Terça-feira, 23.05.17

 

Letra

 

at the bar
where we are
as we drink
our problems fade away

and we try to remember
all the good times
when we felt alive
good old times

and the stupid things that we have done
we were so young, we were so young
Do you still remember??

friends till the end
cause i want you
and i need you all with me
so stay with me

cause all you need is good friends in your life
happiness comes from the ones you like

and we drink, and we dance
and we cry and we smile of our stupid talks
and our jokes
and we tell how miserable we are
but at least we laugh, at least we laugh
we laugh of us

friends till the end
cause i want you
and i need you all with me
so stay with me

cause all you need is good friends in your life
happiness comes from the ones you like

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Letra:
Conta-me sobre o que aconteceu
No dia em que este frio nasceu
Conta-me como posso mudar
Para nunca mais errar
São dias assim
Que fazem de mim
Mais forte
Conta-me sobre o que aconteceu
no dia em que este amor morreu

Quem me dera
ser tudo
Tudo para ti
És uma concha fechada
em bruto
que nunca viu a luz
Diz-me o porque de estar aqui
Contigo
Assim

Mostra-me o caminho para tras
O que a tua bagagem trás
Mostra-me que eu quero entender
Não te julgo até se doer
São noites sem fim
A puxar por ti
Por nós
Onde está o livro de instrução
que fala do teu coração?

Quem me dera
ser tudo
Tudo para ti
És uma concha fechada
em bruto

Quem me dera
ser tudo
Tudo para ti
És uma concha fechada
em bruto
que nunca viu a luz
Diz-me o porque de estar aqui
Contigo
Assim

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 22.05.17

 

Letra

 

Lyrics:

Hope I don't always run away
From someone I haven't met yet
Hope I'll always find my way back home
To the one I've loved from the first day

Brick by brick, we build the buildings
From the sewer to the sky
And when we're gone they will remain the same
Oblivious to the passing of time

You come 'round here like you own the place
But oh my friend, you don't even own your own name
And all your harmonies have gone all dissonant

Scrape the wax off your shoulder
And light that fire in your eyes
And we must live with the notion
That one day we all will die

And when you're approaching your final line
You take a deep breath and watch your life flash behind your eyes
And all your harmonies have gone all dissonant
credits
released April 28, 2017
Guitar & Vocals - Tiago Saga
Bass - Joshua Taylor
Drums & Percussion - Martyn Lillyman
Keys - Oliver Weder
Violin & Backing Vocals - Andrew Stuart-Buttle
Backing Vocals - Stephanie O'Brien

Written by Time for T - Tiago Saga, Oliver Weder, Joshua Taylor, Martyn Lillyman, Andrew Stuart-Buttle and Harry Haynes

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Sometimes I feel like I don't have a partner
Sometimes I feel like my only friend
Is the city I live in, the city of angels
Lonely as I am, together we cry

I drive on her streets 'cause she's my companion
I walk through her hills 'cause she knows who I am
She sees my good deeds and she kisses me windy
I never worry, now that is a lie.

Well, I don't ever wanna feel like I did that day
Take me to the place I love, take me all the way
I don't ever wanna feel like I did that day
Take me to the place I love, take me all the way, yeah, yeah, yeah

It's hard to believe that there's nobody out there
It's hard to believe that I'm all alone
At least I have her love, the city she loves me
Lonely as I am, together we cry

Well, I don't ever wanna feel like I did that day
Take me to the place I love, take me all the way
Well, I don't ever wanna feel like I did that day
Take me to the place I love, take me all the way, yeah, yeah, yeah
oh no, no, no, yeah, yeah
love me, I say, yeah yeah

(under the bridge downtown)
(is where I drew some blood)
is where I drew some blood

(under the bridge downtown)
(I could not get enough)
I could not get enough

(under the bridge downtown)
(forgot about my love)
forgot about my love

(under the bridge downtown)
(I gave my life away)
I gave my life away yeah, yeah yeah

(away)
no, no, no, yeah, yeah

(away)
no, no, no say, yeah, yeah

(away)
But I'll stay

 

Red Hot Chilly Peppers

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Domingo, 21.05.17

 

Letra

 

Sonho em como algures li

com ondas e mar maduro

e um fado que não vivi

num futuro

 

este destino traçado

é minha sina sem fim

não sou eu quem canta o fado

ele é  que me canta a mim

 

é por isso que eu não quero

é amarra que não solta

minha boca, minha alma em desespero 

e sempre volta

 

este destino traçado

é minha sina sem fim

não sou eu quem canta o fado

ele é  que me canta a mim

 

 

 Música e Letra: Dulce Pontes / Piano e Voz: Dulce Pontes / Guitarra Portuguesa: Marta Pereira da Costa



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra


Porque é que tudo me acontece contigo?
Porque é que fico alucinado?
Porque é que fico puto à beira do rio,
Se sou maior e vacinado?

Briguei de cobra, cantei de cuco,
Fiz um discurso aos sapais.
Disse o teu nome feito maluco,
Na fala dos animais

Porque é que tudo, tudo,
Mas tudo me acontece?
Quando só me apetece...
Seguir o mapa dos teus sinais.



Porque é que tudo, tudo,
Mas tudo me acontece?
Quando só me apetece...
Ser um presépio contigo ao lado.

Cheirei de rosa, fiz de palmeira,
Rastejei de erva no chão.
Nas tuas pernas fui trepadeira
Até ao teu coração.

Porque é que tudo, tudo,
Mas tudo me acontece?
Quando só me apetece... me apetece...
Ser um presépio contigo ao lado.

 

Musica - João Gil
Letra - João Monge
Voz - João Campos

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Sábado, 20.05.17

 

Letra

 

[Shaggy: ]
Oh, you must be sent from above
You keep me warm in the winter cold
Your smile is colorful like flowers in the spring
Call me up [?]
I never meant to fall for your love
I know you're all I'm thinking of
This is more than a summer fling
It's only right that I put on the ring

[Omi: ]
So, baby will you leave my sight?
I won't be okay
I guess it's the last time
Let me right through ever season
Ah ah, let me the reason you can't stay
Right through every season
Right through every season
Right through every season
Ey-ey yeah


[Instrumental break]

[Shaggy:]
Girl, you bring me up just like the sun on the horizon
And even when it rains I'm enlightened
Oh, you're so sexy, with you in the swing
I'm in love watching when you do your thing, thing, thing
Girl, you make the heart skip a beat
Oh, any time you are in the suit
[?] [?]

[Omi:]
In a world, in a world without, without your love
I don't think I'd be able to breathe
Out of memories when I should be dreaming
So, baby will you leave my sight?
I won't be okay
I guess it's the last time
Love me right through ever season
Ah ah, let me the reason you can't stay
Right through every season
Right through every season
Right through every season
Ey-ey yeah

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra os os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar | ver comentários (2)

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Sexta-feira, 19.05.17

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra


Nua e concreta
a realidade
que se projecta
pela cidade
em cada rosto
o inadiável
é o pressuposto
para o inevitável
voraz motor da emoção
que justifica o contexto
gerador de ilusão

Tanta pressa por repetição

Somos
a promessa orgânica
a resistência
à submissão mecânica
para a sobrevivência
na solidão urbana
de uma clara consciência
que complete a equação humana

Basta
de retórica vazia
de economia plástica
ganância tóxica, fria
pesada consequência
mágoa que se propaga
para nada.

 

Letra: Teresa Salgueiro
Música: Teresa Salgueiro | RuiLobato, Óscar Torres, Marlon Valente | Graciano Caldeira

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Podem me chamar e me pedir e me rogar
E podem mesmo falar mal, ficar de mal que não faz mal

Podem preparar milhões de festas ao luar
Que eu não vou ir, melhor nem pedir, que eu não vou ir, não quero ir
E também podem me intrigar e até sorrir e até chorar
E podem mesmo imaginar o que melhor lhes parecer

Podem espalhar que estou cansado de viver
E que é uma pena para quem me conheceu
Eu sou mais você e eu

Podem espalhar que estou cansado de viver
E que é uma pena para quem me conheceu
Eu sou mais você e eu

 

autoria de Carlos Lyra e Vinícius de Moraes

 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Quinta-feira, 18.05.17

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

“I Need Ya”
Letra e Música/Lyrics and Music: Isaura

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

É a sua vida que eu quero bordar na minha
Como se eu fosse o pano e você fosse a linha
E a agulha do real nas mãos da fantasia
Fosse bordando ponto a ponto nosso dia-a-dia

E fosse aparecendo aos poucos nosso amor
Os nossos sentimentos loucos, nosso amor

O zig-zag do tormento, as cores da alegria
A curva generosa da compreensão
Formando a pétala da rosa da paixão
sua vida o meu caminho, nosso amor
Você a linha e eu o linho, nosso amor

Nossa colcha de cama,
nossa toalha de mesa
Reproduzidos no bordado
A casa, a estrada, a correnteza
O sol, a ave, a árvore, o ninho da beleza

 

Música e Letra: Gilberto Gil

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 17.05.17

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

“Aqui”
Composed and written by Joana Alegre
Arrangement by Mikkel Solnado

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

It should be alright now, Jesus is looking down
You should be alright now, rest your head in His hands
You should be alright now
And we will watch as the new sunrise
You should be alright now

It shoud be alright now
no need to tell us what you have done
You should be alright now
what we don't know it won't do us harm
It should be alright now

It should be alright now, the sky full of stars to guide us
We will be alright now
'cause in the morning we'll move along
And we'll be alright now

 

Music and lyrics by Nuno Gonçalves, Sónia Tavares and Brian Eno.

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Lembras-me uma marcha de lisboa
Num desfile singular,
Quem disse
Que há horas e momentos p´ra se amar

 

Lembras-me uma enchente de maré
Com uma calma matinal
Quem foi
Quem disse
Que o mar dos olhos também sabe a sal

 

[refrão]

{as memórias são
Como livros escondidos no pó
As lembranças são
Os sorrisos que queremos rever, devagar}


Queria viver tudo numa noite
Sem perder a procurar
O tempo, ou o espaço
Que é indiferente p´ra poder sonhar

 

[refrão]

Quem foi que provocou vontades
E atiçou as tempestades
E amarrou o barco ao cais
Quem foi, que matou o desejo
E arrancou o lábio ao beijo
E amainou os vendavais

[refrão]

 

LETRA: Luís Represas
MÚSICA: João GIl

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Oh Lord! Take me when I'm really ready
I fell, now I'm up again and steady

I was born without a dime
Oh yeah! The losing card
All I ever had was a body and time
Oh yeah! The times were hard
Never got a break or a rise in pay
Uh uh uh - I was just a slave
Working like a dog to my dying day
Uh uh uh - to an early grave

Oh yeah the weight is gone
Oh yeah the weight is gone
Oh yeah the weight is gone
Oh yeah the weight is gone

Came along a man with an Union card
Uh uh uh - the times were hard
Standing up proud to face the guards
Uh uh uh - the weight was gone

OOhh - don't go dancing round my grave
Or singing hymns and sad songs
Don't wanna hear the angels calling
Angels calling

Ooh I saw it getting better
I saw it in another world
I saw it in a better place
Unrest again, get it out, unrest again

Oh Lord take me when I'm really ready
I fell, now I'm up again and steady
I leave for the revolution
Oh Lord, oh Lord!

 

Music and lyrics by Nuno Gonçalves, Sónia Tavares and Brian Eno.

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

You've changed
The sparkle in your eyes is gone
Your smile is just a careless yawn
You're breaking my heart
You've changed

You've changed
Your kisses now are so blase
You're bored with me in every way
I can't understand
You've changed

You've forgotten the words I love you
And the memories that we've shared
You've ignored all the stars up above you
I can't realize that you ever cared
You've changed

You're not the angel I once knew
No need to tell me, I know we're through
It's all over now
You've changed

You've forgotten the words I love you
And the memories that we've shared
You ignore all the stars up above you
I can't realize that you ever cared
You've changed

You're not the angel I once knew
No need to tell me, I know we're through
It's all over now
You've changed

 

Letra - Carl Fisher

 



publicado por olhar para o mundo às 01:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Amor,
yo sé que quieres
llevarte mi ilusión.


Amor,
yo sé que puedes
también
llevarte mi alma.

Pero, ay amor,
si te llevas mi alma,
llévate de mí también el dolor,
lleva en ti todo mi desconsuelo
y también mi canción de sufrir.

Ay amor, si me dejas la vida,
déjame también el alma sentir;
si sólo queda en mi
dolor y vida,
ay amor, no me dejes vivir.

 



publicado por olhar para o mundo às 00:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 16.05.17

 

Letra

 

O amor, quando se revela
Não se sabe revelar
Sabe bem olhar p'ra ela
Mas não lhe sabe falar

Quem quer dizer o que sente
Não sabe o que há de dizer
Fala: parece que mente
Cala: parece esquecer

Ah, mas se ela adivinhasse
Se pudesse ouvir o olhar
E se um olhar lhe bastasse
P'ra saber que a estão a amar!

Mas quem sente muito, cala
Quem quer dizer quanto sente
Fica sem alma nem fala
Fica só, inteiramente!

Mas se isto puder contar-lhe
O que não lhe ouso contar
Já não terei que falar-lhe
Porque lhe estou a falar

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Querem voltar a ver-me na batida
E a levar corrida dos bófias
Esquivar dumas bofas
Pena que na altura um homem ainda nao tinha sósias
Se achas que eu tou-te a dar música
Então tira a prova dos Nove
E as outras pessoas que tiverem duvidas
Sh sh, evitem perguntas óbvias
Quando eu te digo que tenho as costas grandes
Boy, eu não tou a fazer o V
Tás a fazer o que?
Catujal stand up stand up
Respeitem mais o vosso boss
Polaroids em cima do nosso cross
Eu não dou pra basofe boss
Até ter em minha posse o dobro do vosso cofre
Perguntar se eu tenho um ego big
São pelo menos 4 digitos, um head lip
Tou na gordura tipo fas food
Sabes qual é a mistura
Ao mínimo gesto rude
Sê honesto fala de mim como uma lenda concreta
Anunciei um projeto novo e tenho a agenda completa
Fica olhar para o calendário embora a casa não perca o teu salário
Isso é só mais uma vasa na lergama
Ponho na catota arame na batota
Tropa nota para mim é payday
ei, ei, para mim é payday
Todo o santo dia para mim é payday
"Mudafuckas" é só fotocópias
Quem eu? nah, eu tenho fotos próprias
Para mim é payday
Todo o santo dia para mim é payday (6x)
Sabes o que eu tou a fazer? Payday
Memo que um homem teja em lazer? Payday
Olá como está muito prazer. Payday
Todo o Santo dia para mim é payday
Wow, se eu digo feel
Maneiras de arranja-lo eu consigo mil
Eu ponho os dados a fazer um windmill
"Mudafucka" não é big deal
Abre a bagageira do meu bote, tits
Várias hospedeiras no meu cockpit
Qualquer uma delas da-me o toque, Nico
Tu não és o richie, we don't talk sweet
Duma maneira ou de outra não ha nada que resista
Muito antes de eu ter sido capa de revista
Tu vê o que a data regista
Eu nunca perdi o saco da paca de vista
Desde a primeira jornada
Vi aparecer haters do nada a tentar destruir uma carreira formada
Até me verem com a algibeira jardada
Fuck a hater, hater
Boy a minha turma toda cheira a paper
De segunda a segunda feira
Sempre em cima do contrabando tipo que sou da feira
Eu nunca saio de casa sem 100
Disseram rimas pesadas quem tem tem
Eu só posso falar daquilo que eu sei bem
É que todo o santo dia para mim é payday
"Mudafuckas" é só fotocópias
Quem eu? nah, eu tenho fotos próprias
Para mim é payday
Todo o santo dia para mim é payday (6x)
Sabes o que eu tou a fazer? Payday
Memo que um homem teja em lazer? Payday
Olá como está muito prazer. Payday
Todo o Santo dia para mim é payday

 

Single "Pay Day" - incluido no álbum "Ouro Sobre Azul"
Produzido por Sam the Kid
Mix & Master Here`s Johnny

 



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

The Town Bar - At The Bar...

Patrícia Candoso - Em Bru...

Celina da Piedade - "Enxo...

TIME FOR T - WAX

CELINA DA PIEDADE E MILI ...

Salvador Sobral - Under T...

É ele que me canta a mim ...

JOÃO GIL - Tudo Contigo

The Dowsers Society - Rai...

Shaggy feat OMI - Seasons...

arquivos

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
released March 15, 2016 | PT | THE DOWSERS SOCIETY...
Podem ver os créditos aqui:https://thedowserssocie...
Um clássico de Amália Rodrigues, e não do A.Marcen...
Mt fixe mano. Nao conhecia mas vou comecar a ouvir...
Www.instagram.com/fans_isaura_randomly
Esta música é lindíssima *.*
Tiamo Muito Meu Mundo
Olá gostava de saber quanto é o bilhete no dia dos...
Obrigada.E eles não têm editora, foi uma edição de...
LauraAgradeço o seu comentário, e prometo que em b...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds