Quarta-feira, 24.05.17

venusmarte.jpg

 

 
BONS SONS 2017
COM UM CONCERTO "ESPACIAL" ENTRE VÉNUS E MARTE
 

Ele diz que não está velho, que está mais novo do que nunca mas com o dobro da experiência. O nome surpresa do cartaz do BONS SONS é finalmente divulgado e é a cereja no topo do bolo do melhor cartaz da música portuguesa deste Verão.

Em 2017, José Cid vai sentar-se aos comandos da nave espacial que aterra em Cem Soldos para o concerto de celebração do álbum icónico da sua carreira – "10.000 anos depois entre Vénus e Marte". Num registo de rock progressivo, pelo qual é menos conhecido do grande público mas que é aclamado por especialistas e melómanos, Cid transporta-nos numa viagem de ficção científica estelar com notas de alucinação psicadélica.


REVIVER "10.000 ANOS DEPOIS ENTRE VÉNUS E MARTE" NO BONS SONS
O PROG-ROCK DE JOSÉ CID


O álbum lançado em 1978 pela editora Orfeu conta a história de um homem e uma mulher que regressam à Terra após 10.000 anos da autodestruição da humanidade. Viajam através do espaço em direcção ao planeta azul para o repovoar. Na altura não foi imediatamente reconhecida a virtude deste álbum, com vendas a não irem além das 1000 cópias, mas como acontece às obras de génio editadas à frente do seu tempo, foi ganhando o estatuto de álbum de culto tanto em Portugal como além-fronteiras. É este o grande motivo para celebrarmos os quase 40 anos deste álbum com o seu compositor e intérprete original no Festival da Música Portuguesa.

"10.000 anos entre Vénus e Marte" não foi nave que se pilotou sozinha. Na gravação, além do versátil músico, talentoso teclista e reverberante vocalista José Cid, juntaram-se Zé Nabo no baixo e na guitarra, que partilhou com Mike Sergeant, enquanto as baquetas da bateria e a percussão estavam nas mãos criativas de Ramon Galarza.

A sonoridade astral, muito particular desta obra, deve-se ao instrumento musical Mellotron, uma marca constante no rock progressivo e uma característica comum a outras bandas da época como Pink Floyd, Genesis, King Crimson ou Moody Blues. Este instrumento data de uma era pré-sampling musical e dá ao controlador a possibilidade de reproduzir som gravado numa fita de áudio alterando-lhe o tom e ritmo.

O Mellotron empresta também o nome ao Planeta Fantástico, uma das músicas do álbum. O álbum contém ainda os temas "O Último Dia na Terra", "O Caos", "Fuga para o Espaço", o homónimo "10.000 anos depois entre Vénus e Marte" "A partir do Zero", "Memos" e "Vida (Sons do Quotidiano)", este último incluído como faixa bónus no álbum original e já tinha sido editado como EP em 1977.

O espectáculo contará ainda com temas que datam da mesma época como "Onde, Quando, Como, Porquê, Cantamos Pessoas Vivas", uma incursão no rock sinfónico que precedeu o álbum, e também "Vozes do Além" cuja gravação contém poemas de Sophia de Mello Breyner e de Natália Correia. Este tema tem sido prometido para um aguardado álbum, com o mesmo nome, em que José Cid estará a trabalhar, empreendendo um regresso a esta estética musical com o tema da reincarnação e da vida após a morte.


FAZEM AINDA PARTE DO CARTAZ DO BONS SONS 2017

Rodrigo Leão, Orelha Negra, Mão Morta tocam Mutantes S21, Capitão Fausto, Samuel Úria, Paulo Bragança, Virgem Suta, Frankie Chavez, Né Ladeiras, Medeiros/Lucas, Glockenwise, Throes +The Shine, Holy Nothing, The Poppers, Thunder & Co, Manuel Fúria e os Náufragos, Señoritas, Octa Push, Whales, Filipe Sambado, Captain Boy, Marco Luz, Surma, LST - Lisboa String Trio, Joana Barra Vaz, Valter Lobo, Sonoscopia, Les Saint Armand, Sampladélicos, Ana Jezabel e António Torres, Lander&Jonas, Carlota Lagido, Band'olim, Lucía Vives + João Raposo, Moços da Vila, Sanct'Irene, SingularLugar, Filipe Valentim, Moçoilas, Rodrigo Affreixo, Puto Anderson, DJ NinOo e K30 (Firma do Txiga), Groove Salvation, Zé Nuno, Sam U, Beatdizorder e Inês Lamim.



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Nã oencontrei a letra desta música

 

Letra: Gonçalo Guerra
Música: Gonçalo Guerra e Vítor Silva

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

avm.jpg
 
Júlio Pereira revisita, ao vivo, o seu último disco, Cavaquinho.pt. Acompanhado por Miguel Veras na guitarra, Sandra Martins no violoncelo e Pedro Dias na guitarra portuguesa, nestes espectáculos o som da pequena viola de quatro cordas alia-se aos seus parentes madeirenses e americanos, numa criação de contemporânea mestiçagem. Em palco, resulta numa diversificada viagem por múltiplas paragens sonoras, que não dispensa, até, um piscar de olho ao fado.
 
Júlio Pereira prepara-se para editar um novo trabalho, com data de lançamento prevista para o último trimestre de 2017.
 
JÚLIO PEREIRA | AO VIVO
 

25 de Maio - Coimbra,  Auditório do Conservatório de Música, 21h30

27 de Maio - Tavira, Santo Estevão, Largo da Igreja, 21h30

06 Junho – Lisboa, Teatro da Trindade, Gala CISAC (org. SPA)

10 de Junho - Albergaria-a-Velha, Quinta do Torreão (Festival Pão de Portugal)

25 de Junho – Esporão, 18h00

 
Júlio Pereira site Oficial


publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

afrojack.jpg

 

Afrojack atua nos 20 anos do MEO Sudoeste

DJ e produtor holandês regressa a Portugal a 5 de agosto

Um dos mais populares DJs e produtores da atualidade, Afrojack regressa este verão a Portugal para uma atuação a 5 de agosto nos 20 anos do festival MEO Sudoeste, na Herdade da Casa Branca.

Afrojack volta assim a Portugal numa fase muito produtiva e entusiasmante do seu percurso. O DJ e produtor holandês lançou recentemente o single “Another Life”, uma nova colaboração com David Guetta, com quem forma um duo fenomenal da música de dança atual, responsável, por exemplo, pelo êxito que foi “Titanium (feat. Sia)”. “Another Life” é já um dos grandes sucessos das pistas de dança do momento e conta com a voz da cantautora norte-americana Ester Dean. O vídeo oficial ultrapassou as 7,5 milhões de visualizações em apenas três semanas.

Another Life” sucede-se a “Wave Your Flag”, uma outra aventura recente de Afrojack, que se juntou ao ícone da pop latina Luis Fonsi (o autor do monumental “Despacito”), num single onde a música eletrónica e os ritmos latinos se unem numa receita irresistível, que transmite uma mensagem de tolerância, amor, aceitação e orgulho cultural. O vídeo de “Wave Your Flag” já conquistou mais de 11,5 milhões de visualizações no YouTube/VEVO.

Vencedor de um Grammy, Afrojack tem colaborado com alguns dos maiores nomes da música mundial – com Pitbull e Ne-Yo no single “Give Me Everything”, com David Guetta em “Titanium,” e também com Madonna, Chris Brown, Beyoncé e tantos outros. É presença constante no top da Billboard, tendo no currículo atuações nos maiores festivais do mundo, como Coachella, Ultra, Tomorrowland ou Electric Daisy Carnival.

No MEO Sudoeste, Afrojack junta-se a um cartaz que conta ainda com artistas como Jamiroquai – que lançaram recentemente o álbum de regresso “Automaton” – ou DJ Snake – que apresentará o seu disco de estreia, “Encore”.



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Ai se ela soubesse
Na verdade o que eu quero dela
Não é amor daquele de novela
É dos que aquece e não arrefece (bis)

Ela pensa que eu não penso nela
Traz-me vento diz que vou de vela
Ela tá dentro mas eu tou naquela
De só a querer quando estou com ela
E ela diz que quer mais
Diz que quero também
"kasha tens que assentar, encontrar alguém"
Ela não faz ideia
Ela não faz ideia

Dizes que me tens mas sabes que é mentira
Pensas que és tu que me tens na tua mira
Olha para mim diz-me que não vale a pena
Como é que não vês que assim não tem problema
Não, não

Agora pensa bem
Se não te faço falta
Agora pensa bem
Se não te faço falta
(bis)

Ela diz que eu não sou manso e eu gosto disso
Porque assim eu avanço e ela dá por isso
Alimentar mil outras formas de formar a crise
E pensar em mil maneiras de perder juízo
Pensa bem, pensa babe
Se não me cansas não te deixo
Pedes que te minta eu só peço que me aceites
Se sim tasse bem se não tasse bem também
Jogo direto mas não jogo sujo
Quero-te perto mas não do teu mundo
Ela não faz ideia

Dizes que me tens mas sabes que é mentira
Pensas que és tu que me tens na tua mira
Olha para mim diz-me que não vale a pena
Como é que não vês que assim não tem problema
Não, não

Agora pensa bem
Se não te faço falta
Agora pensa bem
Se não te faço falta
(bis)

Se o prof tá na boda bota fogo
A dama pronta aponta pa onde eu tou
Dá-me a ponta e conta com o meu coro
Ela quer que o meu lábio mude a cor
Junta-se e aperta-me agora
Julga-se esperta mas cora
Eu vou-te contar uma história
Mais logo que eu tou ca turma toda
Hoje vai chover e eu não vejo uma nuvem
Venha o que vier dá-me o num e o mano vem
Conhecer de perto o teu ser
Na base do afeto deu sempre
É que eu nunca me apresso com o tempo
Por isso te peço, tu pensa bem
E antes de eu ir
Quero que saibas que eu não sou de ferro
Nem fico irritado se o mambo não der
Mas digo-te na cara pensa no que queres
Não dá pa evitar então tu

Pensa bem
Se não te faco falta
Agora pensa bem
Se não te faco falta

 

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

avm.jpg

 

 
 
CARUMA
04 Junho| 21H00 – Marinha Grande (Recinto das Festas)
 
Duarte
15 | 21H30 – Sully  - França 
(http://www.festival-sully.fr/concerts-2017/duarte)
21 | 21H30 – Castelo Branco Homenagem a AMÁLIA

Júlio Pereira
06 | 21H30 - Teatro da Trindade (participação – Gala fim do Congresso CISAC/ SPA)
10 | 21H30 – Albergaria a Velha – Teatro Alba
25 | 18H00 – Esporão

Maria Alice
17 | 21H30 – Auditório do Fórum Cultural no Seixal

Rogério Charraz
23 | 21H30 – Espinho (recinto das Festas)
25 | 21H30 – Évora – Jardim Municipal

Sebastião Antunes (apresentação do novo disco “Singular”)
02 | 21H30 - FNAC Oeiras
04 | 15H00 - Largo 1º de Agosto – Santa Iria de Azoia
11 | 17H00 - FNAC Fórum Almada
18 | 21H00 - FNAC Colombo
24 | 21H30 – Sebastião Antunes & Adufe em Lisboa –Idanha (Festival Salva a Terra)

Peste & Sida
24 | 22H00 – Proença a Nova – Rock Fest - Parque Urbano


publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Sinto que hoje ainda não é
O dia certo
Aquela força de maré
Quando estás perto
Mas ver-te chegar
Da mais longa viagem
Dizes vir para ficar
Dizes não ser miragem

Dá-me o que preciso

Dá-me o teu sorriso
Dá-me uma espada ao vento
Dá-me todo o teu tempo

(Dá-me, dá-me, dá-me)

Acordo e não estás lá
Devia saber
Sei que amanhã voltará
Tudo a renascer
É sabendo esperar
Que não esqueces o momento
O desejo de voltar
Não é mais que um sentimento

Dá-me o que preciso
Dá-me o teu sorriso
Dá-me uma espada ao vento
Dá-me todo o teu tempo

(Dá-me, dá-me, dá-me...)

Dá-me o que preciso
Dá-me o teu sorriso
Dá-me uma espada ao vento
Dá-me todo o teu tempo

(Dá-me, dá-me...)

Dá-me o que preciso
Dá-me o teu sorriso
Dá-me uma espada ao vento
Dá-me todo o teu tempo

(Dá-me, dá-me...)

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 23.05.17

fingertips.png

 

 
 
Somebody New é uma canção sobre o amor. Um amor profundo, verdadeiro e interminável.
 
Depois de Shanghai e Los Angeles, os Fingertips escolheram Viseu para filmar o seu mais recente vídeo.
 

 



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

at the bar
where we are
as we drink
our problems fade away

and we try to remember
all the good times
when we felt alive
good old times

and the stupid things that we have done
we were so young, we were so young
Do you still remember??

friends till the end
cause i want you
and i need you all with me
so stay with me

cause all you need is good friends in your life
happiness comes from the ones you like

and we drink, and we dance
and we cry and we smile of our stupid talks
and our jokes
and we tell how miserable we are
but at least we laugh, at least we laugh
we laugh of us

friends till the end
cause i want you
and i need you all with me
so stay with me

cause all you need is good friends in your life
happiness comes from the ones you like

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

at the town.jpg

 

O projecto The Town Bar formou-se em 2014 no Cartaxo e a sua sonoridade percorre caminhos entre o folk, country ou rock, utilizando, entre outros, instrumentos como o ukulele, trompete e harmónica.

Ao fim de dois anos em que fizeram inúmeros concertos, incluindo a passagem pelo NOS Alive (2014) e a Festa do Avante (2015), os The Town Bar editaram "At the Bar", disco de estreia destes quatro amigos, dois dos quais irmãos gémeos.

"At the Bar" foi editado a 19 de Setembro de 2016 e é distribuído pela Universal Music Portugal, tendo o primeiro single, homónimo, alcançado o primeiro lugar no ranking global da Tradiio, o que levou o single a ser música do dia na plataforma e ainda ser escolhida para passar na Soho Radio, de Londres.

Agora, é chegada a vez de “At the Bar” ter um videoclipe, realizado por Diogo Caramujo e com o bar do título a ser interpretado por O Refúgio dos Petiscos.

 

 

The Town Bar no facebook >>
Youtube >> 



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Letra:
Conta-me sobre o que aconteceu
No dia em que este frio nasceu
Conta-me como posso mudar
Para nunca mais errar
São dias assim
Que fazem de mim
Mais forte
Conta-me sobre o que aconteceu
no dia em que este amor morreu

Quem me dera
ser tudo
Tudo para ti
És uma concha fechada
em bruto
que nunca viu a luz
Diz-me o porque de estar aqui
Contigo
Assim

Mostra-me o caminho para tras
O que a tua bagagem trás
Mostra-me que eu quero entender
Não te julgo até se doer
São noites sem fim
A puxar por ti
Por nós
Onde está o livro de instrução
que fala do teu coração?

Quem me dera
ser tudo
Tudo para ti
És uma concha fechada
em bruto

Quem me dera
ser tudo
Tudo para ti
És uma concha fechada
em bruto
que nunca viu a luz
Diz-me o porque de estar aqui
Contigo
Assim

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

hmb.jpeg

 

 

O AMOR É ASSIM” , ganhou ontem o Globo de Ouro para melhor música na XXII edição dos Globos de Ouro.

O AMOR É ASSIM" que junta o Fado de Carminho à Soul dos HMB, foi o primeiro single conhecido do novo disco MAIS. A canção esteve guardada numa pasta de computador mais de três anos à espera da voz certa, até que os HMB conhecem Carminho e a química é imediata.


Mais de um ano depois da sua saída, "O Amor é assim" continua a ser um dos temas mais tocados nas rádios nacionais  e é um dos pontos altos do concerto dos HMB.

Até ao final do ano, a banda vai fazer mais de 70 datas e cumprir um sonho antigo - tocar no Rock in Rio Brasil.

Coisas boas que não se esgotam aqui, já que os HMB prometem ainda mais novidades até ao final do ano.

Próximas datas da Tour MAIS:

27 de Maio - Ponta Delgada
30 Maio - Lisboa ( evento corporate)
02 Jun - Marinha Grande
03 Jun - Guimarães ( North Music Festival )
09 Jun - Amares
10 Jun - Vale de Cambra
11 Jun - Tires
17 Jun - Entroncamento



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

Patrícia Candoso_promo (9).jpg

 

 

PATRÍCIA CANDOSO LANÇA 3º SINGLE, “EM BRUTO”

 

Foi há cerca de um ano que começou o lento mas consistente despertar de Patrícia Candoso para a reactivação do seu percurso musical.

 

O tiro de partida foi dado ao som de “Ready For It”, pop electrónica que atestava o amadurecimento da sua intérprete, e o ano não acabaria sem o anúncio de um 2º single, “Só Sei Que Nada Sei”. Com a aurora de 2017 chegou, por fim, “Frenética”, o terceiro álbum de estúdio de Patrícia, editado com o selo da Music In My Soul.

 

Depois de algumas apresentações ao vivo, é agora tempo de conhecermos “Em Bruto”, balada-âncora que serve de 3º single do registo e que, à semelhança do restante álbum foi produzido por Mikkel Solnado. O tema chega-nos ilustrado por um vídeo com realização de Luciano Sazo.

 

“Frenética” já se encontra disponível em edição digital, em plataformas como o iTunes, MEO Music, Spotify ou Google Play e em edição física nos locais habituais.

 

Patrícia Candoso, cantora e atriz de 34 anos, é licenciada em Ciências da Comunicação e fez formação de música e teatro.

A sua carreira começou ao interpretar “Catarina” na telenovela da TVI, “Sonhos Traídos”, em 2001. Depois disso integrou a primeira temporada da famosa série juvenil “Morangos com Açúcar”, onde começou a cantar, tendo acabado por lançar dois álbuns – “O Outro Lado” (2004) e “Só Um Olhar” (2006) - que contêm vários sucessos. A partir daí, Patrícia nunca mais parou e tem trabalhado continuamente em televisão, teatro, cinema, publicidade e música.

Apesar do gosto pela área da comunicação e do jornalismo, os convites e o talento têm falado mais alto, e foi este o rumo que Patrícia escolheu dar à sua vida. “Mundo Meu”, “Casos da Vida”, “Um Lugar Para Viver” e “Louco Amor” são exemplos de projetos que marcaram o seu percurso.

Atualmente concentra as suas forças no regresso à música, tendo produzido “Frenética”, o seu terceiro álbum de estúdio, na companhia do cantor, compositor e produtor Mikkel Solnado, lançado na aurora de 2017 com o selo da Music In My Soul. 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 22.05.17

joana rios.jpg

 

 

Joana Rios apresenta "Fado de Cada Um" na Casa da Música

 
 Foto: Rogério Paulo Gonçalves

Joana Rios pisará o palco da Casa da Música no Porto, dia 27 de Maio às 21h30. A acompanhá-la vão estar os músicos Luis Coelho na guitarra portuguesa e Pedro Pinhal na viola de fado.


http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2017/05/27-maio-2017-joana-rios/46766/?lang=pt#tab=0
Joana Rios nasceu em Lisboa na freguesia do Campo Grande e desde muito cedo demonstrou um grande interesse pela música; começou por estudar piano com 9 anos mas a sua paixão foi sempre o canto e por influência familiar teve oportunidade de ouvir desde tenra idade cantoras como Amália Rodrigues, Elis Regina, Ella Fitzgerald ou Maria Callas.
Talvez estas influências tão diversas quanto importantes tenham sido decisivas para o seu percurso musical que foi também ele diverso e que se iniciou aos 16 anos como vocalista de uma banda de standards de Jazz e Bossa Nova. Aos 19 anos teve o seu primeiro encontro com o Fado, momento que foi proporcionado por Fernando Maurício e que viria a deixar-lhe uma marca indelével com efeitos na sua carreira anos mais tarde.
Joana Rios estudou na Academia de Amadores de Música e no Conservatório Nacional, ingressando posteriormente na escola de Jazz Luís Villas-Boas; aos 19 anos iniciou o curso de Ciências Musicais na Universidade Nova, curso esse interrompido por motivos profissionais e que viria a terminar anos mais tarde.

Em 2005 Joana Rios edita o seu primeiro disco em nome próprio, disco esse que resultou de uma série de concertos nos quais a cantora fez uma homenagem a uma das suas grandes influências - Ella Fitzgerald; o facto deste disco ter esgotado a sua edição de 2000 cópias, fez com que Joana Rios se lançasse artisticamente, no entanto, os discos que lhe seguiram - Universos Paralelos (2007) e 3Desejos (2011) - já apontavam para um universo musical bastante distinto desse disco de estreia, sendo estes cantados em português contendo maioritariamente música original composta por Joana Rios. 

Em 2013 deu-se o encontro entre Joana Rios e o mestre da guitarra portuguesa António Parreira, encontro que reavivou uma memória perdida duma relação antiga de Joana Rios com o Fado. Foi o despertar dessa memória, da importância da palavra e da interpretação do fadista que deram origem a uma dedicação intensa e total nos últimos anos, do qual o seu disco de estreia como fadista “Fado de cada um” editado a 24 de Junho de 2016 é testemunho.

Ao longo da sua carreira Joana Rios teve oportunidade de cantar nos mais importantes palcos nacionais, pontuada com actuações fora do país.

Com os concertos  “Fado de cada um”, que têm acontecido um pouco por todo o país, em Junho, Joana Rios vai estar na Dinamarca.

Próximas datas:

2 e 3 Junho - Smaeran Torshavn 
5 Junho - Posthus- Teatret Copenhaga

26 de Junho - Pateo Alfacinha – lisboa


publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Lyrics:

Hope I don't always run away
From someone I haven't met yet
Hope I'll always find my way back home
To the one I've loved from the first day

Brick by brick, we build the buildings
From the sewer to the sky
And when we're gone they will remain the same
Oblivious to the passing of time

You come 'round here like you own the place
But oh my friend, you don't even own your own name
And all your harmonies have gone all dissonant

Scrape the wax off your shoulder
And light that fire in your eyes
And we must live with the notion
That one day we all will die

And when you're approaching your final line
You take a deep breath and watch your life flash behind your eyes
And all your harmonies have gone all dissonant
credits
released April 28, 2017
Guitar & Vocals - Tiago Saga
Bass - Joshua Taylor
Drums & Percussion - Martyn Lillyman
Keys - Oliver Weder
Violin & Backing Vocals - Andrew Stuart-Buttle
Backing Vocals - Stephanie O'Brien

Written by Time for T - Tiago Saga, Oliver Weder, Joshua Taylor, Martyn Lillyman, Andrew Stuart-Buttle and Harry Haynes

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

waze.png

 

 

Tema de WAZE com Wet Bed Gang atinge meio milhão de visualizações

O novo tema de WAZE, intitulado "Esquece", que conta com a participação de G-Son e Zara G dos Wet Bed Gang, atinge o meio milhão de visualizações em menos de um mês.

Depois da recente participação no tema “Somos Eu e Tu” de Paulo Sousa, WAZE vai mostrando assim a sua versatibilidade, por um lado, atingindo um público mais pop e pelo outro, afirmando-se cada vez mais na comunidade rap.

O poder da escrita e das harmonias, com a capacidade de fundir o Rap e o R'n'b com um toque de Pop, aliados ao seu enorme carisma, são pontos fortes deste artista, criando uma identidade artística diferente do comum.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Sometimes I feel like I don't have a partner
Sometimes I feel like my only friend
Is the city I live in, the city of angels
Lonely as I am, together we cry

I drive on her streets 'cause she's my companion
I walk through her hills 'cause she knows who I am
She sees my good deeds and she kisses me windy
I never worry, now that is a lie.

Well, I don't ever wanna feel like I did that day
Take me to the place I love, take me all the way
I don't ever wanna feel like I did that day
Take me to the place I love, take me all the way, yeah, yeah, yeah

It's hard to believe that there's nobody out there
It's hard to believe that I'm all alone
At least I have her love, the city she loves me
Lonely as I am, together we cry

Well, I don't ever wanna feel like I did that day
Take me to the place I love, take me all the way
Well, I don't ever wanna feel like I did that day
Take me to the place I love, take me all the way, yeah, yeah, yeah
oh no, no, no, yeah, yeah
love me, I say, yeah yeah

(under the bridge downtown)
(is where I drew some blood)
is where I drew some blood

(under the bridge downtown)
(I could not get enough)
I could not get enough

(under the bridge downtown)
(forgot about my love)
forgot about my love

(under the bridge downtown)
(I gave my life away)
I gave my life away yeah, yeah yeah

(away)
no, no, no, yeah, yeah

(away)
no, no, no say, yeah, yeah

(away)
But I'll stay

 

Red Hot Chilly Peppers

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Domingo, 21.05.17

 

Letra

 

Sonho em como algures li

com ondas e mar maduro

e um fado que não vivi

num futuro

 

este destino traçado

é minha sina sem fim

não sou eu quem canta o fado

ele é  que me canta a mim

 

é por isso que eu não quero

é amarra que não solta

minha boca, minha alma em desespero 

e sempre volta

 

este destino traçado

é minha sina sem fim

não sou eu quem canta o fado

ele é  que me canta a mim

 

 

 Música e Letra: Dulce Pontes / Piano e Voz: Dulce Pontes / Guitarra Portuguesa: Marta Pereira da Costa



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

xerife.jpg

 

Músicos portugueses “em cena” nos EUA

Peça “The Real Mother of Marilyn Monroe”, de Armando Nascimento Rosa estreia no dia 26 de maio, em Houston, e conta com dois temas produzidos por músicos portugueses

Laura Macedo e Marcelo Silva, músicos da banda portuguesa Xerife, deram voz e corpo a dois temas produzidos para a peça “The Real Mother of Marilyn Monroe” que terá estreia internacional no Luciole International Theatre, em Houston, nos EUA, já no próximo dia 26 de maio. A peça de Armando Nascimento Rosa estreou em Portugal em 2016 e contou com as interpretações de Núria Madruga, Sara Salgado e Maria Emília Correia.

Os músicos Laura Macedo e Marcelo Silva foram desafiados para fazer os arranjos musicais de um tema original de Armando Nascimento Rosa, “Goddess Within”, que conta a história de um encontro com Norma Jean, antes de se tornar Marilyn Monroe. O segundo tema foi inteiramente produzido pelos músicos portugueses, inspirado em alguns temas que Marilyn interpretou. A letra foi adaptada do poema de Fernando Pessoa, “Summer Moments”. Para Laura Macedo, esta música foi mais desafiante uma vez que foi composta de origem e também porque teve de encarnar a personagem de Marilyn, tentando ir buscar a sua forma de cantar e de dizer as palavras. O músico e produtor Marcelo Silva considera que este foi um desafio enorme, uma vez que é sempre difícil produzir algo que vá ao encontro das expetativas do encenador e, ainda mais, quando a fonte referência é alguém tão importante e incontornável como foi a diva Marilyn Monroe.

Esta foi a segunda vez que os músicos colaboraram com o Luciole International Theatre. Em 2016, criaram a banda sonora da exposição “How would you like to be remembered”.

Laura Macedo e Marcelo Silva estão agora a preparar o novo EP de Xerife, que deverá sair no próximo ano.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

 

Letra


Porque é que tudo me acontece contigo?
Porque é que fico alucinado?
Porque é que fico puto à beira do rio,
Se sou maior e vacinado?

Briguei de cobra, cantei de cuco,
Fiz um discurso aos sapais.
Disse o teu nome feito maluco,
Na fala dos animais

Porque é que tudo, tudo,
Mas tudo me acontece?
Quando só me apetece...
Seguir o mapa dos teus sinais.



Porque é que tudo, tudo,
Mas tudo me acontece?
Quando só me apetece...
Ser um presépio contigo ao lado.

Cheirei de rosa, fiz de palmeira,
Rastejei de erva no chão.
Nas tuas pernas fui trepadeira
Até ao teu coração.

Porque é que tudo, tudo,
Mas tudo me acontece?
Quando só me apetece... me apetece...
Ser um presépio contigo ao lado.

 

Musica - João Gil
Letra - João Monge
Voz - João Campos

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

indignu.jpg

 

INDIGNU

25 maio @ CCC Caldas da Rainha
26 maio @ Sabotage Clube

Os indignu [lat.] são uma banda de post-rock de Barcelos. Nos dias 25 e 26 de maio vão despir sem preconceitos "Ophelia", o seu mais recente trabalho editado em 2016. Os concertos acontecem integrados no Festival Saídos da Caixa no CCC das Caldas da Rainha e no Sabotage Clube em Lisboa. 

No seu percurso musical por múltiplos festivais, showcases e concertos, contam com mais dois discos na mala: “Fetus in Fetu” (2010) e “Odyssea” (2013), este último considerado “uma obra de arte” pela Time Out Porto.

“Ophelia” é o terceiro e apresenta uma certa bipolaridade com o delicado A/Norte/Oeste e o agitado B/Sul/Este, estando ao lado de bandas como os Explosions in the Sky, Godspeed You Black Emperor, Mogwai e God is na Astronaut entre outros.
 

Afonso Dorido (guitarra, baixo)
Graça Carvalho (violino e sintetizadores)
Helena Silva (violino)
Jimmy Moom (guitarra, metalofone, baixo)
Paulo Miranda (bateria)
Mateus Nogueira (baixo, piano, guitarra)



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Sábado, 20.05.17

frankie chavez.jpg

 

“Double or Nothing”, o novo álbum de Frankie Chavez, já à venda

Novo vídeo para o single “Whatever Happened to Our Love” será revelado na próxima quarta-feira

Frankie Chavez está de volta com um novo álbum de estúdio, “Double or Nothing”, três anos depois de “Heart & Spine” (2014), um disco que é uma verdadeira prova de fogo na qual aposta todo o seu potencial num conjunto de canções influenciadas pelo contexto social dos nossos dias. O álbum já se encontra à venda e está disponível nas várias plataformas de streaming.

“Whatever Happened to Our Love” é o mais recente single revelado deste “Double or Nothing” e na próxima quarta-feira, dia 24 de maio, será divulgado o novo vídeo deste tema, realizado por André Tentugal.

“Whatever Happened to Our Love” segue-se a “My Religion”, o primeiro single, que é um autêntico espelho do momento social conturbado que se vive atualmente, refletindo sobre os recentes ataques terroristas que têm acontecido no mundo. “Escrevi esta canção no dia a seguir aos atentados em Paris e pelo tema da canção lembrei-me imediatamente de convidar o Poli Correia (Sam Alone) para a cantar comigo." Frankie Chavez convidou ainda o músico Benjamin para produzir o tema. 

"Double or Nothing" é, segundo Frankie Chavez, "um álbum de histórias que vão desde a perda ao nascimento, ao andar na estrada, ao tempo que perdemos em coisas fúteis. Fala também de amor e de relações impossíveis. E fala de atentados terroristas e de privação de liberdade."

Além de Poli Correia e Benjamim, Frankie Chavez contou ainda com outros colaboradores, nomeadamente João Correia e Donovan Bettencourt, que formam a sua banda, e ainda o baterista e produtor Fred Ferreira e o teclista Paulo Borges, que trouxe alguns ambientes mais psicadélicos a estas novas canções.

O álbum conta com o apoio da Antena 3 e será apresentado ao vivo em outubro no Teatro da Trindade, em Lisboa.

 

TOUR 2017

07 de Abril - CAPARICA SURF FEST (Costa da Caparica, PT)

11 de Maio  - CASA DAS CRECHAS (Santiago Compostela, ES) 

12 de Maio - CLUB CLAVICÉMBALO (Lugo, ES)

13 de Maio - EL CONTRABAJO (Vigo, ES)

14 de Maio - ATURUXO, (Bueu, ES)

20 de Maio – THE SURF EXPERIENCE (Lagos,PT)

15 de Junho – GUITARRAS AO ALTO com Peixe (Avis,PT)

16 de Junho – GUITARRAS AO ALTO com Peixe (Estremoz, PT)

17 de Junho – GUITARRAS AO ALTO com Peixe (Beirã-Marvão, PT)

24 de Junho - Montemor-o-Novo

5 de Julho – VILLA ADA (Roma, IT)

6 de Julho – TBC (IT)

7 de Julho – BOTANIQUE (Bologna, IT) 

8 de Julho – ROCKA IN MUSICA (Roccamandolfi, IT)

9 de Julho – A anunciar (IT)

10 Julho - A anunciar (IT)

14 Julho - A anunciar (IT)

20 de Julho – ORIENTOCCIDENTE (Terranuova Bracciolini, IT)

30 de Julho – ARRIFANA SUNSET FEST (Arrifana, PT) 

12 de Agosto - A anunciar (PT)

14 de Agosto – FESTIVAL BONS SONS (Cem Soldos, PT)

19 de Outubro - A anunciar (PT)

20 de Outubro - A anunciar (PT)

21 de Outubro - HARD CLUB (Porto, PT)  



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

[Shaggy: ]
Oh, you must be sent from above
You keep me warm in the winter cold
Your smile is colorful like flowers in the spring
Call me up [?]
I never meant to fall for your love
I know you're all I'm thinking of
This is more than a summer fling
It's only right that I put on the ring

[Omi: ]
So, baby will you leave my sight?
I won't be okay
I guess it's the last time
Let me right through ever season
Ah ah, let me the reason you can't stay
Right through every season
Right through every season
Right through every season
Ey-ey yeah


[Instrumental break]

[Shaggy:]
Girl, you bring me up just like the sun on the horizon
And even when it rains I'm enlightened
Oh, you're so sexy, with you in the swing
I'm in love watching when you do your thing, thing, thing
Girl, you make the heart skip a beat
Oh, any time you are in the suit
[?] [?]

[Omi:]
In a world, in a world without, without your love
I don't think I'd be able to breathe
Out of memories when I should be dreaming
So, baby will you leave my sight?
I won't be okay
I guess it's the last time
Love me right through ever season
Ah ah, let me the reason you can't stay
Right through every season
Right through every season
Right through every season
Ey-ey yeah

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

salvador sobral.jpg

 

 

NORTH MUSIC FESTIVAL 

2 e 3 de Junho, Guimarães


Salvador Sobral confirmado para dia 2 de Junho
 
 

Salvador Sobral, grande vencedor do Festival da Eurovisão da Canção, é a última grande confirmação do cartaz do NORTH MUSIC FESTIVAL. 

De voz doce e jeito inconfundível, o miúdo que arrebatou os corações dos europeus conquistou também um lugar de destaque no alinhamento do NORTH MUSIC FESTIVAL.

Não faltará durante o concerto, o tema que todos querem ouvir:  "Amar pelos dois"  da autoria da sua irmã, Luísa Sobral e que venceu em Kiev não só o prémio do juri e público para melhor prestação, alcançando uma votação histórica, como também os Macel Bezençon Awards, prestigiados galardões extra-concurso.

Dia 2 de Junho, Salvador Sobral irá partilhar o palco com bandas como Skunk AnansieAmor Electro ou Regula, num espetáculo que promete ser emocionante e inesquecível. 


SOBRE O FESTIVAL 

É já no início de Junho que a cidade de Guimarães, mais precisamente o estádio D. Afonso Henriques, recebe o primeiro grande evento do calendário de festivais deste ano: o NORTH MUSIC FESTIVAL.

Vocacionado para um público transversal, tem como objectivo proporcionar-lhes o melhor entretenimento possível num só local, nunca descurando o bem-estar e a segurança dos visitantes.

Estendendo-se por dois dias, terá mais de 20 atrações musicais, entre bandas e Djs, nacionais e internacionais, que subirão ao maior palco do norte. Dia 2 de Junho, o primeiro dia do festival, terá artistas como Skunk AnansieAmor Electro, Regula, Sean Riley and the Slowriders, Erick Morillo e lá está, Salvador Sobral. E no seguinte veremos  Natiruts,  Gente de Zona, Pedro Abrunhosa & Comité Caviar (com Maceo Parker e NBC), Jorge Palma e Sérgio Godinho - "Juntos", HMB,KURA

Mas muito mais surpresas esperam os visitantes do NORTH MUSIC FESTIVAL: Actuações de Bandas locais, actividades de lazer, zona de restauração, zona VIP e muito mais para descobrir neste que será, com toda a certeza, um dos maiores eventos de música do ano. 


publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra os os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar | ver comentários (2)


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

Último nome completa cart...

Gonçalo Guerra - Nós Ficá...

JÚLIO PEREIRA AO VIVO

Pedro Cazanova ft. Polina...

Afrojack atua nos 20 anos...

D.A.M.A - Pensa Bem ft. P...

AVM - Agenda Oficial mês ...

Patrícia Candoso - Todo O...

Fingertips apresentam o v...

The Town Bar - At The Bar...

arquivos

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
released March 15, 2016 | PT | THE DOWSERS SOCIETY...
Podem ver os créditos aqui:https://thedowserssocie...
Um clássico de Amália Rodrigues, e não do A.Marcen...
Mt fixe mano. Nao conhecia mas vou comecar a ouvir...
Www.instagram.com/fans_isaura_randomly
Esta música é lindíssima *.*
Tiamo Muito Meu Mundo
Olá gostava de saber quanto é o bilhete no dia dos...
Obrigada.E eles não têm editora, foi uma edição de...
LauraAgradeço o seu comentário, e prometo que em b...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds