

‘Cause I got
The Fire, and I’ma let it burn
Fire, boy you better run
Fire, your head’s gonna turn
And I’m letting you know I’m fire to the bone
Fire, and I’ma let it burn
Fire, boy you better run
Fire, your head’s gonna turn
And I’m letting you know I’m fire to the bone

Fire, fire
Fire, fire
Fire, Fire
Fire

 

Music & Lyrics: Marisa Mena & Bruno Mota

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

O Blog Mudou de casa

Fado Insulano - José Mede...

Cantiga da terra - Zeca M...

"Aprendiz de Feiticeiro -...

Milhafre das Ilhas - Luis...

Sara Tavares - Ter Peito ...

Banho Maria - Não Há Amor...

Sara Tavares - Fitxadu ft...

JUNGLE EVA - TT SYNDICATE

João Granola estreia vide...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds