Quarta-feira, 28.06.17

Dia 29, 30 de Junho e 01 de Julho útlimos concertos da Temporada no O'culto da Ajuda

 
MÚSICA DE CÂMARA

banner_PauloChagas_MiguelMira.jpg

 

Suite para oboé e violoncelo - Paulo Chagas e Miguel Mira

 

29 de Jun. de 2017 21:30

O'culto da Ajuda
Lisboa, Portugal 

29 de Junho de 2017 | 21h30
O'culto da Ajuda | Lisboa


   

Suite para oboé e violoncelo de Paulo Chagas

 

Paulo Chagas oboé

Miguel Mira violoncelo

Suite para oboé e violoncelo de Paulo Chagas é uma composição onde se combinam elementos da escrita formal com grafismos não convencionais, cruzando-se material escrito com improvisação orientada. Estruturalmente a peça divide-se em oito secções com caracteres distintos entre si, onde a variedade estilística pode representar um desafio para os intérpretes, no sentido de alcançarem a coesão no somatório das partes. Trata-se pois de um exercício de transversalidade idiomática que evoca uma percepção sensorial global em diferentes dimensões – som, imagem, linguagem.

 

IMPROVISAÇÃO

O P E N 4 t e t - BECHEGAS | ESTEVES da SILVA | FAUSTINO | MITZLAFF

 

30 de Jun. de 2017 21:30

O'culto da Ajuda
Lisboa, Portugal 

30 de Junho de 2017 | 21h30
O'culto da Ajuda | Lisboa


 

O P E N 4 t e t

BECHEGAS | ESTEVES da SILVA | FAUSTINO | MITZLAFF

 

Carlos Bechegas flautas

João Paulo Esteves da Silva piano

Rui Faustino bateria

Ulrich Mitzlaff violoncelo

 

SINOPSE

open4tet BECHEGAS | ESTEVES da SILVA | FAUSTINO | MITZLAFF ::::::: estima  uma viagem  planeada, confirmando o itinerário familiar! Neste quarteto, de instrumentistas / compositores multifacetados, a espontaneidade opta por atalhos, não enjeitando a derrapagem controlada, para surpreender e ser surpreendido. No discorrer da improvisação aberta, em solos, duos... explorar ressaltos inusitados, é mote para seguir caminho indeterminado, propondo múltiplas possibilidades.

MÚSICA DE CÂMARA

Fersina, de Ricardo Guerreiro - estreia absoluta

 

1 de Jul. de 2017 21:30

O'culto da Ajuda
Lisboa, Portugal 

1 de Julho de 2017 | 21h30
O'culto da Ajuda | Lisboa


 

Fersina

 

Estreia absoluta de Fersina, de Ricardo Guerreiro, para clarinete baixo, saxofone tenor, eufónio, melódica, piano e electrónica (síntese sonora) gerada ao vivo, cuja composição foi inspirada pela leitura de “Veduta - Hörspiel” de Alberto Velho Nogueira.

Paulo Galão - clarinete baixo
Philippe Trovão - saxofone tenor
Pedro Frazão - eufónio
Manuel Guimarães - melódica
André Hencleeday - piano
Ricardo Guerreiro - computador

 
O’culto da Ajuda
Miso Music Portugal
art music centre
because sound matters
..............................................................
+ 351 213620382
 
Travessa das Zebras, nº 25/27, 
(à Calçada da Ajuda)
1300-589 Belém, 
GPS
Latitude=38.699070
Longitude=-9.198810
Lisboa, Portugal 


publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

capitao fausto.jpg

 

 
Capitão Fausto contam histórias com música, no Festival Grant's Stand Together! 

Dias 1 e 2 de Julho no Porto -  Fundação de Serralves
  
 
Depois de duas noites esgotadas no Cinema São Jorge em Lisboa, o Festival Grant’s Stand Together volta ao Porto já este fim-de-semana, pela primeira vez naFundação de Serralves, para duas noites com sala esgotada.
 
À semelhança de Lisboa, uma série de personalidades cativantes aceitaram o convite do anfitrião Joaquim de Almeida e sobem a palco para partilhar histórias tão verdadeiras que nem vais acreditar: duas figuras míticas do cinema, António-Pedro Vasconcelos e Ricardo Trêpa; Capicua, a artista que mudou o panorama do Hip Hop; o carismático cantor Samuel Úria; o irreverente Tomás Wallenstein, vocalista de “Capitão Fausto” e o ator Jorge Corrula.

Depois da sessão de Storytelling, é altura dos DJ’s contarem histórias com a sua música.
O DJ Set de Capitão Fausto vai animar a festa com “UnBEATable Stories”, que é o mesmo que dizer – música que combina na perfeição com uma noite entre amigos e os cocktails deliciosos Grant’s.
 
Na segunda noite de Storytelling, Joaquim de Almeida já se sente em casa na Fundação de Serralves e desafia convidados especiais a virem ao palco partilhar histórias tão verdadeiras que nem vais acreditar.
O estilista Filipe Faísca já deixou a sua marca no mundo e vai revelar a sua experiência; o cozinheiro estrela Michelin Rui Paula; o comentador televisivo e promotor de moda Manuel Serrão também marca presença, assim como dois nomes incontornáveis da comédia nacional – o sensacional Eduardo Madeira e a grande Joana Marques. O comunicador e homem do norte Álvaro Costa completa o leque de storytellers numa noite imperdível
 
A segunda edição do Festival Grant’s Stand Together na magnífica cidade do Porto regista um cartaz imperdível, com a programação sempre a cargo da H2N Phenomena-Makers!
 
FUNDAÇÃO DE SERRALVES | PORTO 
 
|1 de Julho
Sala 1 | 21h30
Sessão de Storytelling - Joaquim de Almeida convida Samuel Úria, Tomás Wallenstein, Capicua, Ricardo Trepa, António Pedro Vasconcelos, Jorge Corrula

Duração: 120 mins

DJ Set Capitão Fausto | 23h30 - 03h00
"UnBEATable Stories” | Tomás Wallenstein, Salvador Seabra, Francisco Ferreira 

|2 de Julho
Sala 1 | 21h30
Sessão de Storytelling - Joaquim de Almeida convida Álvaro Costa, Eduardo Madeira, Chef Rui Paula, Filipe Faísca, Manuel Serrão, Joana Marques

Duração: 120 mins


publicado por olhar para o mundo às 20:13 | link do post | comentar

festim.png

 

 

9ª edição do Festim já iniciou a viagem musical ao globo.


Depois de Yamandu Costa, seguem-se Bombino e Susana Baca no Festim!

O “violão” brasileiro de Yamandu Costa conquistou o público do Festim.
 

O Festim 2017 começou com toque de génio. O brasileiro Yamandu Costa fez a abertura da 9ª edição, com dois inesquecíveis concertos no Cineteatro Alba e no Quartel das Artes Dr. Alípio Sol, em Oliveira do Bairro. Esta semana, Bombino (29 e 30 de junho) e Susana Baca (1 e 2 de julho) levam o Festim para rua.

Depois de duas noites de abertura ao som do genial “violão” de Yamandu Costa, o Festim - festival intermunicipal de músicas do mundo prepara agora quatro dias de festa ao ar livre, a começar na próxima quinta-feira e até domingo, com dois grandes nomes: Bombino (Níger) e Susana Baca (Peru).
 
Bombino, um herói do povo tuaregue, traz o seu blues rock exótico ao Festim para dois concertos absolutamente mágicos. Na quinta-feira, 29 de junho, estará na Quinta do Torreão, em Albergaria-a-Velha. No dia seguinte, é a vez de Esmoriz (Município de Ovar), em plena Praça das Campanhas.
 
Depois, o Festim recebe a voz da diva peruana Susana Baca, levando-nos a uma viagem maravilhosa por séculos e continentes, com dois destinos: a 1 de julho, no Parque Urbano de Sever do Vouga; no domingo, 2 de julho, a canção afro-peruana volta a fazer-se ouvir na Praça das Campanhas, em Esmoriz (Ovar). Sempre pelas 22 horas.

Semana após semana, até 21 julho, o Festim leva o melhor das músicas do mundo aos Municípios de Águeda, Albergaria-a-Velha, Sever do Vouga, Ovar, Estarreja, Ílhavo e Oliveira do Bairro. Todos ao Festim!


http://www.festim.pt/
http://www.facebook.com/dorfeu.festim

Yamandu Costa (Brasil) | Bombino (Níger) | Susana Baca (Peru) | Hazmat Modine (EUA)  | Lura (Cabo Verde) | Les Violons Barbares (Mongólia, Bulgária, França) | Kočani Orkestar (Macedónia)
 
22 junho a 21 Julho 2017  |  9ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA
OVAR * ESTARREJA * ÍLHAVO * OLIVEIRA DO BAIRRO



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 27.06.17

the floyd.jpg

 

THE FLOYD PORTUGAL - TRIBUTO A PINK FLOYD

MÚSICA
29 JUL | 21:30H |6€
Classificação Etária M6
 
The Floyd Portugal são uma Banda Portuguesa de Tributo aos Pink Floyd, composta por músicos experientes, fãs de Pink Floyd, decididos a assumir uma qualidade indispensável que é requerida num espetáculo desta natureza, homenageando a banda britânica de Roger Waters, David Gilmour, Richard Wright, Nick Mason e Syd Barret, um dos mais bem sucedidos, importantes e inovadores grupos na história da música rock.

The Floyd Portugal, com o seu Tributo a Pink Floyd, pretende corresponder às expectativas da sua audiência com uma sonoridade muito aproximada à da banda original e uma componente cénica com vídeos, luzes e outros efeitos.
O repertório é composto pelos grandes sucessos de Pink Floyd, como: “Shine on you crazy diamond”, “Wish you were here”, “Another brick in the wall”, “Time”, “Money”, “ Learning to fly”, “ On the turning away”, “High Hopes”, “Run like Hell”, “Confortably numb”, entre outros inúmeros êxitos indo pois de encontro a quem assiste à performance de The Floyd Portugal.


publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

darth.jpg

 

 

Aos 23 anos, depois de uma década de ilusões, desilusões, experiências e uma volta ao mundo, Darth é alter-ego criado por Duarte Silva músico radicado em Coimbra ,que após ter vindo de um ano sabático ,achou que estava na hora de pegar em algumas das canções que tinham ficado na gaveta e outras que entretanto foi escrevendo nas suas viagens e, finalmente partilhar isso com o mundo.

 

Tendo iniciado a sua carreira em 2009 como letrista, compositor e líder da banda "The Back Doors", banda que na altura inovava na  cena Pop e, no Ska. A incursão na música Pop com influências de vários estilos desde o  Rock Alternativo,  Soul ,Indie, Funk ou a pop electrónica com um conjunto de  Histórias para contar.

 

Expressar-se na língua de Camões ,celebrando o amor e a arte de  bem viver sem esquecer a crítica social, foi um desafio que acabou por ser natural , devido aos tempos conturbados e a necessidade de passar uma mensagem actual. 

 

“ A Estrada” é o cartão de visita para o disco de estreia com nome provisório “O Poder da Ilusão” do músico de Coimbra com edição prevista para o próximo ano tem a produção e o arranjo de Jaime Santos(Garbo) . É uma canção de verão que fala dos altos e baixos que passamos durante a vida e refere a necessidade de aceitarmos esse facto ,mantendo um desprendimento em relação aos bens materiais em detrimento das experiências e provações que a vida nos presenteia .

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

van breda.jpg

 

VAN BREDA LANÇA A SUA PRIMEIRA PRODUÇÃO A SOLO:

What you want

 

Van Breda, Dj e Produtor, lança a sua primeira produção a solo, onde convida a cantora e compositora Norte-Americana Mickey Shiloh. Nascida e criada em S. Francisco, Mickey Shiloh já escreveu para artistas como Britney Spears, Iggy Azalea, LL Cool J e Pitbull.

 

A singularidade da sua voz encantou o produtor Lisboeta, nascendo assim What You Want, um tema com uma base ritmica trendy e uma sonoridade altamente influenciada pelo moombahton.O videoclip, que nos traz cor e movimento, ficou a cargo da dance Crew Funkymonkeys, que se juntou a Edsónia e criou um universo de dança num dos mais enigmáticos túneis da nossa capital. 

 

Dirigido e realizado pelo próprio produtor, Van Breda acredita que o resultado final vai dar que falar e ajudar a afirmar a sua imagem de "party maker". “What U Want” prepara-se para marcar um novo capítulo na carreira de Van Breda, posicionando-o definitivamente como um dos nomes com maior relevância no DJing nacional.

 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 26.06.17

nuno.jpg

 

 

O Consulado Geral de Portugal na Bahia abre as comemorações ao Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas  com uma programação que realça a simbiose das relações culturais luso-brasileiras. Celebrado mundialmente no dia 10 de junho, este ano a data nacional de Portugal terá o foco das comemorações no Brasil, como uma forma de enaltecer a História comum aos dois países e as relações entre os seus povos. Na capital baiana, acontecem palestras no Gabinete Português de Leitura de Salvador, visitas ao Navio-Escola Sagres que estará ancorado no porto desta cidade e ainda uma noite de fado com uma das maiores vozes de Portugal, o fadista Nuno da Camara Pereira, com participação especial de Saulo, Cláudia Cunha e Alexandre Leão.


De acordo com a Cônsul Geral de Portugal na Bahia, Nathalie Viegas, “Salvador é uma das cidades brasileiras que mais preservam a ligação com Portugal. Faz todo sentido que tenhamos uma celebração à altura dessa História comum”. Ainda segundo a Cônsul, além da chegada da Sagres, “esse ano o caráter da festa será voltado à música e à cultura. Fernando Pessoa é o nosso símbolo maior na Literatura, assim como o Fado é o cartão de visita da nossa identidade musical, que se aprimora quando combinado com outras sonoridades como a MPB e o Axé. Queremos que o público luso-baiano venha conhecer mais um exemplo tão rico deste diálogo entre culturas”, completou.

 

“Embaixada Itinerante”

Utilizado como Navio-Escola, o Sagres está incorporado à Marinha Portuguesa desde 1962. Desde então, tem efetuado anualmente viagens de instrução com cadetes da Escola Naval Portuguesa. Além da função pedagógica, o Sagres é também regularmente utilizado na representação da Marinha e do País, funcionando como embaixada itinerante de Portugal. A embarcação chegará ao Porto de Salvador no dia 26/06 e ficará aberto à visitação pública e gratuita nos dias 26, 27 e 28 de junho.
 

O NRP Sagres é um grande veleiro com 90 metros de comprimento, 3 mastros e armação em barca, construído nos estaleiros navais Blohm & Voss, na Alemanha, em 1937. Navega há 79 anos, 54 dos quais com a bandeira de Portugal. A sua principal missão é assegurar a formação marinheira dos futuros oficiais da Marinha Portuguesa, complementando a componente técnica e académica ministrada na Escola Naval de Portugal.
 

O navio-escola Sagres é comandado pelo Capitão-de-fragata António Manuel Gonçalves e conta, para esta missão, com uma guarnição de 134 militares e 44 cadetes do 2º ano da Escola Naval, entre os quais seis cadetes dos países lusófonos (Brasil, Cabo Verde, Angola e Moçambique) e nove cadetes de Marinhas estrangeiras (Angola, Alemanha, Espanha, Estados Unidos da América, Inglaterra, Marrocos, Tunísia e Turquia). No navio-escola Sagres encontram-se embarcadas 190 pessoas de 12 nacionalidades diferentes.
 
Fado, MPB e Música Baiana

Os eventos de Comemoração ao Dia de Portugal encerram no dia 28 de Junho, com o espectáculo de Nuno da Camara Pereira, no Hotel Vila Galé, em Ondina, Salvador. Ilustre cantor de Fado, Nuno da Camara Pereira reinventou sua carreira após 40 anos, modernizou suas influências e contará com as participações de Saulo, Cláudia Cunha e Alexandre Leão. Os Bilhetes estarão disponíveis para venda no Gabinete Português de Leitura e custarão R$ 150.
O Axé Music criou a guitarra baiana. Por sua vez, o Fado contribuiu para a história da construção da guitarra portuguesa, inteiramente artesanal, distinguindo-se duas famílias de guitarristas que aperfeiçoaram e transmitiram o seu segredo ao longo de sucessivas gerações.
O Fado é Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade desde 2011.

As comemorações do Dia de Portugal em Salvador terão lugar no Porto de Salvador no Hotel Vila Galé Ondina

A visita ao Navio Sagres tem entrada gratuita
No dia  27 de Junho às 10h (Conferência de imprensa).
No dia  26 (As visitas estão abertas ao público entre as 12h e as 17h), 27/06 e 28/06 (das 10h-17h) . Largada a 29/6 (9h).
Espectáculos de Fado, MPB e Música Baiana: fadista Nuno da Camara Pereira com participações de Saulo, Cláudia Cunha e Alexandre Leão 
Dia 28 de Junho no Hotel Vila Galé – Ondina, Salvador
20h00 (Festa para convidados), 21h00 (inicio do espectáculo)
Bilhetes: R$150,00, à venda no Gabinete Português de Leitura     
Praça da Piedade - Dois de Julho, Salvador - BA, 40060-300


publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

4 elementos.jpg

 

 
4 ELEMENTOS
 
MÚSICA
02 JUL | 17:00H |5€
Classificação Etária M6
 
Um espetáculo musical que evoca as 4 essências do mundo: terra, água, ar e fogo num conceito bem inovador. Da pop ao rock, do clássico ao jazz, durante cerca de 1h e 45m dança, poesia, música e luz são os novos 4 elementos evocados que ganham contornos de misticismo. Uma celebração com cerca de 60 artistas em palco com efeitos multimédia. Uma concepção e produção artísticas da New Music School. A direção musical é do guitarrista Marco Reis.


publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

Domingo, 25.06.17

miguel gizas.jpg

 

 
MÚSICA
01 JUL | 21:30H |10€
Classificação Etária M6
 
O seu primeiro álbum "Tempo Ganho" foi editado em 2011. Em 2013 lança " Até que o mar se acalme" um romance musical que se pode ouvir e ler, um disco com um livro que o complementa. " O dia em que o mar voltou" é o seu mais recente trabalho. A música de novo se encontra com a escrita por uns caminhos de uma pop progressiva com espaço para blues e fado. Um espetáculo dinâmico onde as muitas histórias despertam a cumplicidade do público.


publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

Sábado, 24.06.17

gonçalo tavares.jpg

 

 

"Ao piano no Hot Club" é o primeiro single do novo álbum de Gonçalo Tavares, com edição marcada para Setembro.

"Ao piano no Hot Club", conta a história de uma viagem pelo país de norte a sul em busca da música certa, terminando numa festa que se divide entre o Hot Club e uma queima das fitas universitária. É um tema simultaneamente cultural, atual e divertido que reflete uma das muitas jornadas de Gonçalo Tavares durante os seus concertos.

O novo álbum de Gonçalo Tavares é composto por dezassete temas, incluindo cinco duetos com convidados muito especiais: José Cid, Luis Represas,André Sardet, assim como Sofia Afonso e Maria Carlota (dois nomes a decorar), retratando bem a ligação de Gonçalo Tavares com o seu piano e sintetizadores.

Gonçalo Tavares apresenta-nos o Pop Rock numa versão poderosa, juntando a garra imensa da sua voz rouca à certeza de um “grande” album à nossa espera e a descobrir. Até lá, fica aqui o registo do tema "Ao piano no Hot Club"

 

Tema "Só me lembro de ti" - Live@home:

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

supa squad.jpg

 

 

BEATBOMBERS FT SUPA SQUAD - TAKIN OVER

Ultrapassaram os 3 milhões de visualizações com “Squeeze Me” ao lado de Virgul e Putzgrilla. Já partilharam o palco com artistas como Charly Black e os SOJA. As suas performances energéticas não deixam ninguém indiferente, tendo já marcado presença em festivais como o Sumol Summer Fest, Musa Cascais e agora de volta, pela segunda vez, no MEO Sudoeste. 

Com um longo caminho percorrido pela fusão do new roots com o dancehall moderno, já conquistaram o público português e fazem agora o “Takin Over” ao lado de Beatbombers, demonstrando a sua versatilidade e maturidade musical. A não perder.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Sexta-feira, 23.06.17

zuuzua.jpg

 

 

ZUUZA E O SUBTERFÚGIO ROCKEIRO DE “MAD HATTER”

 

Veneram o blues mas é o rock que lhes corre nas veias. Dão pelo sugestivo, e intrigante, nome de Zuuzaa e revelam agora o terceiro single de “MARA”, registo que assinala o debute da banda.

 

“Mad Hatter”, tema de ritmo viciante, sucede a “Blind By Choice” e a “Wasted Lullaby”, e é mais uma prova da alma rockeira intrínseca à existência dos Zuuzaa. Depois de pisarem palcos como Popular Alvalade ou Musicbox é tempo de um novo capítulo de um dos projetos portugueses representado pela Music For All.

 

                                                                  

O ano de 2016 marca a estreia de um dos projectos mais promissores da actualidade. São portugueses, dão pelo nome de Zuuzaa e propõem uma infusão de Rock, Blues e Soul com particular destaque para um coro feminino que nos transporta para os saudosos anos 60.

Após um intenso período criativo Rafael Ribeiro, guitarrista e vocalista, assumiu a árdua tarefa de formar uma banda que desse corpo, vida e sentimento às canções por si habilmente escritas. Primeiro muniu-se da doce voz de Inês Carvalho, sua amiga de longa data.

 

Depois da talentosa dupla Mariana Matoso e Rafaela Pereira. Este distinto trio, de vozes marcadamente femininas, começou por colaborar numa só faixa. Contudo, rapidamente se tornou percetível que parte da magia da banda residia na alma, garra e emoção que as três davam às canções de Rafael Ribeiro. Foi com esta formação, que os então intitulados Zuuzaa & The Last Jesters, viram finalizadas as suas dez primeiras composições originais.

Com a entrada do baixista francês Matt Seybald e do baterista Bernardo Jorge a banda ganhou experiência e versatilidade, enriquecendo o seu trabalho em estúdio assim como a performance em palco. Graças aos contributos dos novos membros o número de temas originais subiu para 13 e o mês de Setembro marcou a estreia nos palcos nacionais.

Atualmente já editaram dois singles, “Wasted Lullaby” e “Blind By Choice”, rumando agora a “Mad Hatter”, terceiro tema revelado de “MARA”, álbum que marcou o início do percurso discográfico dos Zuuzaa.



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

recreio da anita.jpg

 

 
O RECREIO DA ANITA
 
MÚSICA INFANTIL
25JUN | 16:00H |6€
Classificação Etária M
 
O Recreio da Anita é um projeto infantil popularizado pelas mais de 73 milhões de visualizações no youtube
(o maior sucesso nacional), que transporta para os palcos a côr, as canções e as brincadeiras que fazem as delicias dos mais pequenos.

Em palco Anita e dois atores convidam-nos a entrar no universo das histórias cantadas.


publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

loureiros.jpg

 

 

A magia que os filmes da Disney têm, acompanhados desde sempre por perfeitas melodias, transportam-nos para um mundo encantado, captando a nossa atenção e despertando a nossa imaginação.

Com uma apresentação lúdica e projeção de imagem/vídeo,o Saxofone vai levar-nos a viajar por várias bandas sonoras da Disney, inserido num concerto didático, a magia dentro da criança vai certamente acontecer.

 

Venham fazer parte desta viagem!

Crianças dos 3 aos 10 anos
Duração: Aprox. 50 min
Saxofone4All - Marisa Borralho

Bilhetes:
1 criança + 1 acompanhante: 10 euros
(elemento extra do mesmo agregado: + 5 euros)

Duração | 50 minutos

Inscrições limitadas e sujeitas a inscrição prévia através de
sfploureiros.secretaria@gmail.com | 212 350 178

 

www.facebook.com/Loureiros

S. F. P. “Loureiros” Largo dos Loureiros,

Nº 1 Palmela



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.06.17

marco rodrigues.jfif

 

MARCO RODRIGUES REGRESSA COM "FADO DO COBARDE"

O SINGLE ANTECIPA O NOVO ÁLBUM COM EDIÇÃO PREVISTA PARA SETEMBRO

“Fado do Cobarde” é o novo single de Marco Rodrigues e o primeiro a ser retirado do próximo álbum de originais, cuja edição está prevista para setembro. Um fado fresco e uma letra irónica que deu lugar a um videoclipe realizado e concebido por Joana Areal (Ana Moura, Kalaf, entre outros) e pode ser visto no Canal Vevo de Marco Rodrigues.

 

O novo disco sucede a “Fados do Fado”, nomeado para um Grammy Latino na categoria de melhor álbum folk. E, se em “Fados do Fado” Marco Rodrigues lançava pela primeira vez um disco sem qualquer tema original, numa homenagem aos homens do fado, neste novo disco traz-nos o oposto.

Volta ao Marco Rodrigues de “Tantas Lisboas”, com o qual nos trouxe, por exemplo, o grande sucesso “O Homem do Saldanha” com letra de Boss AC. Volta à produção de Tiago Machado.

Mas dá vários passos em frente. Neste novo disco, ainda sem título, Marco Rodrigues rodeou-se de novos compositores e letristas da música pop nacional.  Traz instrumentos que já tinha utilizado em “Tantas Lisboas” como piano, percussão e bateria, mas dá-lhes mais espaço.

Não é um disco de fado, não é um disco de pop, é um disco de Marco Rodrigues, onde a sua identidade e a sua incrível capacidade interpretativa se encontram mais definidas do que nunca.

Alguns dos compositores e autores desta nova geração com que agora gravou são bem surpreendentes uma vez que se estrearam na escrita para fado. Alguns temas não são fados, mas a alma do fado é trazida pela interpretação de Marco Rodrigues.

Da lista fazem parte nomes como: Carlão, Diogo Piçarra, Luísa Sobral, Capicua, Agir, Pedro da Silva Martins, Tiago Pais Dias e Marisa Liz (Amor Electro), Boss AC, ou os ÁTOA, entre outros.

E é precisamente da escrita e composição de Guilherme Alface e João Direitinho dos ÁTOA que sai este primeiro single “Fado do Cobarde”. Convidar uns miúdos de 20 anos para escrever um fado (composição e letra) à partida poderia parecer absurdo, mas a verdade é que o fado não é estranho a João Direitinho, estudante no Conservatório de Évora desde os 6 anos, e que começou a sua atividade profissional aos 16 anos como viola fado na Casa de Fado Maria Severa em Évora, a sua cidade Natal.

Marco Rodrigues fez questão de não deixar de fora do seu novo disco o fado tradicional, que ganha nova vida com letras de Luísa Sobral, Capicua e Carlão.

Um disco para descobrir em setembro. Até lá, “Fado do Cobarde” 



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

ritchaz.png

 

 

RITCHAZ CABRAL APRESENTA ÁLBUM DE ESTREIA AO VIVO

 

Têm sido meses agitados para Ritchaz Cabral. Desde a edição do EP “Mal Famadu” em Fevereiro último, que o músico luso-cabo-verdiano tem percorrido as FNACs da zona lisboeta (Almada, Vasco da Gama, Alfragide e Oeiras) e espaços míticos da capital como o B.leza.

 

Agora chega a vez da FNAC Colombo e Cascais receberem também um pedaço da multiculturalidade disseminada por Ritchaz Cabral, que cria uma sonoridade urdida em torno tanto da sua veia europeia como de elementos da cultura musical africana.

 

Conheçam as datas abaixo:


26.06 | FNAC Colombo, 22h, Lisboa 
09.07 | FNAC Cascais, 18h30, Lisboa

 

Ricardo Cabral, de nome artístico Ritchaz Cabral, nasceu em Lisboa, no profícuo ano de 1988, e é filho de pais cabo-verdianos, imigrantes em Portugal há várias décadas.

Com apenas 13 anos, começa a dar os seus primeiros passos na música. O passaporte para aquilo que, anos mais tarde, se transformaria na sua vida profissional foi um velho gravador de cassetes, propriedade do seu progenitor, e um microfone inventado e construído pelo próprio utilizando pequenas colunas modificadas. Na altura, cantava letras conhecidas de autores cabo-verdianos e gravava brincadeiras com as irmãs e amigos.

Entre 2003 e 2012, fez parte da dupla Ritchaz & Keky que se apresentava com uma sonoridade mestiça onde o Kuduro se encontrava com a Kizomba e onde o Techno e o Reggae se fundiam com o Funaná e o Hip-Hop, num autêntico caldeirão de influências e sonoridades. A partir de 2007, a dupla trabalhou com a agência cultural Filho Único (Lisboa), com quem tiveram atuações regulares dentro e fora do país e através da qual participaram na coletânea de CD’s Novos Talentos da Fnac e da Antena 3 (2008).

Entre 2009 e 2011, Ritchaz frequenta dois cursos relacionados com a criatividade, produção e marketing musical na Restart (Lisboa), passando a fazer com frequência trabalhos de gravação, produção, mistura e masterização de música para diversos artistas na Europa e África. Nascia assim uma faceta diferente e complementar na carreira de Ritchaz Cabral!

Em 2011, e nos dois anos que se seguiram, Ritchaz integrou a banda de Reggae Luso United, sediada na Amadora, assumindo-se como teclista.

Paralelamente, o artista envolve-se em diferentes projetos ligados à música. Foi co-criador do Estúdio SomGráfico (estúdio de música comunitário), no bairro Outurela (Oeiras), juntamente com outros amigos e músicos; deu aulas de viola na escola básica local; e fez a co-produção e o lançamento do álbum musical independente Proghetto, que contou com a presença de vários artistas.

Em 2012, o artista junta-se ao grupo Raboita como vocalista, guitarrista e baixista. É nesta altura que passa a ter mais contacto com a música tradicional de Cabo Verde, adicionando ao seu leque de sonoridades as Mornas, Batukus, Funanás, Coladeiras e Mazurcas.

Chegamos, enfim, a 2014. Esta foi a altura em que Ritchaz decidiu dedicar-se a uma carreira a solo, começando a preparar aquele que se tornaria no seu primeiro EP. Neste trabalho são bem audíveis as suas raízes cabo-verdianas através dos Funanás lentos, dos Batuques com letras que retratam a simplicidade da vida e os valores do amor e respeito assim como os temas de cariz social, vertente que Ritchaz sempre prezou bastante.

Em simultâneo, Ritchaz integra o grupo Skopeofonia, um projeto de investigação académica em Etnomusicologia, da Universidade de Aveiro com a Fundação para a Ciência e Tecnologia, que tem recolhido e analisado as práticas musicais no bairro da Cova da Moura, na Amadora.

 

É por entre um leve sorriso, um ritmo quente e pegadiço e uma letra que nos transporta para as sinceras e profundas paisagens africanas que encontramos este primeiro trabalho de Ritchaz Cabral. O menino que Portugal viu nascer e crescer é hoje um homem que não esquece as suas origens, homenageando-as em “Mal Famadu”, o seu primeiro EP a solo.



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

mary N2.jpg

 

 

MARY N é de Lisboa, nasceu a 21 de Abril de 1995, e é compositora, escritora e intérprete das suas músicas. É uma autodidata e multi-instrumentista, sendo o seu instrumento de eleição a guitarra!

Tudo começou aos 10 anos quando recebeu a primeira guitarra. Começou por aprender música clássica, mas apenas queria saber da Pop e principalmente do Rock. Durante 2 anos teve aulas de guitarra, aprendeu sozinha a tocar baixo, bateria, piano e sempre gostou de cantar. Aos 15 começou a compor e decidiu que um dia partilharia a sua música. Depois de anos a compor sente-se confiante e com maturidade para se mostrar, e estreia o seu primeiro single “Don’t wanna hear you” com o rapper nacional D8.

Em 2016, começou a produzir o seu álbum de estreia “Patience”, lançado em 2017.

 

 

Conceito:

Esta campanha nasce do intuito de reforçar a evolução da artista desde youtuber a uma entidade profissional, ativa e com vontade de sair da sua zona de conforto. A ideia é a sua presença em sítios pouco convencionais, refletindo não só a sua versatilidade musical como também a sua vontade em levar a sua música mais longe. Seja no topo de uma árvore, ou num campo deserto, parque, ou qualquer espaço público para uma performance.

Cada performance consistirá numa breve atuação da artista (cerca de duas músicas) a solo com uma guitarra acústica ou com uma pequena banda, dependendo das condições do espaço. Esta será assim gravada e publicada nas redes sociais, na página de Facebook da Motim e posteriormente no canal de Youtube da artista, que contará com um vídeo novo a cada semana.

O objetivo é incentivar os fãs nas redes sociais a sugerir ideias e assim criar buzz  sobre a artista através da hashtag #NSpots.

Assim, as marcas envolvidas neste projeto comprometem-se a ceder um espaço e/ou condições para a gravação do vídeo, que contará com os logótipos das mesmas sem custos adicionais. Os seus nomes estarão ainda presentes em todo o nosso material promocional e divulgação online.mary N.jpg



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

the code.jpg

 

 

The Code nos EUA em Agosto

 

O EP “Estrada” em formato digital editado pela Farol Música

 

 

 

 

Dois anos após a primeira atuação em público na Ilha de São Miguel (Açores) de onde são oriundos, The Code editaram em Março o primeiro trabalho de originais, “Estrada”.

Percorrendo vários estilos, desde o funk ao pop, passando pelo rock e pelo jazz.

The Code são:

Marisa Oliveira (voz), Félix Medeiros (guitarra), Amadeu Medeiros (bateria), Hugo Medeiros (teclados) e André Ferreira (baixo).

The Code, um nome a fixar.



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 21.06.17

shawn.jpg

 

Shawn Mendes revela video para “There’s Nothing Holdin’ Me Back”

Depois de ter conquistadorMEO Arena em maio, músico continua em digressão até dezembro

Shawn Mendes acaba de revelar o vídeo para o seu novo single, "There's Nothing Holdin' Me Back”, realizado por Jay Martin. O vídeo conta com Shawn Mendes e Ellie Bamber, por quem está apaixonado no vídeo. A atriz é especialmente conhecida pelo premiado filme “Animais Noturnos”. O vídeo foi rodado entre Paris, Amesterdão e o Reino Unido.

“Queria muito fazer um vídeo para esta canção que representasse o espírito de aventura. Senti que não havia melhor local para filmá-lo do que em diferentes cidades belíssimas da Europa”, revelou Mendes. “A canção é sobre seguir alguém que amas até ao fim do mundo e tomar decisões que nunca na vida acharias que irias tomar porque estás apaixonado por alguém. Quisemos criar uma história que mostrasse esta relação entre um rapaz e uma rapariga e das suas viagens juntos, da forma mais pura possível.”

Recentemente, Shawn Mendes interpretou pela primeira vez ao vivo “There’s Nothing Holdin’ MeBack” no programa televisivo “The Tonight Show starring Jimmy Fallon”. O tema recebeu muitos aplausos da crítica, com a “NYLON” a destacá-lo como um dos melhores lançamentos da semana, afirmando: “Shawn Mendes ataca a pista de dança com uma pop genuína.” A “V Magazine” referiu que a canção “é uma das mais animadas [do cantor], com uma bateria rápida, breakdowns acústicos meio-tropicais e um refrão que não sai da cabeça.”

Shawn encontra-se a meio da sua primeira digressão mundial por grandes arenas a promover o álbum “Illuminate”, que alcançou o 1.º lugar dos tops em todo o mundo. Depois de ter conquistado Portugal em maio passado com uma atuação estonteante na MEO Arena, em Lisboa, Shawn Mendes prepara-se para regressar aos Estados Unidos, sendo que a “Illuminate World Tour” só chegará ao fim em dezembro.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

concerto solidario.jpg

 

Artistas portugueses unem-se em concerto solidário para com as vítimas dos fogos florestais

MEO Arena recebe concerto "Juntos Por Todos" a 27 de Junho, com transmissão ao vivo na RTP, SIC, TVI e em todas as rádios portuguesas.

No dia 27 de Junho, pelas 21h00, o Meo Arena recebe um concerto de homenagem às vítimas dos fogos florestais que continuam a lavrar em Pedrógão Grande e zonas limítrofes, e de angariação de receitas para reforço da ajuda às populações afectadas pela que é já considerada uma das maiores tragédias na história do nosso país. A receita obtida será entregue à União das Misericórdias Portuguesas.

"Juntos Por Todos" é uma iniciativa civil, co-produzida pela Sons em Trânsito, Nação Valente, MEO Arena, Blueticket, RTP, SIC e TVI, e artistas participantes: AGIR, Amor ElectroAna MouraAureaCamanéCarlos do CarmoCarminho, D.A.M.ADavid FonsecaDiogo PiçarraGisela JoãoHélder MoutinhoJoão GilJorge PalmaLuísa Sobral, Luís RepresasMatias DamásioMiguel AraújoPaulo GonzoPedro AbrunhosaRaquel TavaresRita RedshoesRui Veloso, Salvador Sobral Sérgio Godinho.

Os bilhetes já se encontram disponíveis em blueticket.pt e nos pontos de venda Fnac, Worten, El Corte Inglês, The Phone House, Pagaqui, ACP e Turismo de Lisboa, e têm as seguintes tipologias:

15€ - Bilhete Geral - único e sem marcação;

25€ - Bilhete Geral Extra - sem marcação, para quem pretende contribuir com um valor superior - Dá acesso aos mesmos sectores que o Bilhete Geral único e sem marcação de 15€;

15€ - Bilhete Donativo - para quem pretende contribuir mas não pode comparecer ao espectáculo - Não dá acesso ao espetáculo e pode ser adquirido em Portugal, nos locais habituais, e em qualquer parte do mundo, em blueticket.pt; foi criado para responder ao apelo da diáspora portuguesa e das muitas empresas que têm procurado formas de contribuir.

Para além das entidades co-produtoras, "Juntos Por Todos" conta com a imprescindível generosidade e solidariedade de inúmeras empresas e parceiros, que estão a colaborar de forma inteiramente gratuita e às quais a organização agradece.

MEO Arena e a Blueticket associam-se a esta causa oferecendo o seu espaço e serviços gratuitamente, nomeadamente a angariação e entrega das receitas à União das Misericórdias Portuguesas.

O evento conta com o Alto Comissariado da Fundação Calouste Gulbenkian.

O espírito solidário que se encontra na génese do evento sonhado pela Sons em Trânsito e pela Nação Valente, e desde logo apadrinhado por todos os artistas participantes, mobilizou a RTP, a SIC e a TVI, e todas as rádios portuguesas, garantindo a transmissão em directo para todos os portugueses residentes em Portugal continental, ilhas e um pouco por todo o mundo, através dos seus vários canais e plataformas online.É a primeira vez que todas as televisões e rádios portuguesas garantem uma cobertura conjunta de um espectáculo.

"Juntos Por Todos" conta com o contributo das editoras Sony Music Portugal, Universal Music PortugalValentim de Carvalho Warner Music Portugal na sua divulgação artística.

A organização aproveita a oportunidade "para agradecer comovidamente as centenas de outras ofertas espontâneas de participação de músicos e artistas no concerto. Infelizmente é impossível acolher todos, sendo que o evento a todos pertence, independentemente dos que subirem ao palco".

 



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

kadypsion.png

 

 

KADYPSLON APRESENTA NOVO ÁLBUM AO VIVO NA FNAC LEIRIA

 

Um dos maiores representantes do hip hop nacional continua a mostrar o seu mais recente trabalho, “Refúgio”, pelo país fora. Depois de apresentações nas FNAC lisboetas e algarvias, Kadypslon chega agora à FNAC Leiria a 24 de Junho.

 

O showcase está marcado para as 17h e será centrado precisamente neste seu primeiro longa-duração de onde já foram extraídos os singles “Malta Perdida” e “A Cultura”. No dia seguinte é a vez do rapper se apresentar ao vivo nas festas de S. João de Braga no Jardim de Santa Bárbara, bem no centro histórico da cidade. O disco já se encontra disponível em edição física nos locais habituais e em formato digital em plataformas como a Amazon, Google Play, Spotify ou The Store.

 

Nascido em meados dos anos 90 nos subúrbios de Lisboa, em Santo António dos Cavaleiros, Kadypslon descobriu por volta dos 14 anos a paixão pela poesia e pelo movimento hip hop. Durante cinco anos foi aperfeiçoando o seu dom juntamente com dois primos, até que decidiu emigrar, devido à falta de condições e oportunidades no seu país.

Depois de uma pequena temporada em Peterborough, em Inglaterra, e depois de quase dez anos de paragem, Kadypslon decidiu voltar a Portugal e a dedicar-se à música, agora com toda outra maturidade, garra e perspetiva.

Em 2010 gravou a sua primeira demo com seis faixas promocionais. Três anos mais tarde disponibilizaria o seu primeiro projeto, intitulado “Pandemonium”, que refletia um resumo de experiências passadas narradas na primeira pessoa. No primeiro trimestre de 2017 edita o seu primeiro longa-duração, “Refúgio”, que recolhe influências de boom bap e gravita em torno da temática da consciência urbana. Deste registo já foram extraídos os singles “Malta Perdida” e “A Cultura”.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

I think I’m losing control of myself
‘Cause I’ve waited too long for you
Inside I'm screaming
I wish I could tell
But my heart might break in two

I know this takes time
But I can’t wait
Always on my mind
Everyday

Don’t wanna waste another second of my time
Just let you know
I think it’s time for you
To stop and get my point of view
‘Cause I know I’m ready now

Envy only grows if you feed it
So there’s no reason why
It’s just a lesson
A part of life
Directions to reach the sky

I know this takes time
And I can’t wait
Always on my mind
Everyday

Don’t wanna waste another second of my time
Just let you know
I think it’s time for you
To stop and get my point of view
‘Cause I know I’m ready now

My heart’s getting stronger
My heart’s getting stronger
My heart’s getting stronger
My heart’s getting stronger
My heart’s getting stronger
My heart’s getting stronger
My heart’s getting stronger
My heart’s getting stronger
My heart’s getting stronger

Don’t wanna waste another second of my time
Just let you know
I think it’s time for you
To stop and get my point of view
‘Cause I know I’m ready
Don’t wanna waste another second of my time
Just let you know
I think it’s time for you
To stop and get my point of view
‘Cause I know I’m ready now


Music and lyrics by Mary N.
Produced and performed by Mary N.

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

couple cofee.jpg

 

 

Descaradamente para ti
 
Este disco pode ser um choque. E será, seguramente, um “caso” que vai fazer-se ouvir e dar que falar por muito, muito tempo. Não apenas porque é indecentemente bom, mas porque abre uma porta que, até agora e no mundo inteiro, muito poucos se atreveram a transpor com êxito: (o)usar e mexer no que já é perfeito, retomando uma dúzia de velhas canções e transportando-as para uma outra dimensão sem que a essência de cada uma delas em momento algum se dilua ou se desfigure.


Este disco é um trabalho de inteligência. Propõe-nos, a partir de um conjunto de temas de um dos maiores criadores portugueses, uma outra escuta e uma outra leitura, universal e contemporânea, que as engrandece e acrescenta. Se dúvidas houvesse sobre a perenidade adjacente à obra de Fausto Bordalo Dias, bastaria ouvir estas canções, refeitas com muito engenho e grande arte: está aqui tudo o que já estava, mais o que lhes foi acrescentado, e o mais que se ouvirá.


Este disco é, pois, a prova de vários factos: que esta música está (esteve sempre) muito para lá do tempo e do espaço em que foi feita; que estas palavras e estes sons carregam em si toda uma visão dinâmica do mundo; que com talento e génio em doses certas não há mesmo limites para o que a música pode ser.


Este disco é o passo seguinte de uma das mais notáveis bandas de língua portuguesa. Luanda Cozetti e Norton Daiello são os Couple Coffee, ou pelo menos a sua parte mais visível. Na verdade, o duo é frequentemente um agregador de talentos vários (como aqui acontece, e aconteceu também nos registos anteriores), juntando vozes de diferentes quadrantes e sensibilidades, associando músicos com distintos percursos, e criando a partir daí como que uma outra identidade, concreta e definida, onde o total é sempre muito mais do que um somatório de partes avulsas.


Este disco é um caso de perfeita simbiose entre o amador e a coisa amada: entre Luanda, Norton e todos os músicos que tão prazenteiramente se nos apresentam, e o autor e as canções que escolheram para dar corpo a uma obra que é, só podia ser, um acto de amor. E, por isso, também um acto de partilha. Tomai e comei.


Este disco chama-se “Fausto Food”, e isso não é um acaso – como nada do que a Luanda e o Norton fazem é por acaso. Para os que, por simplicidade ou preguiça, se apressem a fazer a analogia fonética óbvia com qualquer tipo de comida rápida, dir-lhes-ei que esta “food” é antes uma refeição gourmet, para saborear intensa e vagarosamente como é próprio dos bons manjares. E, já agora, com o som bem alto, de preferência.  


Este disco não é próprio para ouvidos calcificados, como não o é nenhum outro disco de Fausto ou dos Couple Coffee. Digo, com a certeza que me dá tudo o que (ou)vivi, que este é dos melhores trabalhos a que a língua portuguesa e música dela deram origem neste século.


Este disco pode ser um choque, e oxalá que sim. O Fausto, a Luanda, o Norton, e todos quantos lhe deram corpo e alma, merecem. E nós, ouvintes felizes, só temos de lhes agradecer este (en)canto.
Posto isto, apertem os cintos, e lá vamos nós. Descarada e alegremente, que o tempo não é de ais, mas de querer mais.
 
Viriato Teles
(escrito em profundo desacordo e sem nenhum respeito pelo “Acordo Ortográfico”)

 

"Fausto Food" é o nome do novo álbum e single dos Couple Coffee com edição marcada para dia 23 de Junho. 



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 20.06.17

victor bacalhau.jpg

 

 

"DIRTY LITTLE GIRL" 
NOVO SINGLE do VÍTOR BACALHAU


"Dirty Little Girl" já se encontra disponível nas plataformas de música.
O tema é o primeiro single do novo disco do Vítor Bacalhau - "Cosmic Attraction” que será lançado em Outubro deste ano com o selo da Mobydick Records. O músico algarvio tem vindo a dar provas de grande competência e maturidade no mundo do Blues/Rock nacional.
 

 



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

party winner.jpg

 

PARTY WINNER - O NOVO SINGLE DE PUTZGRILLA

 

E o Verão acabou de ficar ainda mais quente! Um dos projetos de música eletrónica mais bem sucedidos em Portugal acaba de lançar um novo single, desta vez em colaboração com Laton Cordeiro e MC Zuka.

 

Depois do sucesso de “Sentadinha”, uma nova colaboração com MC Zuka já era há muito pedida pelos fans do grupo e a adição de Laton Cordeiro, vem tornar “Party Winner” num autêntico hit instantâneo.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

pimba.jpg

 

DEIXEM O PIMBA EM PAZ
NO CASCAIS GROOVE A 23 DE JUNHO

O projecto liderado por Bruno Nogueira e Manuela Azevedo actua no próximo dia 23 de Junho no Cascais Groove, Parque Marechal Carmona, em Cascais.

Deixem o Pimba em Paz é antecedido pela actuação de As Baladas do Dr. Paixão, projecto de Nuno Markl e João Só.
Os concertos têm início às 21h30.

Esta é a a segunda edição do Festival Cascais Groove, que pretende aliar a música a um ambiente de bem estar e de partilha de experiências.


23 de Junho | Parque Marechal Carmona | 15 euros



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

dogbollocks.png

 

 

A dupla de Blues/Rock de Torres Novas lançou o EP "Single Malt Blues" já disponível no Spotify e encontra-se neste momento a promover o seu trabalho, com o teme “Birds and the Bees” já a rodar em rádios.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 19.06.17

diogo piçarra.png

 

Diogo Piçarra

“do=s” e “Espelho” editados em vinil pela primeira vez

Diogo Piçarra edita pela primeira vez em vinil o galardoado primeiro álbum, “Espelho” e o mais recente “do=s”. “Espelho”, o disco que deu a revelar Diogo Piçarra como autor e compositor, editado originalmente em 2015, ganha uma nova edição em CD com faixas extra e músicas ao vivo. Assim, ficarão reunidos num só CD temas como “Tu e Eu”, “Volta”, “Verdadeiro” e “Meu é Teu”, o dueto que Diogo Piçarra tem com Isaura.

Todas estas novas edições chegam às lojas a 23 de Junho.

Diogo Piçarra continua a promover o seu mais recente álbum, “do=s”, do qual já foram retirados 3 singles de sucesso: “Dialeto”, cujo vídeo recentemente ultrapassou as 10 milhões de visualizações no VEVO, “História” com 5 milhões de visualizações e “Já Não Falamos” com 2 milhões de visualizações.

A TOUR do=s continua a levar milhares a ouvir todos estes temas ao vivo.

Próximas datas aqui:

22.06     Lousã

23.06    Festas de São João – Braga

24.06    Vila Velha de Rodão

29.06    Camara de Lobos – Madeira

30.06    Feira da Vinha e do Vinho - Anadia

01.07    Estela – Póvoa do Varzim

08.07    Oliveira de Azeméis

13.07    São Miguel - Açores

14.07     MEO Marés Vivas

15.07    Amor – Leiria

22.07    Pedrogão Grande

23.07    Monchique                            

28.07     Oliveira do Hospital

29.07    Vila Chã de Ourique                                             

01.08     Cantanhede – Expofacic

03.08    Ribeira de Pena

04.08    Festival do Atlântico – Alcobaça

07.08    Benavente

09.08    Semana do Mar – Faial, Açores                      

11.08     Louriçal                 

12.08     Ferrel    

13.08     Olhão – Festival do Marisco

14.08    Fronteira               

15.08     Ribeira De Frades

18.08     Viseu – Feira de São Mateus                             

19.08     Canedo – Santa Maria da Feira

21.08     Penafiel – Agrivale 2017                                    

24.08     Corroios

25.08    Festival do Crato

01.09    Póvoa do Lanhoso

02.09    Cuba

09.09    Ovar                        

10.09     Alpiarça

15.09    Nazaré

22.09    Carvoeira - Ericeira

27.10     Coliseu do Porto                                  

03.11     Coliseu de Lisboa

25.11    Viana do Castelo          



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

lena de agua.jpg

 

LENA D'AGUA
Piano e Voz 

 

MÚSICA
24JUN | 21:30H |10€
Classificação Etária M6

 

Uma voz única e inconfundível num desfilar de canções emblemáticas e de grande êxito. Acompanhada por Ricardo Dias no piano, Lena interpreta temas como o inesquecível “Sempre que o Amor me Quiser”, ou apetecível “Dou-te um Doce”, e ainda “A Noite Passada”, “A Barca dos Amantes”, “Estou Além”, “Nunca Me Fui Embora”…entre muitos outros. Uma intérprete ícone da melhor pop lusitana de sempre.



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

Domingo, 18.06.17

oesteunderground.jpg

 

 

Segunda edição do Oeste Underground Fest realiza-se

a 4 de novembro na Malveira

 

Malveira, 18 de junho de 2017 - Realiza-se no próximo dia 4 de novembro, no Pavilhão Multiusos da Malveira (concelho de Mafra, distrito de Lisboa), a segunda edição do festival de Metal e Hardcore Oeste Underground Fest.

 

De cariz solidário, dado que visa auxiliar os bombeiros locais, o evento será constituído por 14 bandas portuguesas e estrangeiras, praticantes da melhor música pesada que atualmente se faz na Europa. Numa decisão arrojada, o festival abre-se pela primeira vez à inclusão de grupos estrangeiros.

 

O alinhamento já se encontra fechado, tendo como cabeças-de-cartaz os alemães Acranius. Antes, ainda, tocam os suíços Enzephalitis (cujo vocalista é Ricardo Proença, ex-Analepsy), os espanhóis Lapidated, os ucranianos sediados em Portugal Yar e os portugueses Raw Decimating Brutality (RDB), Bleeding Display, Sacred Sin, Revolution WithinDead MeatKonadHumanart, Steal Your Crown, Ravensire e Trepid Elucidation, num pacote de luxo que, sem dúvida, irá satisfazer os fãs de Metal e Hardcore. 

 

Na sequência do inegável êxito de que a edição inaugural (realizada a 5 de novembro de 2016) se revestiu , com 259 pagantes, a organização pretende uma vez mais realizar um evento de elevada qualidade, com forte impacto económico na área geográfica em que se insere.

 

Em simultâneo, é objetivo da organização preservar e exponenciar o espaço que o Oeste Underground Fest notoriamente já conquistou no mapa dos festivais underground em Portugal. Aliás, a realização anual do evento é um objetivo assumido pela organização.

 

Na edição anterior o evento revelou-se um enorme êxito, trazendo à Malveira cerca de 500 pessoas, entre público, bandas, imprensa e responsáveis de bancas de merchandise, de tal forma que os Bombeiros Voluntários locais ‘’exigiram’’ a realização de muitas mais edições. É para isso que trabalhamos!

---------

 

Contactos

 

www.facebook.com/oesteundergroundfest/


oeste.under.fest@gmail.com



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar | ver comentários (1)


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

Útlimos concertos da Temp...

Capitão Fausto contam his...

Já se vive o Festim! Bomb...

THE FLOYD PORTUGAL - TRIB...

Darth apresneta "A estrad...

VAN BREDA LANÇA A SUA PRI...

Nuno da Camara Pereira é ...

4 ELEMENTOS no Cineteatro...

MIGUEL GIZZAS no Cineteat...

Gonçalo Tavares apresenta...

arquivos

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
A letra deste música refere-se à vida de uma crian...
Gostei
Gostei
Uma boa iniciativa com muito boa música!
Claro que foi, este individuo tem um ego do tamanh...
Boa noite, o texto foi enviado exactamente como es...
O encontro entre o cavaquinho português e o ukulel...
"Será o primeiro disco profissional que deixará o ...
Alguém com os acordes?
Ó filha: muda de ramo!
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds