Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

 

Letra

 

 

Só mais um outro dia na cidade desespero
A vida ainda é dura e só vive quem não tem medo
Os dias são mais longos, as noites nunca acabam
Mas a vida é curta e não se tem tempo pra nada
Tempo pra família, tempo pra fazer dinheiro
Sem espaço pro erro todos vivem com medo
Pessoas de plástico, sem alma, sem coração
Escondidas em suas garrafas, esperando a revolução
Alô, malandragem, agora você se vira
O que sobrou foi cicatrizes e as histórias da esquina
Olhe pra mim, eu sou o Tony Montana
Piscou duas vezes, perdeu sua grana
Cidade partida entre a sul e a norte
O bem e o mal, a vida e a morte
As ruas não perdoam filho! Ah, isso eu sei
Porque nasci e fui criado em uma cidade sem lei
Aqui é o Rio

Is no law around this town, when things goes down
there's never any help to be found when left alone
to survive in the danger zone
in our state police are not polite
stepping your way they got the rights to stop your life
Zion use cameras tô spy on and microphones to listen
they heat a bake and sizlle it in your kitchen
ain't no law around this town
you see how they lock this kids down
it's worst if your skin is brown
politics and radio is the same
put something on the table
to get yourself on their game
is a shame
the rules ain't written very clear
and everything changes with the players every year
we gamble with the national debt
but in the end is the ones spending the funds
that get to call the bet
consumers are odds to the banks
they make euros out of deutch marks and francs
cops lost and bureaucrats are lawless
that's why I kept my insurance regardless

Não adianta só falar, falar, falar e não fazer
Ainda vejo uma luz antes de tudo escurecer
Cidades caem, impérios desmoronam
Mas o coração forte balança e nunca tomba
Política, vergonha, corruptos e suas leis
Pessoas do bem sumiram, cadê vocês?
Todos querem o poder, tudo por dinheiro
É isso que você quer fazer, tudo por dinheiro?

is no law around this town, when things goes down
there's never any help to be found when left alone
to survive in the danger zone


 

 

 

Letra

 

 

Yo te miro, se me corta la respiración
Cuando tú me miras se me sube el corazón
(Me palpita lento el corazon)

que aceleras o meu coração
Y en un silencio tu mirada dice mil palabras
La noche en la que te suplico que no salga el sol

(Bailando, bailando, bailando, bailando)

a noite em que sinto teu corpo mexendo subindo e baixando
Subiendo y bajando 
(Bailando, bailando, bailando, bailando)
Este fogo por dentro subindo crescendo ardendo e queimando

Con tu física y tu química también tu anatomía
La cerveza y el tequila y tu boca con la mía
Ya no puedo más 

Não aguento mais
Ya no puedo más 

não aguento mais
Con esta melodía, esta minha fantasia
com tua filosofia a minha mente está vazia
Y ya no puedo más (ya no puedo más)

Não aguento mais
Ya no puedo más (ya no puedo más)

Yo quiero estar contigo, vivir contigo
Bailar contigo, tener contigo
Una noche loca (una noche loca)

ai besar tu boca

eu quero estar contigo

viver contigo dançar contigo

e ter contigo uma noite louca

uma noite louca

 

(OOh, ooh, ooh, ooh)

Tu me miras y me llevas a otra dimensión

(entro noutra dimensão)
Tu latidos aceleran a mi corazón

teu suspiro acelera o meu coração

que ironia do destino não poder tocar-te
Abrazarte y sentir la magia de tu olor

(Bailando, bailando, bailando, bailando)

a noite em que sinto teu corpo mexendo subindo e baixando
Subiendo y bajando 
(Bailando, bailando, bailando, bailando)
Este fogo por dentro subindo crescendo ardendo e queimando

 

Con tu física y tu química también tu anatomía
La cerveza y el tequila y tu boca con la mía
Ya no puedo más (ya no puedo más)

Não aguento mais
Ya no puedo más (ya no puedo más)

não aguento mais
Con esta melodía, esta minha fantasia
com tua filosofia

a minha mente está vazia
Y ya no puedo más (ya no puedo más)

Não aguento mais
Ya no puedo más (ya no puedo más)



Yo quiero estar contigo, vivir contigo
Bailar contigo, tener contigo
Una noche loca (una noche loca)
Ay besar tu boca (y besar tu boca)
Yo quiero estar contigo, vivir contigo
Bailar contigo, tener contigo una noche loca
Con tremenda nota

 

 

Yo quiero estar contigo, vivir contigo
Bailar contigo, tener contigo
Una noche loca (una noche loca)

ai besar tu boca

eu quer o estar contigo

viver contigo dançar contigo

viver contigo dançar contigo

uma noite louca

uma noite louca

 

(OOh, ooh, ooh, ooh)



OOh, ooh, ooh, ooh
OOh, ooh, ooh, ooh
OOh bailando amor ooh
Bailando amor ooh es que se me va el dolor
OOh

CARLOS DO CARMO  Recebe GRAMMY LIFETIME ACHIEVEMENT AWARD


CARLOS DO CARMO

Recebe GRAMMY LIFETIME ACHIEVEMENT AWARD

O maior e mais prestigiado galardão da música internacional

Pela primeira vez, a maior e mais importante distinção da indústria musical internacional - o GRAMMY Lifetime Achievement Award - é atribuída a um artista português.

O Conselho Directivo (Board of Trustees) da Latin Academy of Recording Arts and Sciences decidiu, por unanimidade, atribuir a Carlos do Carmo o Lifetime Achievement  Award, galardão que distingue a obra das grandes referências do panorama musical internacional.

É a primeira vez que um artista português é agraciado com este prémio que distingue figuras lendárias da música mundial cujo legado engrandece o património cultural universal.

As comemorações dos 50 anos de carreira de Carlos do Carmo contemplaram a edição do álbum Fado é Amor - uma revisitação a alguns temas emblemáticos do seu repertório partilhada com os artistas mais marcantes da nova geração - e uma exposição antológica produzida pelo Museu do Fado - Carlos do Carmo 50 Anos - que pode ser visitada gratuitamente na Cordoaria Nacional até ao final do ano.

A distinção será entregue no dia 19 de Novembro no MGM de Las Vegas nos Estados Unidos da América, mês em que estreará também o filme documental sobre a sua vida.

No website da academia pode ler-se:

"Hailing from Portugal, singer Carlos do Carmo is one of the greatest fado singers of his time. His mother, legendary singer Lucilia do Carmo, played a great influence in her son's career, which has lasted more than 50 years. While fado has been the core of his music, do Carmo's  distinctive manner of singing due to the special timber of his voice along with his personal affinity for French pop balladry and Brazilian bossa nova mixed to create an unmistakable and definitive style distinguishing him as one of the most iconic voices of Portuguese music. Among his vast repertoire of songs, he is most recognized for "Lágrimas De Orvalho" "Lisboa Menina E Moça" and "Canoas Do Tejo". Carmo has received international acclaim and has performed to sold out crowds in landmark venues such as the Olympia in Paris, Alte Oper Frankfurt or the Royal Albert Hall in London. He played a key role in making fado part of UNESCO's World Heritage Cultural Patrimony via his countless concerts, recordings and participation in director Carlos Saura's 2007 film Fados."

Adufe Bar

 

Dia 4 (6ª feira) – 22.00h
DJ Set
EL GADZÉ [R.I.O.T. Productions / Batida Balkanica] world fusion music / mashups


El Gadzé é um DJ nacional que sobe aos palcos desde 1998. O DJ set dinâmico de El Gadzé é servido como uma xícara de chá a ferver, que pode ser bastante excitante ou extremamente relaxante...ou os dois ao mesmo tempo.
Com muita experiência acumulada, já actou em diversos países tais como Portugal, Espanha e Itália onde partilhou palco com dezenas de artistas nacionais e internacionais. Destacam-se aluns como Black Uhuru (Jamaica), Rasites (UK), The Skatalites (Jamaica/USA), Figli di Madre Ignota (Italy), Max Pashm (Greece/UK), Sallun & Akillez - Pedra Branca DJs (Brasil), Kumpanhia Algazarra, Kussondulola, Farra Fanfarra, entre muitos mais.

Após a sua actuação no último fim de semana no festival MED de Loulé, El Gadzé vem ao Adufe trazer-nos o melhor da world music.



Dia 5 (Sábado) – 22.30h
Concerto
Paulo Jorge, Econtro
Cantautor, Música Popular Portuguesa


Para esta noite o Adufe-sons do mundo volta a receber os Cantautor e a música popular portuguesa e desta vez pela voz e guitarra do talentoso músico Paulo Jorge com o seu espectáculo Econtro. Do seu reportório fazem parte músicas populares portuguesas, a música de intervenção, muitos originais e (porque não) uma viagem a Bob Dylan.



Dia 11 (6ª Feira) – 22.00h
DJ Set
Selecta Boots - Sons festivos de todo o mundo


De volta ao palco do Adufe, o Selecta Boots, prepara-nos um set cheio de alegria e ritmos contagiantes seleccionando para esta noite as música mais festivas das diversas latitudes do planeta. Uma verdadeira festa global com uma banda sonora diversa mas com um denominador comum, a alegria.



Dia 12 (Sábado) – 22.30h
Concerto
ORO – Folk Búlgaro e Macedónio


ORO é um trio que toca um reportório de sons tradicionais Búlgaros e Macedónios em fusão com outras paragens, com instrumentos como o Adufe Português, Kaval Búlgaro e Harmonium Indiano.Uma explosão de sonoridades e um encontro de diversas culturas é o que nos espera para esta noite.


Dia 18 (Sexta-feira) – 22.00h
DJ Set
Selekta Pralenka – Ritmos Balcânicos


As paisagens musicais dos Balcãs regressam ao Adufe-sons do mundo pela mão do Selecta Pralenka. E que melhor neste verão do que os sons quentes e desconcertantes dos Balcãs irão aquecer o ambiente e não deixarão ninguém indiferente.



Dia 19 (Sábado) – 22.00h
DJ Set
Dj Naicker Bee/ Gaia Sound System – World Music


Gaia Sound System celebra a paisagem acústica onde todos os povos se encontram, para falar o mesmo idioma, a música.
Dj Naicker Bee cria uma viagem pelo mundo da World Music, visitando os ambientes sonoros da Asia, Africa, Américas e Europa.
E traz-nos nomes como, Kiran Ahluwalia, Tinariwen, Tony Allen, Femi Kuti, Firewater, Rupa & April Fishes, LaBrassBanda, Omiri, Galandum Galundaina, Roncos do Diabo, e muitos outros que têm sido presença no FMM (Festival Músicas do Mundo) e no Festival Med.



Dia 25 (Sexta-feira) – 21.00h
Selecção Adufe – VIVA ZAPATA


Nesta noite o Adufe-sons do mundo pretende homenagear o herói e revolucionário mexicano Emiliano Zapata que desencadeou uma revolta contra o governo corrupto e opressivo do ditador Profirio Diaz.
Para esta noite o colectivo Adufe preparou uma banda sonora adequada à noite que se quer com sabor a México, assim como proporcionará a quem nos visitar a visualização do filme de Elia Kazan “Viva Zapata” guardaremos outras surpresas para a noite.



Dia 26 (Sábado)
DJ SET
DJ Captain Blood & Green - Surf Rock, Exótica e Soul


O Surf Rock foi um género de música associado à cultura Surf da década de 60 que nasce na Califórnia e no Hawai, aliados à Soul com todo o seu groove serviu de banda sonora a horas muito bem passadas em busca da onda perfeita. Claro que sendo o surf um aliado de muitas das paisagens mais exóticas do planeta, as sonoridades desses paraísos longínquos também farão parte do set desta dupla de DJ's.

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Pág. 14/14