Quinta-feira, 29.01.15

 

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 21:43 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:35 | link do post | comentar

 

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:33 | link do post | comentar

Quarta-feira, 28.01.15

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 21:35 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

 



publicado por olhar para o mundo às 17:31 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 11:39 | link do post | comentar

 

 

Letra

 

There are no more
Bodies in this bed
There are no more
Faces in my head

Forgive for the hands
I could not deny
Forgive for the wills
I had to oblige

I want you
I want you

I need your breath
I want your needs
I need your lust
I'm begging please

Don't get it wrong
I wanna it all
I wanna die
I wanna fall
And I want you

The unpure thoughts care not for the stable heart
Be free, speak harsh loves
You are in certain of one for not to part
These feed lips are drenched by desire
For you i grasp the floors
Trust thy love
For the truth I bare
Only are you
And for now i'm yours

There are no angels
Inside my walls
Birds won't fly
Neither guilts will fall

I need your touch
I want your talks
I need you there
Behind my thoughts

I'm pulling out my cards
For you to see
That I want you


produzido por mcf
voz e letra por vanessa marques
voz adicional por michael ''mic'' ferreira
mistura e masterização por michael ''mic'' ferreira em sine factory

 



publicado por olhar para o mundo às 08:17 | link do post | comentar

Terça-feira, 27.01.15

 

 

Letra

 

essas mãos não têm fim...
onde é que elas vão depois de mim?
...

amor é a tua vez agora,
e que o álcool leve a timidez embora.
e entre os dedos da mão esquerda agarro o mundo ou um cigarro,
e entre os medos na cabeça eu guardo o fundo ou a cidade.
à falta de pais temos as ruas em Lisboa,
vou-me despindo dos O L V S sob uma lua que nos magoa.
os punhos adornados… corpos onde eu tropeço,
e há o sangue que é roubado como é o ouro que preenche o meu esqueleto.
e tu vens-te e vais-te embora,
vais e bates a porta e nunca me dás aquilo que eu rezo.
e quando não mos contas onde é que guardas os segredos?
e quando não me tocas onde é que tu guardas os dedos?

essas mãos não têm fim...
onde é que elas vão depois de mim?


amor é a tua vez agora,
e que a droga leve a timidez embora.
e eu bebo aquilo que houver… acho as tuas palavras.
estas noites habituaram-me a embebedar-me com falácias.
dizem que as putas baratas sentem tudo em demasia,
e que na cidade das acácias há magia.
(tenho) as mãos em sangue de amar-te - tocar-te é quase vida.
e que a dor que tu me trazes se transforme em arte um dia.
e eu chego tarde... as veias são apenas pedras,
não existem maneiras de viver sem ser em guerra.
Lisboa ensinou-nos a decorar-nos com miséria,
e a encontrar beleza entre a maldade e a tristeza.
és uma fera que insiste em dançar para se esconder.
e há maneiras de chorar que são difíceis de entender.
e quando não mos contas onde é que guardas os segredos?
e quando não me tocas onde é que tu guardas os dedos?

essas mãos não têm fim...
onde é que elas vão depois de mim?

 



publicado por olhar para o mundo às 21:08 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:52 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 08:50 | link do post | comentar

Segunda-feira, 26.01.15

 

 

Letra

 

Ela acorda como se ainda
Estivesse a sonhar
Lembra o que aconteceu
E nem quer acreditar
Mas os sonhos desvanecem
Tem de continuar

Ela sai daquele quarto
Procurando o telefone
Assinala uma mensagem
P'ra combater a solidão
Mas ele já disse adeus
Acabou-se o mentir e o chorar

Ela sabe
Continuar a viver
Ela sabe
Quer doa a quem doer
Ela sabe
Mais ninguém vai entender
Ela sabe

Oh yeh
Ela sabe
Sabes que ela sabe

Esconde a dor e a tristeza
Num sorriso casual
No comboio que a leva
P'ra mais um dia normal
Mas os sonhos desvanecem
Tem de continuar

Se perguntares como se sente
Desde que ficou tão só
Ela responde eu aguento
não precisam de ter dó
Mas no fundo ela sabe
Que esconde o quanto chorou

Ela sabe
Continuar a viver
Ela sabe
Quer doa a quem doer
Ela sabe
Mais ninguém vai entender
Ela sabe

Oh yeh
Ela sabe
Tu sabes

 
O tempo passa a correr
E ela consegue perceber
Que é mais forte do que ela pensava ser
Cedo vai chegar o dia
Em que diz com alegria
Sou Feliz

Ela Sabe ...

