Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

Letra

Cruzamos o olhar num momento 
Tão difícil de explicar
Perdi-me na razão
Não posso entender
Não quero entender senão

Falta-me o ar
Suspiros de emoção
Prendem-me o respirar

Um anjo como tu
Estende as tuas asas sobre o meu corpo nu 
Um anjo como tu
Conta-me a verdade sobre esse teu mundo azul
Um anjo como tu, tuuuuuuuuuuuu
Anjo como tu (como tu, como tu, com tu)

Longe de pensar
Que era pura dor em forma de Paixão
Ardi sem te queimar
Não posso entender
Não quero entender senão
Posso acordar
E é contigo que eu para sempre quero estar

Um anjo como tu
Estende as tuas asas sobre o meu corpo Nu
Um anjo como tu
Conta-me a verdade sobre esse teu mundo azul
Um anjo como tu a todos atrai mas só a mim seduz
Um anjo como tu, uuuuuu (como tu, como tu, como tu)
Um anjo como tu
Faz sentido à vida
É dar-me luz
Um anjo como 
Dá sentido à vida
Dá-me luz
Um anjo como tu
Dá sentido à vida
Dá-me luz
Um anjo como tu, uh uh uhhhh

Um anjo como tu
Estende as tuas asas sobre o meu corpo Nu
Um anjo como tu
Conta-me a verdade sobre esse teu mundo azul
Um anjo como a todos atrai mas só a mim seduz
Um anjo como tu, uuuuuu (como tu, como tu, como tu)
Um anjo como tu
Um anjo como tu, como tu
Ahhh, ah ah ah

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.