Terça-feira, 08.08.17

 

Letra

 

Cada vez sinto mais o desespero
Quando penso em ti
e nos dias em que não te 
vejo fico fora de mim 

Falo com amigos para disfarçar
Sei q não me ligas 
mas eu vi-te a olhar, a olhar

Serão vários sinais 
Que existem entre nós?
Ou o que eu sinto é normal
logo após tu teres chegado

Fazemos sempre o mesmo 
e eu não quero mudar
E o que esta diferente...
Isso tem de acabar

Agora, não há tempo a perder
Vamos acender a chama q ainda está por arder 2x

R:
Sim eu sei que tu olhas para mim
Mas não sei se consigo seguir assim
Ninguém Sabe O Que Nos Vai Acontecer
Vamos Ver Qual De Nós Vai Acabar Por Ceder 2x

Olhas a tua volta
Sem ninguém a olhar pra ti...
Tanto tempo a espera 
Para ver quem vai agir

Será q sou o único , que te acha especial?
Não ficas preocupada se eu acabar mal 
De tudo o que fizemos, nada foi em vão,
Ficar a olhar para ti, é mais que uma tentação

Ah, e qual de nos vai tentar?
Nesta química que podia resultar
Tentei, tentei ser mais verdadeiro
Mas se o tempo tivesse preço, eu não tinha dinheiro

Fazemos sempre o mesmo 
e eu não quero mudar
E o que esta diferente...
Isso tem de acabar

R:
Sim eu sei que tu olhas para mim
Mas não sei se consigo seguir assim
Ninguém Sabe O Que Nos Vai Acontecer
Vamos Ver Qual De Nós Vai Acabar Por Ceder 2x

Olhares infiltrados
De uma paixão invisível
Iriam aparecer isso já era previsível

O sentimento que nos rodeava
Serviu para nos invejar
Pra nos dar vontade
de começar a tentar

R:
Sim eu sei que tu olhas para mim
Mas não sei se consigo seguir assim
Ninguém Sabe O Que Nos Vai Acontecer
Vamos Ver Qual De Nós Vai Acabar Por Ceder 2x

 

Música Original por 4th District
Letra: Diogo Grilo

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 07.08.17

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

Música Original por 4th District
Letra: André Balsa e Diogo Grilo

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

district.jpg

 

 

 

4TH DISTRICT, NASCEU A NOVA SENSAÇÃO POP

 

Há um novo quinteto a emergir no panorama pop cantado em português. 4th District de seu nome, apresentam-se ao público com “Cansado”, composição simples mas eficaz de pop/rap que espelha influências de projetos como os D.A.M.A. ou ÁTOA e que versa sobre as primeiras desilusões amorosas.

 

Este é o cartão de visita daquele que será o trabalho de estreia do grupo de Évora, a ser editado ainda este ano com o selo da Music For All.

 

Diretamente do coração do Alentejo reúnem-se cinco jovens artistas com afiliação ao pop/rock alternativo.

Formados na reta final de 2015, os 4th District são constituídos por André Balsa (voz/guitarra), Diogo Grilo (guitarra), Adriano Ramalho (baixo), Daniel Ferreira (voz) e Cláudio Espada (bateria/voz).

 

André Balsa aprendeu a tocar guitarra por si mesmo aos 12 anos, devido ao seu apreço por bandas como The Vamps e 5 Seconds of Summer. Aos 14 de idade formou a sua primeira banda, os The Lost Van. Mais tarde reúne-se com Diogo Grilo e forma os The Crusades, uma das bandas que deu origem aos 2nd District, o esboço daquilo que são hoje os 4th District.

Diogo Grilo cultivou o seu interesse pela guitarra ao assistir horas a fio ao seu ídolo Slash em ação, o que o instigou a aprender também por si mesmo a tocar um pouco de todos os instrumentos de que uma banda é feita, sempre com especial dedicação à guitarra. Acaba por fazer parte dos The Lost Van, caminhando sempre ao lado de André até aos dias de hoje, ajudando também a compor os versos para as letras da banda.

Adriano Ramalho cultiva o seu gosto pela música na entrada para a adolescência, ao aprender a tocar baixo, contando nesta aprendizagem musical com a valiosa ajuda do baixista dos ÁTOA, Mário Monginho. A sua primeira banda foram os The Crusades, onde militou ao lado de André Balsa, com quem viria a formar os 4th District.

Já o percurso de Daniel Ferreira é bastante recente. O gosto pela música existe desde muito jovem, mas só aos 15 de idade é que teve oportunidade de mostrar o seu valor em termos vocais e entrar num projeto a sério.

Por fim, Cláudio Espada, o elemento mais velho, tem contato directo com a música desde os 6 anos de idade, por influência de um familiar que tocava piano. Aos 12 surge a oportunidade de formar uma banda juntamente com colegas de turma, os Level Up, que integra como baterista. Com o fim da banda, Cláudio concentra os seus esforços em aprender a tocar todos os instrumentos possíveis e a compor originais, metas essas que o levaram até aos 4th District.

A banda conta já com dois originais – “Olhares Entre Nós” e “Cansado” – que juntamente com os covers que têm assinado no seu canal de YouTube, alcançaram grande popularidade nas redes sociais. O buzz foi suficiente para começarem a ganhar mediatismo e a dar concertos em pequenos espaços na cidade de Évora, de onde são naturais.

Em 2017 dão o próximo grande passo no seu percurso ao assinarem pela Music For All, através da qual editarão o seu primeiro trabalho, estreando-se agora com o single “Cansado”.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 02.08.17

district.jpg

 

4TH DISTRICT, NASCEU A NOVA SENSAÇÃO POP

 

Há um novo quinteto a emergir no panorama pop cantado em português. 4th District de seu nome, apresentam-se ao público com “Cansado”, composição simples mas eficaz de pop/rap que espelha influências de projetos como os D.A.M.A. ou ÁTOA e que versa sobre as primeiras desilusões amorosas.

 

Este é o cartão de visita daquele que será o trabalho de estreia do grupo de Évora, a ser editado ainda este ano com o selo da Music For All.

 

Diretamente do coração do Alentejo reúnem-se cinco jovens artistas com afiliação ao pop/rock alternativo.

Formados na reta final de 2015, os 4th District são constituídos por André Balsa (voz/guitarra), Diogo Grilo (guitarra), Adriano Ramalho (baixo), Daniel Ferreira (voz) e Cláudio Espada (bateria/voz).

 

 

André Balsa aprendeu a tocar guitarra por si mesmo aos 12 anos, devido ao seu apreço por bandas como The Vamps e 5 Seconds of Summer. Aos 14 de idade formou a sua primeira banda, os The Lost Van. Mais tarde reúne-se com Diogo Grilo e forma os The Crusades, uma das bandas que deu origem aos 2nd District, o esboço daquilo que são hoje os 4th District.

Diogo Grilo cultivou o seu interesse pela guitarra ao assistir horas a fio ao seu ídolo Slash em ação, o que o instigou a aprender também por si mesmo a tocar um pouco de todos os instrumentos de que uma banda é feita, sempre com especial dedicação à guitarra. Acaba por fazer parte dos The Lost Van, caminhando sempre ao lado de André até aos dias de hoje, ajudando também a compor os versos para as letras da banda.

Adriano Ramalho cultiva o seu gosto pela música na entrada para a adolescência, ao aprender a tocar baixo, contando nesta aprendizagem musical com a valiosa ajuda do baixista dos ÁTOA, Mário Monginho. A sua primeira banda foram os The Crusades, onde militou ao lado de André Balsa, com quem viria a formar os 4th District.

Já o percurso de Daniel Ferreira é bastante recente. O gosto pela música existe desde muito jovem, mas só aos 15 de idade é que teve oportunidade de mostrar o seu valor em termos vocais e entrar num projeto a sério.

Por fim, Cláudio Espada, o elemento mais velho, tem contato directo com a música desde os 6 anos de idade, por influência de um familiar que tocava piano. Aos 12 surge a oportunidade de formar uma banda juntamente com colegas de turma, os Level Up, que integra como baterista. Com o fim da banda, Cláudio concentra os seus esforços em aprender a tocar todos os instrumentos possíveis e a compor originais, metas essas que o levaram até aos 4th District.

A banda conta já com dois originais – “Olhares Entre Nós” e “Cansado” – que juntamente com os covers que têm assinado no seu canal de YouTube, alcançaram grande popularidade nas redes sociais. O buzz foi suficiente para começarem a ganhar mediatismo e a dar concertos em pequenos espaços na cidade de Évora, de onde são naturais.

Em 2017 dão o próximo grande passo no seu percurso ao assinarem pela Music For All, através da qual editarão o seu primeiro trabalho, estreando-se agora com o single “Cansado”.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

4th District - Olhares En...

4th District - Cansado

4th DISTRICT | Estreia do...

4TH DISTRICT, NASCEU A NO...

arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Grande Musica
Musica Qualitativa
Ah que fixe!!!Obrigada A Música Portuguesa por aju...
*ps: nós que fizemos!
Ah que fixe!!!Obrigada A Música Portuguesa por aju...
OláInfelizmente não lhe consigo responder, eu não...
OlaaQueria por favor saber se exiate a musica em C...
Te amo Loony ....so tua fa
http://yolandabythemusic.blogspot.co.uk/
Música xinofoba, que pena. Gosto de ouvir Ana Mour...
blogs SAPO
subscrever feeds