Ela sabe
Sabes que ela sabe
 
Ela sabe
Sabes que ela sabe
Sabes que ela sabe

 



publicado por olhar para o mundo às 21:41 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:47 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:43 | link do post | comentar

Domingo, 25.01.15

 

Letra

 

I'm literally longing for a place to start
Releasing all the voices from within
I've been seeking all the awnsers
Till the day I won't doubt

I'm clearly avoiding all those concrete things
That could make this road feel safe to me
Excuse me for having flaws I don't work on
But I don't know how to give in

This is my heart crying out for your love

Sometimes it gets hard to still believe yourself
When everyone insists on letting you down
But I know for all that matters
You're not alone in your beliefs

Let the music play
Forget the words they say cause everyday it means a chance for us to start over again
We'll make it on repeat
Until it feels complete

 



publicado por olhar para o mundo às 22:20 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 17:40 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 08:37 | link do post | comentar

Sábado, 24.01.15

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 11:24 | link do post | comentar

Sexta-feira, 23.01.15

 

Letra

 

Do fundo se liberta
suspiro, chama, vem
Candeio brilha ao longe
Flor de luz, casa, mãe...

A terra molda o corpo
que a força abandonou
Candeio brilha ao longe
também para lá eu vou

Fica comigo chama ténue não me deixes frio
Vem ter comigo, mão de vida enche este vazio
Não se pergunta , sempre soube o que é sentido
Foi apagado mas em mim nunca foi esquecido

Quando mais fundo , mais a luz é forte
Quanto mais escuro mais te sinto aí!
Sonhos negros, vales de medo e sombra
Candeio brilha, puxa-me para ti!

contacto :candeiomusica@gmail.com
Candeio-"Candeio"
Musica e Letra-Pedro Ataíde (aka Sarrufo)
Voz-Hugo Claro e Tiago D. Marques
Bateria-Ricardo L. Rações
Guitarras,Baixo,Teclados e outros-Pedro Ataíde
Produção ,Mistura e Mastering -Pedro Ataíde
Gravado em: Estúdio Crossover e Pedro Ataíde Homestudio em 2013

 



publicado por olhar para o mundo às 17:36 | link do post | comentar

 

Letra

 

Ela é como ninguém, ela sabe bem,
Por mais que eu resista
Ela me deixa sempre on fire
Ela é como ninguém, ela sabe bem,
Por mais que eu não queira
Ela me deixa sempre on fire

Não há comparação, és uma num milhão
E quem procura acha e eu procurei,
mas acho que não apareceste tu com essa atitude
De mulher esclarecida com carisma de hollywood
Primeiro amigo e depois amigo e meio
Depois para meio amigo eu fiz-me teu companheiro
Porque és diferente, miss independente
porque não te deixas conquistar com meia dúzia de presentes

Essa arrogância natural quando falas
Que a segurança não se vê nas curvas, vê se nas palavras
Tu sabes que na verdade só há um que te pode ter
Cego de amor, a única que os meus olhos veêm
Fazer parte dos que venceram
e conquistar sem pensar que outros tantos te perderam
Vou levar-te comigo e não me digas que não
Na vida tudo é passageiro, motorista é que não

Ela é como ninguém, ela sabe bem,
Por mais que eu resista
Ela me deixa sempre on fire
Ela é como ninguém, ela sabe bem,
Por mais que eu não queira
Ela me deixa sempre on fire

Não quero simular, mas quero vê-la a assimilar
Que ela não tem igual nem mesmo similar
Provoca-me para que eu reaja
E fico com a cabeça mais confusa que uma carteira de gaja
Esquece o passado todos temos bagagens
Estou mais preocupado em preencher molduras com viagens
Mas fora do país, bora para Paris,
Para tratar de fazer um Tomás ou uma Beatriz

No mar de água cristalina
Beber água de coco em praias de areia fina
Passar a noite em branco
E ter o corpo em chamas
E para acabarmos os dois às cambalhotas na cama
Ver te sorrir em noites sem sono
E gritares até os vizinhos decorarem o meu nome
Deixa que o tempo passe fica o meu apelo
Até o sol nascer e nos deitarmos com ele

Ela é como ninguém, ela sabe bem,
Por mais que eu resista
Ela me deixa sempre on fire
Ela é como ninguém, ela sabe bem,
Por mais que eu não queira
Ela me deixa sempre on fire

 



publicado por olhar para o mundo às 16:47 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

 



publicado por olhar para o mundo às 15:43 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 10:33 | link do post | comentar

 

Letra

 

VER MAIOR

DIANTE A NÓS SE ESTENDE
ATÉ AO FIM DO OLHAR
CAMINHO POR FAZER
ETERNAMENTE

AOS NOSSOS PÉS ABERTO
LIVRO SEM NADA ESCRITO
APENAS INFINITO
Á NOSSA FRENTE

NÃO HÁ QUEM TENHA FEITO
O TRILHO POR ONDE VAIS
É TEU ,É NOVO
NÃO HÁ DOIS DIAS IGUAIS

PESADO É O SENTIMENTO
QUE SE INSTALA COM O TEMPO
SE BOM PORTO PERMANECE
OCULTO E NÃO APARECE

AO LARGO NO HORIZONTE
HÁ SONHOS QUE ANDAM A MONTE
E SORTE QUE É DOS AUDAZES
TORNA MIRAGENS REAIS

Música e Letra -Pedro Ataíde (aka Sarrufo)



publicado por olhar para o mundo às 08:35 | link do post | comentar

Quarta-feira, 21.01.15

 

Letra

 

hold you

i will hold you
in my arms
i will take you
away from harm

cause you'll be
the light
in my eyes

And i will
guide your
litlle steps
trough this world, of love and hate

i will teach you
the ABC
i will give you
only the best in me

we´re just
a few months away
of looking at each others
face

And
i
will
guide your
litlle steps
trough this world, of love and hate

and
every time
you fell
down
i'll be there to pick you up

i ll try to do it right

And i will give, only the best in me

 



publicado por olhar para o mundo às 22:02 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 17:05 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:02 | link do post | comentar

Terça-feira, 20.01.15

 

Letra

 

And if a small drop of water
Can carry al the universe
Why do you still walk empty handed
Why do you think so much about it
And if a simple seed
Can carry all that acient tree
Why you still dont here this silence
Running deep inside of you and me

Because truth lies within you
All the moments you breath
In this moment you hear the
Silence!

The music feels like the cure
Every single need is fullfilled
turn inside to know the answers
Answer anything you seek
The wave kicks in your heart
We are connected once again
To the eternal my friend

 



publicado por olhar para o mundo às 22:00 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:30 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 11:23 | link do post | comentar

Segunda-feira, 19.01.15

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 22:08 | link do post | comentar

 

Letra

 

És névoa

Julgava poder alcançar-te
mas já ias longe demais
larguei tua mão na corrente
julguei que voltavas ao cais
mas tu foste com a maré
não regressaste jamais

E essa maré com que foste
hoje sei ter sido de azar
larguei tua mão na corrente
do rio que corre para o mar
e tu foste com a maré
não regressaste jamais

Procuro um sinal no vago do breu
mas no meu radar não há rasto teu
no escuro o farol ainda faz sinal
acende e apaga recusa o final

Julgava poder alcançar-te
mas já ias longe demais
foste com a maré
não regressaste jamais

Casas luzes, brilhos ,mágoa
Rosto de água, pés no rio
Vozes cheiros ,sombra tua
brilha a lua no vazio



www.facebook.com/candeiomusica

Musica e Letra :Pedro Ataíde (aka Sarrufo)


Vozes -Hugo Claro e Tiago marques

Guitarra e outros-Pedro Ataíde

Baixo-Nuno Fernandes (aka Trim)

Bateria-Ricardo Rações

Coros-Sofia Claro

Audio:
Gravação,Mistura e Master -Pedro Ataíde

Video:
Imagem -Ricardo Bravo no Estúdio Crossover
Edição-Pedro Ataíde

candeiomusica@gmail.com



publicado por olhar para o mundo às 21:34 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

For Pete Sake - Stains

Meu e Teu - Erros Estraté...

Meu e Teu - Ambiguidade

João Lum - ATMOSFERA

We Trust - Hey Ya!

João Lum - Chama de Mil C...

mcf - i want you (ft vane...

joão tamura - mãos

Sopro - Voa

Omiri - Repasseado 2

arquivos

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Muito ObrigadoJorge Soares
http://sinaisdotempo-mariomata.blogspot.pt/
01 - AI DEUS DO CÉU ...
Meu Caro Amigo, sou amigo pessoal do Sebastião des...
Obrigado pelo aviso, peço desculpa pela minha falt...
Não, o interprete diz "morra aqui" -> ele quer ...
Qualquer letra relativa aos cityspark é só pedir p...
Essa letra não tem nada a ver com a musica!!!
Adorei
Gostogohp244935309870Gosto muito das vossas música...
blogs SAPO
subscrever feeds