Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

Letra
sem saudades na lembrança 
eu disse adeus 
à terrinha e mais ao lar 
ai! ai! ai! 

levo na alma a luz da esperança 
e fé em deus 
parto a rir e a cantar 
ai! ai! ai! 

despedi-me das ovelhas 
do meu cão, das casas velhas 
do lugar onde nasci 
ai! ai! ai! 

não me importo de ir à toa 
que o meu sonho é ver lisboa 
mais o mar que eu nunca vi 


[refrão] 
adeus, ó terra 
adeus linda serra 
de neve a brilhar 
adeus, aldeia 
que eu levo na ideia 
não mais cá voltar 

diz que a sorte das pessoas, sempre ouvi 
vem do nome que elas têm 
ai! ai! ai! 
coisas más ou coisas boas, sempre ouvi 
e comigo calha bem 
ai! ai! ai! 

eu no monte era papoila 
mesmo a graça de moçoila 
que no campo anda a lidar 
ai! ai! ai! 


mas o nome bem dizia 
como sou também maria 
tinha que ir p´ró pé do mar
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email