Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

Mãe. 

o navio que levou a mãe. 
o cais era chuva. e o vento gritava. muito. 
silêncio. 
silêncio de nós. nos beijos que damos. silêncio. 
nos adeuses, nas palavras e na lua. silêncio e o navio que levou a mãe. 
pó. discos partidos e corações partidos e mais assim. 
mãos mais tristes que a noite. e um abraço. amor. 
uma foto a preto e branco e uns lábios que embalam 
palavras de saudade. palavras que eu não ouço. palavras. 
a mãe vai voltar, não te preocupes. diz-me, a meu lado. 
o coração treme... 
e tremem as mãos e tremem as lágrimas que acho que escorrem 
e aquelas luzinhas amarelas e umas brancas que me contam o outro lado do rio. 
um rio quase mar. um rio quase céu. 
um rio que me fala segredos. que engole a lua e o escuro e as estrelas. 

(um rio que engole as estrelas...) 

um rio que leva a minha mãe. 

a mãe vai voltar, não te preocupes. diz-me a caminho do carro. 
lágrimas. 
lágrimas como a chuva que escorre pela janela. 
lágrimas como aquela chuva que se faz de mar. que se faz de rio. 
que se faz daquele rio que levou a minha mãe 
e um abraço. agora, a casa vazia. 
silêncio. chuva. 
agora, só chuva. e silêncio. na casa vazia.

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email