Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

Eu não sei
O que é que te hei-de dar
Nem te sei 
Inventar frases bonitas

 

Mas aprendi uma ontem
Só que já me esqueci
Então olha gosto muito de ti

 

Sei de alguém
Por demais envergonhado
Que por ser tão desajeitado
Nunca foi capaz de falar

Só que hoje
Viu o tempo que perdeu
Sabes que esse alguém sou eu
E agora eu vou-te contar

Sabes lá
O que é que eu tenho passado
Estou sempre a fazer-te sinais
E tu não me tens ligado

E aqui estou eu
A ver o tempo a passar
A ver se chega o tempo
tempo  de te falar

Eu não sei
O que é que te hei-de dar
Nem te sei 
Inventar frases bonitas

Mas aprendi uma ontem
Só que já me esqueci
Então olha só te quero a ti

Podes crer
Que à noite o sono é ligeiro
Fico á espera o dia inteiro
Para poder desabafar

Mas como sempre
Chega a hora da verdade
E falta-me o à vontade
Acabo por me calar

Falta-me o jeito
Ponho-me a escrever e rasgo
Cada vez a tremer mais
E ás vezes até me engasgo

Nada a fazer
É por isso que eu te conto
que É tarde para não dizer
Digo como sei e pronto

Eu não sei
O que é que te hei-de dar
Nem te sei 
Inventar frases bonitas


Mas aprendi uma ontem
Só que já me esqueci
Então olha só te quero a ti

 

Eu não sei
O que é que te hei-de dar
Nem te sei 
Inventar frases bonitas


Mas aprendi uma ontem
Só que já me esqueci
Então olha só te quero a ti

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

4 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Ana 23.12.2013

    Que bom "ler-vos"!
    ... e como concordo convosco!
    A "Balada do Desajeito" a sério, não é "isto"! ...pena não ter tido tanto apoio, nem ter sido tão divulgada!

    Grande Sebastião, um abraço***
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 06.02.2014

    Secalhar nao teve tanto apoio nem foi tao divulgada por nao ser tão boa! A letra é a mesma mas o arranjo musical feito pelos dama bate aos pontos a canção lamechas, sem graça e mole do sebastiao. por alguma razao uma tem 500mil views no youtube e outra tem 60...é so a minha opinião, mas percebo que se voces fazem parte de campos de férias achem a original melhor que este arranjo, é a unica explicação para achar isso uma vez q a musica original so era conhecida pelas tunas e pelos campos de ferias religiosos
  • Sem imagem de perfil

    Helio 04.01.2015

    Meu Caro Amigo, sou amigo pessoal do Sebastião desde o inicio da sua grande e vasta Carreira, aliás 25Anos mais precisamente,celebrada com um dos mais belos concertos que assisti no CCB.
    Não querendo entrar em confronto, porque gostos são gostos.
    O Sebastião é para mim dos melhores compositores que Portugal têm mas não reconhece, aliás bem a maneira Portuguesa.
    Convido a todos a conhecer as suas grandes músicas no seu próprio site, mas quanto a versão lamechas que diz, seja como for já falou no nome dele e mais ainda, gostou da letra dele, no couver dos DAMA e só por isso acredito que o meu grande e querido amigo Sebastião já ficou contente, não a escutou a 20 anos mas escutou agora em 2014, mais vale tarde que nunca...
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.