Quarta-feira, 03.04.13

Olivenza

 

1º concerto da digressão em Portugal Raúl Marquez (músico de Viseu) a revelar mais uma sedutora aventura partilhada com a cantautora espanhola Cira Fernández

Um espetáculo surpreendente que revela um duo luso-espanhol com uma sonoridade mestiça de grande identidade vai apresentar em digressão portuguesa o seu álbum de estreia “Olivenza”.
Raúl Marquez — músico de Viseu que já integrou formações nacionais de referência e participou, em 1993, em projetos musicais da ACERT —, manifesta uma renovada etapa da sua carreira musical (multinstrumentista), fazendo submergir uma afinidade subtil em universos e geografias peculiares com a cantautora Cira Fernández.
Depois de uma longa tournée pelo país vizinho,  estarão em Portugal em Abril, apresentando este disco em concertos por várias cidades portuguesas.
Após um período de reflexão em busca de um nome que expresse o conceito e a musicalidade do duo formado por Cira Fernández (Espanha) e Raúl Marques  (Portugal), surge OLIVENZA,  uma palavra – e um lugar - que têm a força e a alma transfronteiriça deste projecto.
Decorridos dois anos de paciente e cuidadoso trabalho criando um repertório maduro tanto a nível lírico como musical, em estúdio e sobre o palco, o resultado são doze elegantes canções produzidas e arranjadas por Raúl Marques compiladas num álbum recentemente lançado em Espanha por Frontera/Warner Chappell Music Spain.
OLIVENZA soa a fronteira, planície, a Alentejo, cheira a mar, e navega com maestria por estilos como o folk independente, o cool jazz ou o fado, aproximando-se também ao sul e ao Leste Europeu com o seu eclectismo sonoro. A habilidade multi-instrumental de Raúl Marques, a voz de Cira Fernández e o contrabaixo de David González Cambray enchem os concertos de OLIVENZA de arte e magia.  Em Outubro passado apresentaram o videoclip de “Prisión de Miraflores”.
Neste primeiro disco OLIVENZA contou com colaborações de luxo: David “el Índio” (Vetusta Morla) nas percussões, Borja Barrueta (Jorge Drexler) na bateria, Roberto Pacheco no trombone, David González Cambray no contrabaixo e Miquel Ferrer na bateria. Foi misturado por Carles “Campi” Campón (Jorge Drexler) e masterizado nos estudios Golden Mastering, USA (Calexico, Chris Isaak).
"Esencia de folk fronterizo"
Ruta 66
"El dúo hispano-portugués combina en su debut folk, jazz y músicas de raíz. Su nombre es un reflejo de su espíritu artístico"
Mondosonoro
"Ese sonido fronterizo es el que circula por las venas de sus canciones, sinceras, emotivas, poéticas, bucólicas, detallistas y que recogen influencias de ambos lados de la frontera."
ABC




Ficha Técnica


Cira Fernández - voz, guitarra acústica, adufe, metalofone
Raúl Marques - trompete, guitarra portuguesa, acordeão, guitarras, voz
David González Cambray - contrabaixo, guitarra acústica
Retirado de Acert


publicado por olhar para o mundo às 21:32 | link do post | comentar

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

Raúl Marquez e Cira Ferná...

arquivos

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Já coloquei a letra desta música em https://www.mu...
"hoje acabo no chãolevas-me ao hospitalsem perder ...
nao esta 100% correcto e agora que olho tem alguns...
"hoje acabo no chãolevas-me ao hospitalsemp erder ...
http://www.mysound-mag.com/2014/02/letra-diabo-na-...
a primeira vez que ouvi.. super interessante!!!
Muito obrigado
Há dias em que o tempo nos embalae fala mesmo sem ...
blogs SAPO
subscrever feeds