Sexta-feira, 31 de Julho de 2015

zambujoemiguelaraujo.jpg


ANTÓNIO ZAMBUJO

ANTÓNIO ZAMBUJO & MIGUEL ARAÚJO AO VIVO NOS COLISEUS



António Zambujo e Miguel Araújo já esgotaram Coliseus em nome próprio e é bem conhecida a cumplicidade entre os dois, dentro e fora do palco, e com todas as colaborações que têm feito ao longo das suas carreiras.
 
Os Coliseus de Lisboa e do Porto recebem, em Fevereiro, dois concertos únicos em que, apenas com voz e guitarra, os dois artistas vão partilhar com o público canções do seu trabalho, algumas das quais compostas e escritas em conjunto, intercaladas com momentos de conversa. 
Duas noites irrepetíveis e que prometem ficar na memória de todos os que a elas assistirem.
 
 
"Está tudo a falar do Iker Casillas e da Sara Carbonero, e ainda ninguém percebeu que o casal do ano são estes dois.
O Miguel Araújo e o António Zambujo deviam casar-se, dar uma volta ao mundo juntos e tocar para minorias, mas temo bem que optem pelo contrário e encham estes coliseus."
Fernando Alvim
 
"São lendárias as noitadas de cantigas que estes dois indivíduos levam a cabo entre compinchas. Que eles agora queiram partilhar a farra com milhares de convivas e fazer de uma sala venerável e respeitável como o Coliseu um acolhedor tasco, é a definição perfeita do que deve ser serviço público. Bem haja, Ujos (Ara e Zamb)."
Nuno Markl
 
"Há artistas, como Miguel Araújo e António Zambujo, que me deixam surpreendido por reunirem um conjunto de qualidades que, uma a uma, são tão raras. Aquilo que vai acontecer nos Coliseus de Lisboa e do Porto é o encontro destes dois artistas num palco, levando tudo o que os torna únicos na música portuguesa contemporânea. Acredito que esses espetáculos serão recordados por muito tempo. Nesse futuro, com vaidade, alguns vão poder dizer: estive lá."
José Luis Peixoto
 
"Os seus apelidos rimam como uma canção. Se for coincidência, é uma canção do Miguel. Se for destino, do António. O serão na sua companhia far-se-á pois de canções e de conversa entre amigos. E nós à escuta. Sorte de quem compareça para ouvir de perto dois dos mais brilhantes músicos portugueses. Nos Coliseus de Lisboa e do Porto, o encontro de Zambujo e Araújo será poesia, na certa."
Ana Bacalhau
 
"Deus sabe o que faz. António Zambujo e Miguel Araujo são feios como tudo, mas o Divino deu-lhes uma voz inigualável..."
António Raminhos
 
"Dois grandes músicos, dois grandes amigos, nos dois mais emblemáticos palcos da música popular em Portugal com o mesmo espectáculo. Um é do Norte, outro é do Sul, mas encontram-se no centro do amor e da admiração que lhe devotamos: o coração dos portugueses não tem geografia. Os dois Coliseus vão viver um momento único e colossal."
Paulo Cunha e Silva
 
"Não sendo a primeira vez que se encontram em palco, o reencontro de António Zambujo com Miguel Araujo, nos dois coliseus, é a promessa de dois momentos que ninguém quererá perder."
Rui Moreira
 
"Junta-se a Arte com o Talento de a Cantar!"
António Macedo


publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

festivaldeinverno.jpg

 

O Festival de Inverno está de regresso

 

O Festival de Inverno está de regresso e vai realizar-se a 20 de fevereiro de 2016, na arena do Campo Pequeno, em Lisboa. Com uma renovação do conceito, o Festival de Inverno contará nesta segunda edição com 12 horas da melhor música.

 

A Music In My Soul, produtora do evento, tem como objetivo “mobilizar os festivaleiros do país inteiro através de um conceito diferenciador, não só no que respeita ao cartaz, como também pelas atividades paralelas que irão rodear o mesmo”.

 

A 1ª edição do Festival de Inverno decorreu a 21 e 22 fevereiro de 2014 e contou com a participação de artistas como Mesa, Balla, Anarchicks, O Martim e NBC. Esteve também nomeado, na categoria de “Melhor Micro Festival”, para os Portugal Festival Awards.

 

Brevemente será anunciada a abertura de bilheteiras e os respetivos locais de venda. Mais informações:

www.festivaldeinverno.pt (em atualização)

www. facebook.com/ofestivaldeinverno



publicado por olhar para o mundo às 19:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 
"Amália: As Vozes do Fado" entra para número 1 do top
 
"Amália: As Vozes do Fado" acaba de chegar ao mercado e já está a ser um enorme sucesso. O disco entrou diretamente para o número 1 de vendas em Portugal e encabeça também a tabela de vendas em formato digital.

O trabalho, uma homenagem a Amália Rodrigues, junta Ana Moura, António Zambujo, Carminho, Camané, Gisela João, Ricardo Ribeiro, Celeste Rodrigues,Bonga, Caetano Veloso, Mayra Andrade e Javier Limón.

"Amália: As Vozes do Fado" partiu de um projeto proposto pela Universal Music França a Ruben Alves, autor do filme "A Gaiola Dourada". A produção deste disco serviu como base de partida para um documentário sobre o Fado, assinado por Ruben Alves e Christophe Fonseca, com estreia prevista em televisão no final de 2015.

Diário de Notícias, Público e Visão foram apenas alguns dos órgãos de informação que teceram já elogios rasgados ao disco. 

"É um disco para guardar, um disco histórico. Disso ninguém terá dúvidas."Expresso
 
"Escolher o ponto alto de um disco assim não é sequer tarefa recomendável." Diário de Notícias
 
"Amália - As Vozes do Fado faz-se também dessa imagem - que Amália sobreviva, cantada por quem sabe que não é nas imitações que a sua memória se ilumina" 4**** Público
 
"(…) demarca-se de todos os outros discos-tributo à obra cantada de Amália" Visão


publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

FESTAS BRR2015-PROG (1).jpg

 

 

Festas do Barreiro 2015

 

Abertura Oficial a 7 de agosto pelas 20h30

 

A Abertura Oficial das Festas do Barreiro 2015 está agendada para sexta-feira, 7 de agosto, pelas 20h30, no Recinto da Mostra Empresarial e Institucional (MEI).

 

Recorde-se que as Festas do Barreiro têm lugar de 7 a 16 de agosto, com vários espaços de animação, música, desporto e convívio.

Além dos Palcos das Marés, Tasquinhas e Juventude, também a MEI terá animação, todas as noites (à exceção do dia da abertura). O programa do Palco da MEI é o seguinte:

 

08 agosto | 22h00 | Kangaroo

09 agosto | 21h30 | Dança Tradicional Angolana | Os Pacificadores | Centro Social Bom Samaritano

10 agosto | 22h00 | Kangaroo

11 agosto | 21h30 | Cerimónia de entrega de donativo OAU (Óleos Alimentares Usados) pela empresa Oleotorres às Corporações de Bombeiros | 22h30 | Kangaroo

12 agosto | 22h00 | Kangaroo

13 agosto | 22h00 | Kangaroo

14 agosto | 22h00 | Kangaroo

15 agosto | 22h00 | Kangaroo

16 agosto | 21h30 | Dança | African Shine

 

 

As instituições e empresas presentes na MEI são as seguintes: PARTIDO COMUNISTA PORTUGUÊS | PEV – OS VERDES | MEMÓRIA COLORIDA | F. C. BARREIRENSE | PARTIDO SOCIALISTA | RUMO | ASS. HUM. B.V.B. – CSP | CDS | PARTIDO SOCIAL DEMOCRATA | FUZILEIROS | AMPM – BARREIRO | UN. MAIAS – MARY KAY | OUT OF THE BOTTLE | ANA SOLAR, LDA | CASCO ANTÍGUO | BAÍA DO TEJO | CHIP 7 – BARREIRO | CONTA LOIOS | ASS. PROPRIETÁRIOS DO BARREIRO | HALL VERSATIL | GINJINHA DE ÓBIDOS | LEBARA TALK | PASTEL CEREJA DO FUNDÃO | SOCIEDADE VINÍCOLA PINHAL NOVO | POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA | SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DO BARREIRO | GALITOS F. C. | BLOCO DE ESQUERDA | BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS SUL E SUESTE –POSTO DE COMANDO | RAINBOW SETÚBAL | H2 ALCOOL | MEO | ESCOLA CONDUÇÃO CIDADE BARREIRO | INSTITUTO MÉDICO DENTÁRIO | I.N.C. – COBERTURAS, LDA | FOTO DA AURA | SCI – IMOBILIÁRIA | B’KIDS GYM / CLINIBEBÉ | ORALMED BARREIRO | SKHUL BARREIRO | KANGAROO | SOGENAVE, SA | SOVENA | BODY CONCEPT |SANTA COINA / TRAVESSEIROS DE COINA | ADM. PORTO DE LISBOA

 

 

Na MEI, está patente a Exposição Institucional “Barreiro – Memória e Futuro”

 

A Mostra de Artesanato também está presente neste espaço com os seguintes artesãos: MYOSKA | ATELIER DA TERESA | CÉLIA ARTES | ZÉZINHA ARTES | ARAS ACESSÓRIOS | ANA MARTINS ARTESANATO | PENSAR E FAZER ATELIER DE ARTES DECORATIVAS | A BANCA WITH LOVE | MONSTRINHAS E COMPANHIA | SOS BICHARADA | SUSANA PEREIRA | FROM KIBERA WITH LOVE | CLAPOSOL NO MUNDO DOS SONHOS | BRILHOS E VIDRILHOS | J e D CREATIONS | PÁSSAROS DE ÁGUA

 

 

Os HORÁRIOS dos diferentes espaços das Festas são os seguintes:

 

MOSTRA EMPRESARIAL E INSTITUCIONAL/ARTESANATO

7, 8 e 14 agosto | 20h00 – 00h30

9, 10, 11, 12, 13 e 16 agosto | 20h00 – 00h00

15 agosto | 17h00 – 00h30

 

FEIRANTES

7, 8, 14 e 15 agosto | 18h00 – 02h00

9, 10, 11, 12, 13 e 16 agosto | 18h00 – 01h00

17 agosto | 00h00  –  01h00

 

TASQUINHAS

7 a 16 agosto | 18h00 – 02h00

17 agosto | 00h00 – 02h00

 

JUVENTUDE /DESPORTO

7, 9, 10, 11, 12, 13, 14 e 16 agosto | 21h00 – 02h00

8 e 15 agosto | 15h00 – 02h00

17 agosto | 00h00 – 02h00

 

Horário de funcionamento atribuído aos estabelecimentos comerciais das zonas de Alburrica, Bico do Mexilhoeiro e Av. Bento Gonçalves alargado em duas horas.

Esplanadas dos estabelecimentos comerciais na Av. Bento Gonçalves poderão encerrar à mesma hora que as Festas do Barreiro.

 

Ainda inseridas no programa das Festas do Barreiro, estão as iniciativas que assinalam os 145 anos da Sociedade de Instrução e Recreio Barreirense “Os Penicheiros”, no dia8 de agosto:

10h00 | Ponto de encontro no Largo Casal | Caminhadas dos 145 anos

13h00 | Almoço-Convívio

15h30 | Sessão Solene | Entrega de emblemas e diplomas aos associados que perfazem 25 e 50 anos de dedicação associativa | Declamação de Poemas por Luciano Barata | Moscatel de Honra

 

Estacionamento alternativo

 

Tendo em conta, a enorme afluência de visitantes às Festas do Barreiro, a Baía do Tejo disponibiliza o seu espaço para estacionamento alternativo 24 horas por dia.

 

Mais informações sobre as Festas do Barreiro 2015 podem ser consultadas em http://www.cm-barreiro.pt/pages/833.

 

 

CMB 2015-07-30



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Quinta-feira, 30 de Julho de 2015


DAVID FONSECA

"Futuro Eu" apresentado em Lisboa e Porto no mês Outubro

 

"Futuro Eu" é o novo espectáculo que David Fonseca criou e que apresentará em Lisboa e Porto, no Grande Auditório do Centro Cultural de Belém e na Casa da Música nos dias 30 e 31 de Outubro, respectivamente. Com o título retirado da canção revelada recentemente através das redes sociais, "Futuro Eu" expõe um conceito inédito na sua já vasta obra em que o inesperado é princípio basilar.
 
Futuro eu
Lê esta carta que eu escrevi
Sei que é só tinta em papel
Mas quero só o melhor pra ti
 
30 OUT - Lisboa / Centro Cultural de Belém / Grande Auditório / 21H
31 OUT - Porto / Casa da Música / Sala Suggia / 21H
 
Bilhetes entre 10 e 20 euros no site tickeline e nos locais habituais.
Membros do Amazing Cats Club - desconto de 25% em bilhete simples; 25%+10% em bilhete duplo.


publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

SynchronizedSystem.jpg

 

 

Synchronized System editam álbum de estreia

 

A identidade dos Synchronized System está bem patente no título daquele que é o seu álbum de estreia, “Sounds Instead of Words”. Com o selo da Music In My Soul, este trabalho foi editado no passado dia 27 de julho em formato CD, estando também disponível nas principais lojas digitais. “Sad Smile” é o single de apresentação deste duo instrumental acústico do Porto.

 

Mário Barbosa e Tiago Rosado criaram, em maio de 2007, uma linguagem musical original: os Synchronized System. Este é um projeto composto, somente, por duas guitarras. Através de um som melodioso, calmo e atrativo, exploram novos caminhos da música em Portugal até chegar perto dos sentimentos e proporcionar um bom momento a quem partilha esta experiência musical. Pouco divulgada até hoje, os músicos querem espalhar a sua obra e – por que não? – conseguir juntar uma pequena multidão só para os ouvir.

 

Mário e Tiago já tinham trabalhado juntos, no Project Under Construction. Recuando no tempo, a primeira atuação dos Synchronized System aconteceu em fevereiro de 2008, no bar Guincho do Jones, em Gaia.

 



publicado por olhar para o mundo às 20:29 | link do post | comentar

 

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

arde.png

 

“Carrossel” é o novo single dos ArDE

 

O novo single, “Carrossel”, relançou no dia 19 de junho a viagem dos ArDE pelo panorama musical português. Este tema dá seguimento à promoção do EP “Panorama”, editado em março pela Music In My Soul. E sucede a “Vezes demais”, single de apresentação do primeiro trabalho da banda lisboeta.

 

Os ArDE são uma banda de Queluz, que surgiu com a união de elementos vindos de outros projetos – Pedro Portas na voz, Miguel Moreno na guitarra elétrica, Manuel Joaquim no baixo elétrico e Francisco Mourão na bateria.

 

Numa primeira fase, em 2009, juntaram-se para pertencer ao projeto a solo do vocalista. E, na “ressaca” dessa fase, já em 2010, começaram a trabalhar as primeiras músicas em grupo. Para os quatro elementos, este é um trabalho desenvolvido de forma séria e dedicada. O estilo musical insere-se no Rock Progressivo, onde os sons calmos e pesados se misturam de uma forma harmoniosa e sempre cantados na nossa língua. Todos os temas são compostos e escritos pelos ArDE.

 

“Carrossel”, “Vezes demais”, “Pecado” e “Teia virtual” são os temas que compõem aquele que é o primeiro EP da banda.

 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

 

Letra

 

Another day, another night
And times goes by
Another war, another fight
And I wonder why
Can’t we all just get along
Walking side by side

Do I really need to kill
To stay alive
Do I really have to steal
My brother’s pride
Just to feel like I’m a better man

Deliver me
I don’t want to live like that anymore
Please set me free, oh Lord
Let me spend my days wishing my fellow man
The best in life

We all bring the same with us
The day we born
We all leave this world behind
The day we die
Is it worth to waste our time
Fighting our own kind
Why are we so blind
We’re brothers and sisters
Under the same sky

credits

from Of All The People EP, released 21 November 2012
My sister Marta helped me out here with some background vocals and Marcos Martins shared his talent on the bass guitar.

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 29 de Julho de 2015

 

 
FLOWER POWER FEST CELEBRA WOODSTOCK
De 13 a 16 de Agosto
 

  

Tira do fundo do baú as calças à boca-de-sino, a mini saia e tantas outras peças de vestuário que tão bem caracterizam a época e vem comemorar Woodstock e os seus 46 anos... vem reviver aqueles que foram os anos mais hilariantes de todos os tempos..


De 13 a 16 de Agosto, música, artesanato, artes plásticas e performativas, exposições , workshops, cabeleireiro grátis penteados á época , yoga, slackline, exposição de carros clássicos, jogos tradicionais, insufláveis e gastronomia, animam Santo André e a Costa Alentejana. 
O festival da e para a família regressa para a edição 2015 abrangendo três gerações (pais, filhos e netos). 
 
Este festival é o retrato de duas décadas, dois marcos mundiais na cultura (música, moda, artes), politica e religião. Durante quatro dias se fará uma viagem pelos intemporais e hilariantes anos 60/70.
 
A gastronomia, a moda, as artes plásticas e performativas, a música e as viaturas automóveis da época, são alguns dos exemplos da oferta que os festivaleiros poderão usufruir no Flower Power Fest. A organização não esqueceu as crianças e os adultos, instalando no recinto, um parque de insufláveis-gigante para todas as idades.
 
A localidade eleita para a realização do FPW, é a Cidade de Vila Nova de Santo André.
Pelas suas características e localização geográfica, esta Cidade reúne as condições ideias para a realização de um Festival com as particularidades do FPW.
 
O Parque Central localizado no coração da Cidade é o grande ex-libris de Vila Nova de Santo André, destacando-se pelo seu lago e extenso relvado, revelando-se o local ideal para um evento desta natureza. Artesãos e expositores poderão com pouca logística montar o seu ponto de venda/exposição, usufruindo do conforto que um relvado oferece.
 
  

CARTAZ

 
 O Cartaz não podia ser melhor, são vários os Tributos, desde o Rock dos Anos 70, passando pelo Reggae de Bob Marley, Bob Dylan, Queen dos anos 60/70 e não podia faltar o Rei do Rock Elvis Presley... e Dj's com muito Disco Sound.
Os cabeças de cartaz são os FISCHER Z, os quais foram a primeira banda a esgotar um estádio de futebol em Portugal. Decorria o mês de Maio de 1981 e 50.000 encheram o Estádio José Alvalade…. e os ABBA MANIA considerados como a melhor banda de tributo aos Abba do mundo.

HORÁRIOS

 
13 de Agosto , quinta feira
 
19:30| Sunset DJ | Rui Cabanelas
20:45 | Chaka
21:30 | 70 Volts ( tributo ao rock dos anos 70)
23:30 | Kind of Magic & The Flashing Voices ( tributo Queen)
01:30 | Djs Rui Cabanelas | Rui Miguel
 
14 de Agosto, sexta-feira
 
19:30| Sunset DJ | Rui Cabanelas
20:45 | Chaka
21:30 | Elvis & The Memphis Flash ( tributo Elvis Presley)
23:30 | Abba Mania ( tributo ABBA)
01:30 | Djs Rui Cabanelas | Rui Miguel
 
15 de Agosto, sábado
 
19:30 | Sunset DJ | Ligths
20:45 | Chaka
21:00 | Isabella Bretz (tributo Bob Dylan)
22:00 | Uprising (tributo Bob Marley)
23:30 | Fischer Z ( banda original)
01:30 | Djs Rui Cabanelas | Rui Miguel | Ligths
 
16 de Agosto, domingo
 
19:30 | Sunset DJ | Rui Miguel
20:45 | Chaka
22:00 | The Peakles ( tributo Beatles)
00:30 | Djs Rui Cabanelas | Rui Miguel


Bilhetes já à venda nos locais habituais

Facebook oficial 


publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

 

É com alguma tristeza que vos comunico que os MAU vão parar por tempo indeterminado.

Nunca é fácil tomar uma decisão destas, afinal são 11 anos das nossas vidas. 11 anos de partilha, de gente que temos como família, de criação, de estrada, de muito sacrifício e de muitas alegrias, quase nenhuma delas relacionada com dinheiro. :)


A culpa não é da industria, não é de quem nos ouve, não é de quem nos promove ou partilha…É nossa. É culpa das nossas frustrações, da nossa impaciência, do nosso desconforto, da nossa saturação com um prazer incontrolável de viver a música, mas que tantas vezes se torna amargo.

Se és verdadeiro no que fazes, o momento de criação tende a ser doloroso. Quando começas a não encontrar estimulo para passar por esse processo psicologicamente penoso, deixas de ter vontade de o fazer. Foi o que aconteceu. Não existe outra justificação.


Obrigado a todos pelo apoio que demonstraram ao longo dos anos. 
Não teríamos insistido nisto durante tanto tempo sem vocês. 
Seria complicado agradecer individualmente a toda a gente que de uma forma ou de outra nos ajudaram neste caminho que se refletiu em 4 discos dos quais nos orgulhamos (uns muito mais do que outros), contudo há algumas pessoas que não podem deixar de ser celebradas. As nossas incrivelmente pacientes famílias; os nossos eternos managers Nuno Sampaio e Luis Benard da Costa; aos amigos que se seguiram na ajuda à organização da banda, David Martins, Joana Dias, Maya Angelou e Bruno Freitas; todos os elementos que fizeram parte no passado da formação dos MAU, Pablo Camp, Shir Comay, Pia Mechler, Jonas Jessen, António Soares, César Gomes, Alex Zuk e Pedro Oliveira; e às duas rádios que teimosamente sempre acreditaram em nós e passaram as nossas músicas, mesmo quando estas fugiam à ditadura do “radio friendly”, a Antena 3 e a Vodafone FM . 
Um agradecimento especial aos meus atuais parceiros de estúdio e palco, Eliana Fernandes, Carlos Costa e Paulo Silva. Continua a ser um privilégio contar com o vosso talento, poder tocar convosco e, acima de tudo, ter-vos como amigos. 
Por último, um abraço forte de gratidão absoluta em forma de palavras ao mais perseverante, igualmente talentoso e ainda mais generoso elemento da banda, que me acompanha há 11 anos nesta casmurrice boa de fazer o que mais se gosta. Fica a saber que quando não tenho vontade de ensaiar, é lembrar-me que me vou encontrar com um dos meus melhores amigos em estúdio que me faz sair de casa. Ainda que não seja nos MAU, continuaremos a fazer musica juntos. Tem de ser, Nuno W. Lamy.


Guardamos o resto das despedidas lamechas para dia 5 de Setembro nos Olivais, data do último concerto dos MAU. Esperamos encontrar-vos por lá. ;)


Aqui vos deixamos um tema inédito nosso e que nos parece apropriado para fechar esta história. Chama-se “Warm” e está disponível para download gratuito. Aproveitem.

https://soundcloud.com/m-a-u/warm

Passou depressa. Obrigado por tudo.

Luís



publicado por olhar para o mundo às 19:13 | link do post | comentar

 

 

Letra

 

This is a song for and about my daughter, Carolina.

lyrics

Baby girl
You make me want to dance
And make a fool of myself
Just to hear you laugh

Baby girl
You gave me a brighter day
And put a smile on my face
When I needed the most

You are the brightest star in the night
You are the sweetest thing in my life

My sweet, sweet little girl
I trade my heart for one single kiss
A kiss from you

Baby girl
I want to see you grow up
And always be there for you
No matter what

Baby girl
This ain’t no easy world
But sweetie I love you so
And that won’t change

credits

from Of All The People EP, released 21 November 2012
Had some good friends playing on this one as well:

Tiago Martins - Melodica
Miriam Macaia - Violin
Emanuel Machado - Xylophone

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

Lucyfer.jpg

 

 

“Filhos de Deus” é o single de estreia de Lucyfer

 

Lucyfer é um nome a fixar. “Filhos de Deus” é o single de estreia deste rapper, divulgado no passado dia 16 de julho. O tema antecipa aquele que será o seu primeiro álbum, a editar pela Music In My Soul.

 

Carlos Valerio Kangoma (A.K.A "Lucy") é um rapper angolano residente em Portugal há 27 anos. Nascido a 29 de outubro de 1984 e oriundo do Huambo, abandonou a sua terra natal em tenra idade devido aos conflitos armados que decorriam, na altura, no país.

 

Chegou a Lisboa com apenas três anos, não tendo, por isso, grandes memórias da sua infância em Angola. Os seus pais passaram as dificuldades iniciais de qualquer imigrante, tendo inicialmente vivido numa pequena aldeia na Venda do Pinheiro, onde Carlos fez o ensino primário e o primeiro ciclo.

 

Quando tinha 11 anos, a família mudou-se para Odivelas, uma freguesia já mais desenvolvida e muito mais abrangente em termos de conhecimento do mundo. Carlos começou por frequentar a escola secundária da Póvoa, tendo então acesso a novas realidades, bem como a uma maior convivência com gente dos PALOP – fez amigos e descobriu um bairro que lhe apresentou o mundo do Rap.

 

Entre anos a conciliar a escola com o desporto e o ambiente familiar, conheceu a realidade das ruas, a violência policial, os assaltos e desacatos entre bairros rivais. O seu aproveitamento escolar baixou e o Rap foi fazendo cada vez mais parte da sua vida – identificava-se com as letras, visto estar a passar por situações muito semelhantes. Nessa altura, sentiu necessidade de ir relatando as suas vivências com os amigos, acabando por formar um grupo chamado Mentes Criminosas, que, em 2009, acabou por lançar um primeiro trabalho. O grupo era constituído Lucy, Lennox, Dog Bone e 1st Lady, que ainda hoje vão trabalhando juntos em quase todos os projetos em que participam.

 

Já na faculdade, Carlos iniciou um projeto a solo, Lucyfer, escrevendo e gravando os seus próprios temas. Durante a digressão do álbum “Cara ou Coroa” dos Mentes Criminosas, e em concerto conjunto com Youth Kriminal, decidiu abraçar um novo projeto englobando rappers de Odivelas, chamado ODC Gang – o primeiro trabalho saiu no final de 2012, apenas em formato digital, intitulado “Escumalha (Sons da Pedrada)”.

 

Motivado, Lucyfer retomou o trabalho, as suas memórias, a sua vontade de dizer o que lhe vai na alma, estando agora prestes a lançar o seu primeiro álbum a solo de originais.

 

 

 

LUCYFER

Facebook

https://www.facebook.com/LucyferMentesCriminosasOdcGang?fref=ts

Instagram

https://instagram.com/lucy_odc_gang/

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Refrão:

Abana a cabeça e não digas nada.

Deixa só baitar os roots
antes, tu não digas nada.
Pensamento não é só negro.
A minha mente, elevada.
No momento, desligada.
Um momento, chamada.
É o diabo a quem eu hoje
quero retirar o Prada.
Enquanto uns perdem tempo
a querer meter mc’s em covas,
mato damas só com o meu sorriso
e com duas covas.
Parto camas novas,
faço cenas novas.
Abana a cabeça até doer
este beat é sova.
Este beat é droga até bate por arrasto.
Não sei, tu caíste, deve ser do que tomaste.
isto é md.
Puro.
Sente.
Mexe essa cabeça até pareceres demente.

Refrão:

Abana a cabeça e não digas nada.

Senta no divã
levanta a garrafa,
está sem soutien
a mim agarrada,
ela não é fã
é só um cuarra,
Até de manhã
Todos nesta farra.

Farra a ferro e fogo
Jarra, não bebo do copo
Não gosto de brindar com pouco
ou quase nada.
Cada passo é uma lambada
danço com a vida ,
à espera naquela esquina
quase toda a madrugada.
Pago em notas a rodada
apostei tudo numa só jogada,
tinha quase, não pensei muito
e fiquei sem nada.
Tinha quase tudo não pensei muito
não pensei nada!

Refrão

Para toda a gente que está na casa connosco é só drama.


Para toda gente
que tá na casa conosco,
com o drama no rosto
cada um no seu posto
É SÓ DRAMA!
No sitio onde é suposto
se fazes com gosto
todo o ano é agosto
caso contrário já foste!

Vou para a corda bamba
beber e dançar um bom samba
Nao arrisca nao petisca
se for de boca então levanta,
Se for de boca então canta
espanta males, não cales
vais ver o que vales
abana até mata-los!

Instala-se a chama
estala-se o drama
cala quem chama,
quem quer ir para a cama vá.
Mas que o vosso vipe,
não nos mate o hype e a vibe já,
mate o som que já bate cá,
dropa que a tropa rocka e só quer um som no PA.
Sente o beat que vem como uma onda.
Não há esquemas nesta zona
aqui só esquemas noutra ronda.
Exercício na pista é Jane Fonda
e o som é tipo abraço de anaconda.
Tight.

Refrão

 



publicado por olhar para o mundo às 01:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 28 de Julho de 2015

bonssons.jpg

 

A ALDEIA ESTÁ PRONTA
PARA RECEBER O BONS SONS 2015
 

O BONS SONS junta, este ano, entre 13 e 16 de Agosto, o melhor cartaz de música nacional no que é reconhecidamente o Festival da Música Portuguesa. A música nacional parece estar num ponto nevrálgico de contacto entre aquilo que são as suas tradições e a contemporaneidade mundial. Este é o melhor momento e local para se escutarem os projectos que estão a marcar a diferença em Portugal.

A organização do BONS SONS aposta tudo em mais uma edição onde conta, ao nível da programação musical, com as parcerias A Música Portuguesa a Gostar Dela Própria, no palco MPAGDP, e a d’Orfeu Associação Cultural, para o palco OuTonalidades.

A Aldeia de Cem Soldos está pronta para receber um cartaz fresco em pleno Agosto.

DIA 13
QUINTA-FEIRA
 
MANEL CRUZ
XINOBI
XARAL’S DIXIE
BENJAMIN
JÚLIO RESENDE
RIDING PÂNICO
PENICOS DE PRATA
ENRAIZARTE
SAMPLADÉLICOS



 
DIA 14
SEXTA-FEIRA
 
CLÃ
CARLÃO
SALTO
SEQUIN
OCO
CRIATURA
EDUARDO RAON
HITCHPOP
ÉME
MINTA & THE BOOK TROUT
BICHO DO MATO
CHÃO DA FEIRA



DIA 15
SÁBADO
 
ANA MOURA
BRUNO PERNADAS
D’ALVA
TRÊSPORCENTO
NICE WEATHER FOR DUCKS
DUQUESA
TIMESPINE
DJ NIGGA FOX
DJ FIRMEZA
NÍDIA MINAJ
EDU MIRANDA TRIO
TRANGLOMANGLO
POLIFONIA DE ARÕES


 
DIA 16
DOMINGO
 
CAMANÉ
PEIXE:AVIÃO
TÓ TRIPS
RETIMBRAR
LONG WAY TO ALASKA
JOÃO BERHAN
DJ TENREIRO
DANIEL PEREIRA CRISTO
JANEIRO
TIO REX


 
ACTIVIDADES PARALELAS

Para os momentos além da música, o BONS SONS tem um programa recheado para os quais contribuem outros parceiros que convergem, nestes dias, os seus propósitos e actividades.

Os visitantes poderão desfrutar das Conversas ao Correr das Músicas (Associação Mural Sonoro), de arte urbana nas ruas de Cem Soldos (Festival Walk&Talk), de curtas-metragens no auditório (Curtas Em Flagrante), dos concertos para bebés e crianças (Associação Canto Firme), das sombras arquitectadas no palco Eira (IdeasForward), da Oficina de Percussão Portuguesa (Retimbrar) e da secção BONS JOGOS, com uma panóplia de jogos de tabuleiro tradicionais e modernos.

Além de uma restauração variada que vai da inspiração rural à modernidade urbana, do serviço de babysitting e apoio aos pais, o BONS SONS proporciona a vivência da música numa aldeia preparada para receber famílias inteiras, grupos de amigos, exploradores solitários e melómanos inveterados.

"A aldeia está pronta e tu?"
VENHAM TODOS VIVER A ALDEIA

 
BILHETES

No panorama dos Festivais de Verão, o BONS SONS mantém-se como dos mais acessíveis, condição preferida para que todos se possam juntar ao melhor da música em Portugal.


PASSE 4 DIAS
35€
  BILHETE DIÁRIO
15€
   



À venda nos locais habituais:
Ticketline, CTT, FNAC, Worten, El Corte Inglés, C.C. Dolce Vita, Casino Lisboa, Galerias Campo Pequeno, Agência Abreu, ABEP, MMM Ticket, C.C. Mundicenter, CCB, Shopping Cidade do Porto, U-Tickectline.
Em Tomar: Amor Lusitano - Portuguese House
Em Cem Soldos: Sede do SCOCS



publicado por olhar para o mundo às 21:54 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

O projecto nasceu em Fevereiro deste ano fundado pelo guitarrista Jaime Jordán de Urries após um convite a Renato Espada (também baixista de Pedro Balse e da banda StateSound) para a gravação de um E.P. À falta de vocalista e baterista juntaram-se a irmã do guitarrista, Luísa Jordán de Urries (ex-vocalista da banda StateSound) e Artur Ricardo na bateria. Com várias influências, desde o pop-rock ao hardrock, o primeiro E.P da banda foi produzido pelo guitarrista Luís Moreno e é agora apresentado em formato digital.

www.facebook.com/NoDamnGoodBand    - Facebook da banda
https://soundcloud.com/no-damn-good/sets/no-damn-good-ep    - Link da stream online do EP
https://instagram.com/no_damngood/

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Tanto dá o mar, tanto faz
Tanto faz quem não vem
Quem não vem não se dá
Só se dá quem se tem

Que se dane o mar se nos faz
Se nos faz suspender
Suspender o voltar
Re-voltar a viver

Mas se por acaso for voltar
Àquilo que era:
Não, não, não, não, não, não.

Já não é o que foi
E o que foi tanto faz
Tanto fez esquecer
E são tantos passos para trás

Mas e se for o mar que nos faz
Que nos faz reviver
Reviver e voltar
E voltar a querer

Mas se por acaso for voltar
Àquilo que era:
Não, não, não, não, não, não.

Não contem comigo não, não contem
Mas se por acaso for voltar
Àquilo que era
Não contem, não contem comigo, não.

Mas se por acaso for voltar
Não contem comigo, não
Àquilo que era
Não contem, não contem comigo, não
Não, não, não, não, não.

Conta comigo para ancorar o coração
Conta comigo para ancorar a tua mão
Conta comigo para ancorar o coração
Conta comigo para ancorar a tua mão

Mas se por acaso for voltar
Àquilo que era
Não contem comigo, não.

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

dalailama.jpg

 

 

Este Sábado há noite de punkrock em Lisboa.

 
É no Popular de Alvalade, com referências do punkrock nacional. Os Dalai Lume e os PunkSinatra sobem ao palco numa festa que começa às 22h. O ambiente fica animado pelo setlist de Jorge Bruto.
 
Até lá!
 
 
 
Dalai Lume - "Bairro Alto":
 

 

 
PunkSinatra - "Skapa do Sistema":
 

 


 
--
      ---Dalai Lume---
Para manter a chama viva


publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 27 de Julho de 2015

vulture.png

 

Vulture: Novo single e agenda de concertos preenchida

 

Os Vulture estão com uma agenda de concertos bem preenchida no próximo mês de agosto. O novo single, “Give in”, que estreou no dia 20 de julho com um lyric vídeo, vai ser um dos temas apresentados ao vivo. E sucede a “Doomed to Fail”, single de apresentação do EP da banda de Santarém. Com uma capa a fazer lembrar os Red Hot Chili Peppers em "The Abbey Road E.P.", este trabalho foi editado em abril de 2015 pela Music In My Soul, encontrando-se disponível nas principais lojas digitais, bem como nas lojas FNAC e no El Corte Inglés.

 

As próximas datas e locais:

 

  • Dia 31 de julho, no bar Tem Que Ser (Alpiarça), às 22h30;
  • Dia 1 de agosto, no Armazém do Chá (no Porto), às 23h00;
  • Dia 7 de agosto, na Casa da Cultura de Loulé, às 21h30;
  • Dia 8 de agosto, no Guess Club (Faro), às 22h00;
  • Dia 9 de agosto, no O’Gradys 12 Bar (Silves), às 18h00;
  • Dia 12 de agosto, no Tokyo Lisboa, às 24h00.

 

 

Descrição

Com uma mistura fresca de Grunge, Rock e a sonoridade Doom, os Vulture têm um novo trabalho. Este grupo de Santarém respeita as suas origens e reconhece-as em cada passo, admitindo ter-se deixado influenciar por detalhes geográficos e humanos exclusivos desta região do país.

 

A banda é composta por Gerald (baixo), Casaca (guitarra), Leo (voz) eDuarte (bateria), músicos que decidiram produzir e gravar tudo no sítio onde estão, não vendo qualquer sentido em ir para estúdios desconhecidos e gravar músicas sobre um mundo diferente. Transportaram o estúdio até ao Ribatejo: procuraram casas antigas e quintas que pudessem utilizar e tentaram trabalhar sempre nesse ambiente único.

 

Os Vulture, que já existem desde junho de 2007, não pretendem mudar nada a não ser eles próprios. Colocam as ideias em cima da mesa, onde o debate é transparente, e encaram as verdades inconvenientes. Influenciados por grandes nomes como Led Zepplin, Faith No More, Manson, Sepultura e, claro, Moonspell, a banda vive dos ritmos pesados e da tensão melódica com voz crua e dura.

 

“(...) as composições presentes no EP ‘Doomed To Fail’ refletem ideias firmes e, contrariamente ao título, auguram algo mais no futuro.” (in Rock’n’Radio)



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Acabou o arraial
Folhas e bandeiras já sem cor
Tal qual aquele dia em que chegaste
Tal qual aquele dia, meu amor
Para quê cantar
Se longe já não ouves
O nosso canto ainda está na fonte
E o nosso sonho, nas estrelas do horizonte

Ainda nasce a lua nos moinhos
Ainda nasce o dia sobre os montes
Ainda vejo a curva do caminho
Ainda o mesmo som, a mesma fonte
Sabes meu amor não estou sozinho
Pelas salas do silencio em que te escuto
Abro as janelas ainda cheira a rosmaninho
Vejo-me ao espelho, ainda vejo luto

 

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

VINYL.png

 

Vinyl: Concerto no Tokyo Lisboa

 

Depois de passarem pela 3ª edição do Festival das Cores – Movimento pelas Artes, os Vinyl voltam a dar um concerto em nome próprio no Tokyo Lisboa, dia 1 de agosto, pelas 24h00. A banda almadense continua, assim, a promover o seu EP homónimo. O trabalho foi editado em fevereiro de 2015 pela Music In My Soul e tem “Anjo Meu (Laura)” como single de apresentação.

 

Pop/Rock comercial, cantado em português, com letras que respiram esperança, motivação e força de vencer e ultrapassar obstáculos. É como se caracteriza a música dos Vinyl, um som transversal a todas as idades, géneros e etnias.

 

Cristiano de Sousa (voz), David Vieira (bateria), Dinis Costa (teclas), Pedro Fernandes (guitarra) e Tojan Carvalho (guitarra baixo) juntaram-se em 2003 para formar este projeto Pop/Rock. No currículo, a banda tem o segundo lugar no Concurso de Música Moderna de Almada, promovido pela Câmara Municipal em outubro de 2006. Em julho do mesmo ano, o grupo fez a primeira parte do concerto dos Dzrt no âmbito do Festival Antarte Pop-Rock, que teve lugar em Rebordosa (Paredes), num palco onde também atuaram Expensive Soul, Mão Morta, David Fonseca, Ramp, X-Wife e Karpe Diem.

 

Passados nove anos de existência, os Vinyl apresentam agora o seu primeiro EP, homónimo, onde a mescla entre o som agressivo das guitarras, com solos envolventes, e um timbre de voz calmo e extensivo tornam a música altamente marcante e muito agradável ao ouvido de um público bastante abrangente.



publicado por olhar para o mundo às 19:32 | link do post | comentar

 

Letra

 

Oculto o caminho que segui...
Não foi vergonha da minha raiz...
Foi uma defesa que perdi
e à deriva um rosto viril...

Acusam de tentar desistir...
E que o sucesso é aparição
Que o nome se ergue ao te vermos...
Mas o que escondes é a solidão.

Guarda-te bem meu anjo
Nesse teu receio doce de falar...
Cumpre o amor nesta vida insana
Não deixes a culpa te isolar...

Saberás no fundo o que digo...
Aparentemente triste e sem razão,
As ligações do corpo são tão certas
Resta limar a esfera da emoção!

Guarda-te bem meu anjo
Nesse teu receio doce de falar...
Cumpre o amor nesta vida insana
Não deixes a culpa te isolar...

Letra e Música
Filipe P.

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

Melech Mechaya - Aurora(f...

Malabá - Perigosa

Malabá e Kosmo feat Ivo S...

Azagaia - Eu Não Paro

Azagaia - No Ano da Fome ...

LINCE - Puzzles

Ricardo Má Sorte - Cidade

NGA - VINGANÇA (Feat: Ne ...

NGA - YOLO ( Feat: Djodje...

Prodígio - Fim Do Meu Mun...

arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Grande Musica
Musica Qualitativa
Ah que fixe!!!Obrigada A Música Portuguesa por aju...
*ps: nós que fizemos!
Ah que fixe!!!Obrigada A Música Portuguesa por aju...
OláInfelizmente não lhe consigo responder, eu não...
OlaaQueria por favor saber se exiate a musica em C...
Te amo Loony ....so tua fa
http://yolandabythemusic.blogspot.co.uk/
Música xinofoba, que pena. Gosto de ouvir Ana Mour...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds