Quarta-feira, 31 de Outubro de 2012

Jorge Palma esgota Auditório de Espinho


É já no próximo sábado, dia 03 de Novembro, que pelas 21:30, Jorge Palma subirá ao palco do Auditório de Espinho trasnsformado que estará numa sala de estar.


Segundo a organização sesta é a primeira vez que o Auditório recebe um arttista português e tem já a sala esgotada.

Diz a nota de imprensa que “Jorge Palma, que receberá os fãs como quem recebe amigos, vai apresentar o mais recente disco de originais “Com todo o respeito”, mas também visitar vários clássicos do seu reportório

Revisitando os seus 40 anos de percurso musical, Jorge Palma interpretará temas como “Bairro do amor”, “Estrela do Mar”, “Frágil” ou “A gente vai continuar"

 

Noticia do Hardmúsica



publicado por olhar para o mundo às 21:26 | link do post | comentar

 

 

letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 17:31 | link do post | comentar

A «Seasons Tour» de David Fonseca está de regresso à estrada

A segunda parte da aventura musical de David Fonseca - "Seasons - Falling" - viu a luz do dia a 21 de setembro. Mais de um mês depois, o músico natural de Leira regressa à estrada para uma série de apresentações ao vivo em várias salas do país no âmbito da "Seasons Tour - Rising : Falling".


O Cine-Teatro Avenida, em Castelo Branco, recebe David Fonseca a 1 de novembro e, no dia seguinte, o músico ruma até ao Centro Cultural de Ílhavo. Ambas as localidades recebem pela primeira vez David Fonseca nos seus palcos para um espetáculo essencialmente baseado nas novas canções de "Seasons - Rising : Falling".

 

Já o Teatro Vila Real, no dia 3, assistirá ao regresso do músico àquela sala nortenha depois de apresentações em 2008 e 2010.

 

Nos concertos, David Fonseca é acompanhado em palco por Paulo Pereira (teclado, voz), Nuno Simões (baixo, guitarra elétrica, lap steel guitar) e Sérgio Nascimento (bateria).

 

Fique a par da restante agenda de espetáculos do músico:


17/11 – Casa da Cultura/Barreiro

22/11 – Teatro das Figuras/Faro

23/11 – Teatro-Cine/Torres Vedras

24/11 – Teatro Virgínia/Torres Novas

07/12 – CAE/Guimarães

Retirado do Sapo Música


publicado por olhar para o mundo às 12:23 | link do post | comentar

 

 

letra

 

Há um véu no meu olhar
Que a brilhar dá que pensar
Nos mistérios da beleza
Espelho meu que aconteceu
Do que é teu e do que é meu
Já não temos a certeza

A moldura deste espelho
Espelho feito de oiro velho
Tem os traços de uma flor
Muitas vezes foi partido
Prometido e proibido
Aos encantos do amor

Espelho meu diz a verdade
Da idade da saudade
À mulher envelhecida
Segue em frente na memória
Mata a glória dessa história
Da princesa prometida



publicado por olhar para o mundo às 08:27 | link do post | comentar

Terça-feira, 30 de Outubro de 2012

Sara Tavares ao vivo no B.Leza a 31 de OutubroSara Tavares ao vivo no B.Leza a 31 de Outubro

O espaço do concerto é um local de história, estando presente nas inspirações da cantora. 

Foi no B.Leza que Sara Tavares assistiu pela primeira vez a concertos de grandes nomes cabo-verdianos como Boy Ge Mendes ou Tito Paris.

 

Tocar no B.Leza é perpetuar essa história.

 

Sara Tavares prepara para o dia 31 de Outubro um espectáculo diferente, livre. Em termos de repertório, iremos poder ouvir algumas das suas composições, mas também outras que a têm inspirado.

 

Em palco podemos contar com Luiz Caracol na guitarra, cavaquinho e voz; Manecas Costa no baixo e voz; Ivo Costa na bateria e voz; e, por fim, Miroca Paris nas percussões e voz também.

 

O espectáculo terá inicio pelas 23:00 e tem um valor monetário de 10euros.

 

Sofia Silva

 

Noticia do HardMúsica



publicado por olhar para o mundo às 21:21 | link do post | comentar

Balão de Ferro


Balão de Ferro, é um power-trio de rock à moda antiga, mas sem ponta de ferrugem. Novos heóis da aeronáutica musical portuguesa, prestes a descolar, prontos para arrasar.São 3 músicos que tocam juntos há mais de 6 anos, desde que formaram o seu primeiro projecto, Monstro Mau, com a voz da Alex Liberalli. Como trio formam também os Budda Power Blues, robusto combo de Blues/Rock com que conquistaram o respeito de um considerável número de músicos, reputados e a admiração de uma legião crescente de fãs. Budda Guedes na guitarra e voz, Tó Barbot no baixo e Nico Guedes na bateria. 

 

Três grandes músicos que não se contentam em ser apenas isso.  

Parece que o Rock português está salvo, melhor ainda, apresenta uma saúde de ferro.

 

www.youtube.com/balaodeferro

www.facebook.com/balaodeferro

www.myspace.com/balaodeferro

Vídeo do Tema Rosa que faz parte do CD da banda que tem lançamento agendado para Janeiro de 2013 :
  


publicado por olhar para o mundo às 17:32 | link do post | comentar

 

 

letra

 

Deste-me tudo o que tinhas
Nos meus lençóis de cetim
Mais a raiva quando vinhas
Desencontrado de mim

O meu corpo dependente
Bebia da tua mão
Aquela mistura quente
De desejo e perdição

Jurei que um dia mudava
Que de tudo era capaz
Já nem o sangue me lava
E tu nem raiva me dás

Parti os saltos na rua
Dei a vida pela vida
Mas agora, olho a lua
E não me sinto perdida

Esqueci a tua morada
E tu nem raiva me dás
Agora que não me dás nada
Deste-me um pouco de paz




publicado por olhar para o mundo às 17:20 | link do post | comentar

Dealema em dose dupla de concertos no Halloween

É em dose dupla que os Dealema celebram o Halloween depois de quase um ano na estrada a apresentar a “Grande Tribulação”, álbum lançado no final de 2011, com uma forte mensagem política e social, retrato da sociedade em que vivemos onde a desumanização é crescente. Maze, Fuse, Mundo Segundo, Expeão e Dj Guze juntam-se desta forma em palco para percorrer as cidades de Vila do Conde e Viseu, nos dias 31 de Outubro e 01 de Novembro, respectivamente.

 

A primeira data acontece a 31 de Outubro, numa deslocação ao Forte de S. João em Vila do Conde para cantar os parabéns à Boomb Productions que celebra um ano de existência. O mote está lançado com a noite de Halloween por isso nada melhor do que juntar o campeão mundial de scratch, Dj Ride, àquela que é a banda mais ativa de hip-hop em Portugal, os Dealema.

 

No dia dos santos, o colectivo dealemático ruma a Viseu para uma data inserida na Recepção ao Caloiro, que este ano traz no cartaz nomes como Miguel Araújo (Azeitonas) ou os The Gift. O espectáculo acontece no Pavilhão Multiusos de Viseu, que terá a abertura oficial de portas às 22h00.

 

Noticia do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:25 | link do post | comentar

 


Letra


Não encontrei a letra desta música


publicado por olhar para o mundo às 08:32 | link do post | comentar

 

 

letra

 

Quando ela passa, franzina e cheia de graça,
Há sempre um ar de chalaça, no seu olhar feiticeiro.
Lá vai catita, cada dia mais bonita,
E o seu vestido, de chita, tem sempre um ar domingueiro.

Passa ligeira, alegre e namoradeira,
E a sorrir, p'rá rua inteira, vai semeando ilusões.
Quando ela passa, vai vender limões à praça,
E até lhe chamam, por graça, a Rosinha dos limões. 

Quando ela passa, junto da minha janela,
Meus olhos vão atrás dela até ver, da rua, o fim.
Com ar gaiato, ela caminha apressada,
Rindo por tudo e por nada, e às vezes sorri p'ra mim... 

Quando ela passa, apregoando os limões,
A sós, com os meus botões, no vão da minha janela
Fico pensando, que qualquer dia, por graça,
Vou comprar limões à praça e depois, caso com ela
!





publicado por olhar para o mundo às 08:03 | link do post | comentar

Segunda-feira, 29 de Outubro de 2012

Kalú, dos Xutos & Pontapés, estreia-se a solo. Ouça aqui o primeiro single,

 

Baterista dos veteranos do rock português edita primeiro álbum em janeiro.

Kalú, nome de "guerra" de Carlos Eduardo Cardoso Ferreira, 54 anos, baterista fundador dos Xutos & Pontapés, vai estrear-se a solo em janeiro. O disco, ainda sem título, é antecipado por "Demagogia", single que conta com letra de Sensi, nome do hip-hop português. 

O primeiro álbum de Kalú foi produzido por Ramon Galarza, colaborador de longa data do baterista. Em comunicado de imprensa, Galarza afirma que "desta vez, [Kalú] assume-se como solista, compondo, tocando e cantando os seus sentimentos mais íntimos. 

O primeiro concerto, ainda não confirmado, poderá acontecer a 28 de dezembro, em local a definir. 

Ouça aqui "Demagogia": 



Também Tim, vocalista e baixista dos Xutos, prossegue a sua carreira em nome próprio. O seu projeto Tim e Companheiros de Aventura - que junta Tim a nomes como como Celeste Rodrigues, Vitorino, Mário Laginha, Tereza Salgueiro e Rui Veloso - conhece agora nova edição. Trata-se de um CD/DVD com um registo de um concerto no Coliseu de Lisboa, em 2012, em que foram interpretados temas como "É Pra Amanhã" (de António Variações), "Por Quem Não Esqueci", da Sétima Legião, ou "Homem do Leme" (dos próprios Xutos). 

Há sensivelmente um ano, recorde-se que o guitarrista Zé Pedro lançou um disco que reúne colaborações com Jorge Palma, Rui Reininho, o mesmo Sensi que agora é responsável pela letra de "Demagogia" (de Kalú) e Paulo Gonzo, entre outros. Ao mesmo tempo, apresentou um novo projeto, Ladrões do Tempo, que o junta a Tó Trips e Pedro Gonçalves, dos Dead Combo, Samuel Palitos e Paulo Franco. 


Retirado do Blitz



publicado por olhar para o mundo às 21:40 | link do post | comentar

 

 

letra

 

E se não for fado
Mas trouxer a voz do mar
Que deixa o cheiro salgado
À beira do meu olhar

E se não for triste
Mas tiver a voz de Deus
Essa voz que em mim persiste
Quando os dias são ateus

E se não for nada disso
Pois a minha timidez
Não o deixa ser castiço
Quando o quer mais português

Pode ser que seja um fado errado
Que a minha alma aprendeu
Não será o vosso fado
Não será mas é o meu

E se não for fado
Mas correr na direção do rio
Que banha apressado
As margens da minha mão

E se não for negro
Mas pintar todas as cores
Que dão igual aconchego
Aos sorrisos e às dores

E se não for nada disso
E se não for nada disso




publicado por olhar para o mundo às 17:01 | link do post | comentar

Manuel Fúria e Pierre Aderne confirmados no MexefestManuel Fúria e Pierre Aderne confirmados no Mexefest

O festival que vai mexer a cidade de Lisboa, traz grandes nomes da música nacional e internacional e o cartaz para o evento está cada vez mais perto de ficar completo.

 

Nestas novas confirmações, o destaque na música nacional vai para um dos fundadores da Amor Fúria e para a sua estreia a solo, Manuel Fúria. 

O seu novo disco tem data de lançamento marcada para 28 de Janeiro, aproveitando assim para mostrar as novas canções no Vodafone Mexefest.

 

Ainda no capítulo do que se faz cá dentro, chegam as confirmações de Pierre Aderne, Beautify Junkyards, Vitorino Voador e, ainda, o muito aguardado regresso dos Plaza, que voltam aos álbuns e aos palcos quase sete anos depois.

 

Directamente da Holanda, chegam também os The Black Atlantic, um dos maiores fenómenos que a música europeia viu nascer nos últimos anos, graças ao poder da internet.

 

Os bilhetes para o festival têm o valor monetário de 40euros com acesso a todos os concertos dos dois dias do festival, podendo ser adquiridos na bilheteira do local do espectáculo a partir de 06 de Dezembro, ou nos locais de venda habituais.

 

Outros artistas anteriormente confirmados: Aldina Duarte & Júlio Resende, Alt-J, Batida, Beautify Junkyards, Bigott, Brass Wires Orchestra, Cais Sodré Funk Connection, Christopher Owens, Cody ChesnuTT, Coro Africano da Igreja de São Luís dos Franceses, Django Django, Efterklang, Elisa Rodrigues, Escort, Gala Drop, James Iha, Light Asylum, Little Boots, M-PeX, Madrid, Manuel Fúria, Michael Kiwanuka, Moodymann, Noite Enchufada (com Branko, DJ Marfox, Pocz & Pacheko e Voxels), Nicotine's Orchestra, Noiserv, Os Quais, Peixe, Petite Noire, Pierre Aderne, Plaza, Robert DeLong, Samuel Úria, Shields, The 2 Bears, The Black Atlantic, The Discotexas Band, The Soaked Lamb, The Very Best, Trus'Me, Virgem Suta, Vitorino Voador.

 

Sofia Silva

 

Retirado de HardMúsica



publicado por olhar para o mundo às 13:27 | link do post | comentar

 


letra


Não encontrei a letra desta música


publicado por olhar para o mundo às 08:57 | link do post | comentar

Domingo, 28 de Outubro de 2012

Novo álbum dos Nu Soul Family é amor interpretado de forma “dançável”

 

“Unconditional Love” é o nome do segundo disco de originais dos Nu Soul Family. Apresenta um conjunto de ritmos muito dance que surgem da mistura de batidas electrónicas e diferentes instrumentos acompanhados de letras cantadas em inglês.

 

O álbum começa com uma intro especial ao som da voz de Virgul e que revela um pouco do que iremos ouvir nas faixas seguintes. No geral, e como já era de esperar, todo o álbum nos remete para as pistas de dança pois acima de tudo, os Nu Soul Family apresentam-nos um álbum de música electrónica, mas não se fica por aqui. No tema “Kunamaie”, por exemplo, já sentimos os sons característicos da música africana. Já o som do trompete e outros instumentos de sopro, e cordas também, vai-se ouvindo em todos os temas, um exemplo ém“Everybody Listen”.e a contribuirem pra vincar a veia Soul e Funk que tanto caracteriza o som desta banda lisboeta.

 

No fundo a inspiração vem da cultura nocturna oriunda da cidade de Nova Iorque, inspiração que se nota bastante bem no repertório dos Nu Soul Family.

 

Quanto à parte vocal, o alinhamento do disco é todo ele cantado em Inglês, as letras falam sobre o amor, amor incondicional e conta ainda com a colaboração de Hornesters, Illumination, Neyma e Atiba. O disco traz ainda mais duas músicas bónus, dois remixes do segundo tema “Everybody Listen”, um do Dj Alan Gul outro de Double Phoenix.

 

“Unconditional Love” é um disco que transmite “boas vibes”, num registo muito dance, com muita mistura de sons e batidas, algo a que os Nu Soul Family já nos habituaram.


O sucessor de “Never too late to dance” (2010) está nas lojas desde 17 de Setembro. “Unconditional Love” vem completar esta banda que pretende mexer com a “dance scene” em Portugal e além-fronteiras.

 

Noticia do HardMúsica



publicado por olhar para o mundo às 21:09 | link do post | comentar

 

 

letra

 

She used to be my only enemy and never let me be free 
Catching me in places that I knew I shouldn't be 
Every other day I crossed the line 
I didn't mean to be so bad 
I never thought you would 
Become the friend I never had 

Back then I didn't know why 
Why you were misunderstood (Mama) 
So now I see through your eyes 
All that you did was love 

Mama I love you, Mama I care 
Mama I love you, Mama my friend 
You're my friend 

I didn't want to hear it then but 
I'm not ashamed to say it now 
Every little thing you said and did was right for me 
I had a lot of time to think about 
About the way I used to be [harmony] 
Never had a sense of my responsibility 

Back then I didn't know why 
Why you were misunderstood 
So now I see through your eyes 
All that you did was love 

Mama I love you, Mama I care 
Mama I love you, Mama my friend 
You're my friend, you're my friend 

But now I'm sure I know why (I know why) 
Why you were misunderstood 
So now I see through your eyes 
(See through your eyes) 
All I can give you is love 
(All I can give you is love) 

Mama I love you, Mama I care 
Mama I love you, Mama my friend 

Mama I love you, Mama I care 
Mama I love you, Mama my friend 
Oh (you're my friend) 
Ma Mama, oh (you're my friend) 
Oh Ma Mama, oh 
Oh Ma Mama, oh
Mama I love you, Mama I care 
Mama I love you, Mama my friend 
Mama I love you, Mama I care 
Mama I love you, Mama my friend
Me loving you, you loving me 
A love that's true and guaranteed 
Me loving you, me loving you 
You loving me, you loving me 
A love that's true, a love that's true 
And guaranteed, so true 
Me loving you, you loving me 
A love that's true and guaranteed 
Me loving you, me loving you 
You loving me, you loving me 
A love that's true, a love that's true 
And guaranteed, so true



publicado por olhar para o mundo às 17:53 | link do post | comentar

Coliseus recebem Carminho em concerto pela primeira vez

Carminho atua ao vivo nos Coliseus de Lisboa e do Porto nos dias 3 e 9 de novembro, respetivamente, tratando-se da primeira vez que a fadista se apresenta nestas salas de espetáculos.


Ambos os concertos estão integrados na digressão mundial de apresentação do disco “Alma”, editado a 5 de março deste ano, a qual passará, até ao final do ano, pela Polónia, Reino Unido, França, Alemanha, Áustria, Suécia, Dinamarca e Espanha.

 

Em palco, Carminho vai ser acompanhada pela guitarra portuguesa dedilhada por Luís Guerreiro, pela viola de fado de Diogo Clemente e pela viola baixo de Marino de Freitas.

 

Recorde-se de que, recentemente, Carminho gravou três temas no Brasil com Chico Buarque, Milton Nascimento e Nana Caymmi, canções que, de acordo com a promotora dos espetáculos nos Coliseus, irão integrar uma nova edição do álbum “Alma”.

Noticia do Sapo Música


publicado por olhar para o mundo às 12:02 | link do post | comentar

 

 

letra

 

I may not always love you
But long as there are stars above you
You never need to doubt it
Ill make you so sure about it

God only knows what I'd be without you

If you should ever leave me
Though life would still go on believe me
The world could show nothing to me
So what good would living do me

God only knows what I'd be without you

God only knows what I'd be without you

If you should ever leave me
Well life would still go on believe me
The world could show nothing to me
So what good would living do me

God only knows what I'd be without you
God only knows what I'd be without you



publicado por olhar para o mundo às 08:11 | link do post | comentar

Sábado, 27 de Outubro de 2012

“Faltam-me as Palavras” é o nome do primeiro disco de Maria Teresa.“Faltam-me as Palavras” é o nome do primeiro disco de Maria Teresa.

Maria Teresa apresenta-nos o seu primeiro álbum intitulado “Faltam-me as Palavras”. Apesar de já ter tido experiências a nível musical, o seu nome é ainda desconhecida por muitos.  Segundo a artista, as influências que a encaminharam para este gosto pela música advêm da sua avó e do seu pai.

 

Depois de ter frequentado o Conservatório de Setúbal e de ter abandonado a Universidade, dedicou-se inteiramente à sua carreira musical nomeadamente ao canto. Ao longo dos anos foi membro do grupo “Teenagers”, participou no Festival RTP da Canção e em 2007 representou Portugal na semifinal do Festival Eurovisão da Canção que foi o ponto de partida para iniciar uma carreira a solo.

 

“Faltam-me as Palavras” é portanto a apresentação de Maria Teresa em nome próprio. Apresenta temas repletos de sentimento num estilo Folk/Pop: “Faltam-me as palavras”, primeiro single extraído do álbum, “Já não te conheço” e “Detalhes de mim” são temas exemplares e interpretados por uma voz límpida e romântica, também o som da guitarra acústica se destaca ao longo de todo o disco. Todas estas características juntam-se para criar um som ambiente, pacífico e repleto de poesia.

 

O disco foi lançado no dia 1 de Outubro e contempla 12 temas interpretados por esta voz feminina que promete ser a revelação 2012/2013.

 

Retirado do HardMúsica

 



publicado por olhar para o mundo às 20:56 | link do post | comentar

 

 

Letra

 

Queria ser teu namorado,
Morar dentro dos teus olhos;
Perder-me nos muitos folhos
Do teu vestido encarnado.

 

Mas tu ficas à janela
Sem ver sequer quando eu passo;
E a tua frieza gela
O calor do meu abraço.

 

Queria pegar-te na mão,
Deixar-me levar às cegas;
Perder-me nas muitas pregas
Do teu vestido de Verão.

 

Mas tu nem olhas para mim
Não sabes que te desejo,
Deixas um gosto ruim
Na doçura do meu beijo.



publicado por olhar para o mundo às 17:06 | link do post | comentar

 

 

letra

 

I'm not like them
But I can pretend
The sun is gone
But I have a light
The day is done
But having fun
I think I'm dumb
maybe just happy
(Think I'm just happy....)(4x)

my heart is broke
But I have some glue
help me inhale
And mend it with you
We'll float around
And hang out on clouds
Then we'll come down
And I have a hangover...(Have a hangover) (4X)

Skin the sun
Fall asleep
Wish away
The soul is cheap
Lesson learned
Wish me luck
Soothe the burn
Wake me up

I'm not like them
But I can pretend
The sun is gone
But I have a light
The day is done
But having fun
I think I'm dumb
maybe just happy
Think I'm just happy... 
think I'm just happy...
think I'm just happy...

I think I'm dumb.... 
I think I'm dumb....
I think I'm dumb....
I think I'm dumb....
I think I'm dumb....
I think I'm dumb...
.





publicado por olhar para o mundo às 08:02 | link do post | comentar

Sexta-feira, 26 de Outubro de 2012

Maria Ana Bobone canta “Fados de Perdição” no Centro Cultural de BelémMaria Ana Bobone canta “Fados de Perdição” no Centro Cultural de Belém

Maria Ana Bobone actuará pelas 21:00 deste sábado 26 de Outubro no Centro Cultural de Belém, num concerto onde interpretará “Fados de Perdição” tema que se insere no Ciclo Camilo Castelo Branco que decorre naquele espaço em Belém

Maria Ana Bobone apresentou-se já este ano a acompanhar-se ao piano interpretando composições de sua autoria em letra e música, retomando desta forma uma antiga tradição pois o Fado em tempos foi acompanhado ao piano.


Tal facto que beneficia em muito as suas interpretações e dá-nos a real dimensão da sua sensibilidade artística e mesmo do seu talento.

 

Neste concerto a fadista vai cruzar esta nova forma de cantar e “viver” Fado com a obra de Camilo, interpretando “Fados de Perdição”

Para o CCB, Maria Ana Bobone responde a mais um desafio: cruzar esta sua nova sonoridade com a obra literária de Camilo Castelo Branco, apresentando-nos “Fados de Perdição”, onde o amor, o ódio a traição, serão o mote das suas cantigas.

 

Maria Ana Bobone conta ainda com Bernardo Couto na guitarra portuguesa, Pedro Pinhal na viola de fado e Rodrigo Serrão no contrabaixo.

 

Noticia do Público

 



publicado por olhar para o mundo às 21:10 | link do post | comentar

os IndieNápolis, uma banda oriunda de Marco de Canaveses 

 

 

Os  IndieNápolis, uma banda oriunda de Marco de Canaveses e com uma sonoridade Indie/Rock que está a tentar encontrar o seu lugar na música nacional.


Este é o primeiro tema que serve de apresentação, bem-vindos ao mundo dos IndieNápolis.

 

 

  

 



publicado por olhar para o mundo às 19:46 | link do post | comentar

Sérgio Rossi regressa com

 

Este mais recente trabalho é composto por 13 temas que reflectem a personalidade e irreverência deste jovem que se tem vindo a impor na música portuguesa.

 

Sérgio Rossi conta com a colaboração de vários artistas, desde a participação do Rapper Americano "Phatt Rob" no tema "És Perigosa", a excelentes músicos e compositores como Ricardo Landum, João Sanguinheira e Tony Carreira.

 

Temas como "Iludido" e "Se queres voltar" marcam a presença de grandes baladas românticas neste 5º álbum do cantor.

 

"Acreditar" conta ainda com a colaboração especial de Peter Rafaelson, compositor do Mega Hit mundial de Madonna "Open your Heart to me", na Produção Executiva do Trabalho, e a realização de um videoclipe para o 1º single a ser extraído, "És perigosa", que será gravado entre Lisboa, Hollywood e Boston, nos Estados Unidos.

 

Cláudia Rosado

 

Noticia do HardMúsica

 



publicado por olhar para o mundo às 19:30 | link do post | comentar



publicado por olhar para o mundo às 17:59 | link do post | comentar

Miguel Ângelo regressa com um disco para «competir a uma escala global»

"Passei dois anos a trabalhar neste disco para fazer o melhor que conseguia", diz Miguel Ângelo ao SAPO Música. Em "Primeiro", o ex-vocalista dos Delfins volta a centrar-se no amor, a face "mais ativista" de canções que, "à partida, podem parecer mais ligeiras".

Depois de integrar os Delfins, Resistência e Movimento, Miguel Ângelo aposta numa nova aventura a solo com "Primeiro", álbum em que assume as funções de cantor, compositor e produtor. 

Acompanhado nestas novas canções por por Rui Fadigas (guitarra baixo), Mário Andrade (guitarra eléctrica), Rogério Correia (guitarra de 12 cordas) e Samuel Palitos (bateria), o cantor revela ao SAPO Música que este foi um disco a que se dedicou especialmente, uma vez que a sua criação foi desenvolvida ao longo dos últimos dois anos - tempo necessário para o tornar mais preparado para "competir a uma escala global":

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:53 | link do post | comentar

Três anos após ter vencido o Três anos após ter vencido o "Idolos", chega às lojas "Cerne"

Autor de todas as suas letras, compositor de todas as suas músicas, intérprete e produtor, Filipe Pinto mostra-se assim um músico na verdadeira acepção da palavra.

 

Após a vitória do programa Ídolos em 2009, recém-licenciado em Engenharia Florestal, Filipe Pinto viajou para Londres, com uma aprendizagem que culminou em Cerne - “Cerne traduz diferentes estados de espírito, o conceito de relações inter pessoais, experiências, vivências, assim como trechos de alertas para situações reais da nossa sociedade”, afirmou Filipe Pinto ao Destak.

 

Com 12 temas cantados em português, é composto por diferentes ambientes, abrangendo assim uma sonoridade variada exprimida através das guitarras, os arranjos de cordas, a voz e piano acústico. 

No dia 26 de Outubro é o concerto oficial de apresentação que terá lugar no Teatro Tivoli.

 

Noticia do HardMúsica



publicado por olhar para o mundo às 10:38 | link do post | comentar

 

 

letra

 

Ter naves espacias
E aprender com jornais
Para ser alguém
Eu + Eu = Ninguém

Pequeno português
Sonhava ser inglês
Na televisão
Oh, que emoção

É tão triste ser tão bom estar mal

Andar de skate um mês
Camisas de xadrez
A combinar com o chão
Tens o mundo e os dentes na mão

Fugir deste país
E perseguir rubis
Que ninguém encontrou
Que a ninguém salvou

É tão triste ser tão bom estar mal
O que existe é sempre tão normal
É o medo de seres só mora



publicado por olhar para o mundo às 10:19 | link do post | comentar



publicado por olhar para o mundo às 08:56 | link do post | comentar

Quinta-feira, 25 de Outubro de 2012

 

 

letra

 

Tou a arrumar as malas,

Levo quase tudo até o meu kimono de judo (quase tudo),

Já não sei se volto,

Quem imigra quer voltar, mas muitos poucos voltam à base,

Farto disto tudo,
Farto de estar desempregado de nada servem estes canudos,
Quando há trabalho são sempre temporários,
Humilhantes precários, os salários hilários,

União Europeia a colapsar,
Portugal a mergulhar nestes dias funerários,
Vou-me embora,vou,vou pra Luanda,
Já não há nada aqui pra mim, isto já não anda nem desanda,

Estas são as minhas ultimas lágrimas,
Ultimas paginas, neste pais que hoje tresanda,
Portugal, meu céu meu lamaçal,
Assista ao recital da minha fuga da tua varanda,


Meu país, vou me embora...
Portugal vou me embora...

PORTUGAL VOU ME EMBORA...


Ana, meu amor por ti é irrefutável,
Memorável nas nossas vidas, divino inenarrável,
Mas vou me embora, minha alma chora,
E devora a minha carne e deixa me assim inconsolável,

Tens emprego estável situação invejável,
Não faria sentido vires comigo,Ana,seria irresponsável,
Fica aqui, progride na empresa,
Tenho a certeza que chegarás lá em cima com a tua destreza,

É melhor acabarmos esta relação, 
A minha volta é um ponto de interrogação é tudo uma incerteza, Ana 
Não chores, não deflores 
Ainda mais esta dor que me atinge com tanta crueza, 

Acabamos mas serei sempre teu, 
O teu Romeu que viverá do que imana a tua grandeza, 
Vou me embora, sê feliz, 
Mesmo com a cicatriz deste amor e levar-te pra tristeza, 

Meu país, vou me embora... 
Meu país, vou me embora... 

Portugal vou me embora... 

PORTUGAL VOU ME EMBORA...



publicado por olhar para o mundo às 21:39 | link do post | comentar

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

Noiserv - Não Canto Porqu...

noiserv - "Se o Tempo não...

Melech Mechaya - Boom(fea...

Melech Mechaya - Aurora(f...

Malabá - Perigosa

Malabá e Kosmo feat Ivo S...

Azagaia - Eu Não Paro

Azagaia - No Ano da Fome ...

LINCE - Puzzles

Ricardo Má Sorte - Cidade

arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Grande Musica
Musica Qualitativa
Ah que fixe!!!Obrigada A Música Portuguesa por aju...
*ps: nós que fizemos!
Ah que fixe!!!Obrigada A Música Portuguesa por aju...
OláInfelizmente não lhe consigo responder, eu não...
OlaaQueria por favor saber se exiate a musica em C...
Te amo Loony ....so tua fa
http://yolandabythemusic.blogspot.co.uk/
Música xinofoba, que pena. Gosto de ouvir Ana Mour...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds