Domingo, 01.03.15

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

Nneka_260.jpg

 

A nigeriana Nneka, os israelitas Balkan Beat Box e os portugueses Tiago Bettencourt, Carminho e Raquel Tavares são as primeiras confirmações para o Festival MED, que se realiza em Loulé, de 25 a 27 de junho.

Em comunicado, a Câmara de Loulé adianta que a 12.ª edição do festival terá um orçamento de 200 mil euros, tal como em 2014, proporcionando 500 horas de música e 42 concertos, em seis palcos e durante três noites, no centro histórico da cidade de Loulé.

Os peruanos Cumbia All Stars e o projeto luso-angolano Batida são outros dos nomes anunciados na quinta-feira, na Feira Internacional de Turismo, pois embora o cartaz já esteja fechado, a divulgação dos nomes será feitra gradualmente.

Segundo a autarquia, para este ano estão previstas algumas novidades, nomeadamente animações e concertos improváveis, assim como surpresas ao longo do espaço onde se desenrola o festival.

O dia aberto ao público, que inclui um concurso de bandas, mantém-se, mas, em vez de ser numa quarta-feira, este ano será num domingo e a música "não será o principal protagonista”, lê-se na nota de imprensa.

Além dos concertos, o Festival MED terá uma mostra de artesanato, gastronomia, artes plásticas e animação de rua.

Tal como no ano passado, o preço dos bilhetes oscila entre os 10 euros (um dia) e os 25 euros (três dias), em período de pré-venda, e entre os 12 e os 30 euros, nos dias do festival.

O Festival MED arrancou em 2004, noutra zona da cidade de Loulé, onde a população e os turistas puderam usufruir gratuitamente, durante dez dias, de espetáculos e das transmissões de jogos do Euro 2004.

No ano seguinte, o evento teve a duração de seis dias e passou para a zona história da cidade.

Desde então, a autarquia, entidade organizadora, tem vindo a reduzir o número de dias do festival.

Em 2013 durou dois dias, mas, no ano passado, foi alargado para três, o que se mantém nesta edição.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Sábado, 28.02.15

misia_delikatessen_260.jpg

 

Mísia apresenta o álbum “Delikatessen Café Concerto”, acompanhada apenas pelo maestro e pianista Fabrizio Romano, no dia 6 de março, no Theatro Circo, em Braga, no dia 7, no Teatro Municipal da Guarda e, no dia seguinte, no Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima.

O álbum “Delikatessen Café Concerto” foi editado no final de 2013, em Portugal, Espanha, França e Argentina.

A cantora, natural do Porto, já apresentou este disco em Lisboa, Faro e em várias cidades de Espanha, Chile, Brasil, Argentina e, segundo a sua produtora, tem agendadas apresentações em Berlim, nos dias 14 e 15 de março, e em Paris, em abril.

"Rasto do infinito", de Tiago Torres da Silva e Miguel Ramos, é o único tema inédito deste álbum que inclui ainda canções em espanhol e francês, como "Agua que nos has de beber", que Sara Montiel interpretou no filme "La Violetera" (1958), e "Chanson d'Hélene", originalmente interpretada por Romy Schneider e Michel Piccoli, no filme "Les choses de la vie" (1970).

O alinhamento inclui "Estación de Rossio", canção que Juanita Cuenca interpretou como "atração internacional" na revista "Agora é que são elas", que esteve em cena no Teatro Capitólio, em Lisboa, em 1953.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 21:44 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

nicky_romero_promo_260.jpg

 

 

Os promotores do festival de música eletrónica RFM Somnii, que decorre a 11 e 12 de julho na praia da Figueira da Foz, esperam a presença de 80 mil espetadores no maior areal urbano da Europa.

Os DJ holandeses Nicky Romero e Dubvision e o português Kura foram hoje anunciados como as primeiras confirmações do cartaz do RFM Somnii, cujo recinto, instalado perto da orla marítima, será alargado pelo segundo ano consecutivo, mais 100 metros para norte.

De acordo com informação disponibilizada à agência Lusa pela promotora Genius y Meios, empresa do grupo Renascença, a extensão do recinto será a última e tem caráter definitivo, "uma vez que foi atingida a área total com possibilidade de ocupação, 26 mil metros quadrados", o equivalente a quatro campos de futebol. "A partir de agora, todo o investimento feito neste projeto será dirigido para a qualidade da experiência do público", indicou.

Um dos nomes hoje confirmados no cartaz, o produtor e DJ holandês Nicky Romero, 26 anos, foi considerado o 8.º melhor DJ mundial em 2014 pela DJ Mag, publicação de referência na área da música eletrónica de dança. O holandês sediado em Amesterdão trabalhou com nomes como David Guetta e Calvin Harris e é conhecido por ser autor do hit “Toulouse", de 2011, e de ter atingido o número 1 do top inglês com "I Could Be The One", em parceria com Avicii.

Já a dupla Dubvision é formada pelos irmãos Victor e Stephan Leicher, considerados as novas estrelas mundiais da música eletrónica. Começaram a carreira em 2010 e, até à data, assinaram já cerca de 40 trabalhos na área do house progressivo, entre singles e remixes, estes últimos de nomes como Afrojack, Dimitri Vegas, Sander Van Doorn, Martin Garrix ou Dvbss, entre outros.

Kura, 27 anos, natural de Leiria, o português mais bem classificado do top 100 da DJ Mag e considerado em 2014 o melhor DJ nacional, regressa ao palco do RFM Somnii onde atuou em 2013, ano em que o festival rumou à Figueira da Foz pela primeira vez.

Aludindo ao evento, denominado “O Maior Sunset de Sempre” e cuja apresentação decorreu hoje na Figueira da Foz, o presidente da Câmara Municipal, João Ataíde, lembrou que o RFM Somnii nasceu de uma "feliz parceria" entre o grupo Renascença e a cidade, manifestando-se "orgulhoso" por o festival ter crescido e se ter consolidado desde 2013.

"A Figueira da Foz agradece ao promotor o facto de ter celebrado um protocolo que garante a realização futura de, pelo menos, mais três RFM Somnii na cidade [incluindo a edição de 2015]. Este compromisso é um desafio para todos, mas também uma responsabilidade", frisou.

Já para Luís Salgueiro, diretor da Genius Y Meios, os objetivos para 2015 passam por melhorar a experiência dos espetadores no RFM Somnii e internacionalizar o evento, que conta com o apoio do Turismo Centro de Portugal na divulgação.

Os bilhetes para RFM Somnii estarão à venda a partir de hoje, com preços de 9,5 euros (um dia) e 15,5 euros (dois dias) em venda antecipada, até 31 de maio. A partir dessa data, os bilhetes para o público em geral custam 13 e 19,5 euros, para um ou dois dias, respetivamente.

 

Retirado de Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Sexta-feira, 27.02.15

alvim.jpeg

 

Morreu o músico Fernando Alvim, aos 80 anos

 

O músico Fernando Alvim, falecido hoje em Lisboa, aos 80 anos, destacou-se no fado, mas o seu percurso evidenciou referências do jazz e da bossa nova, tendo, nos últimos anos, desenvolvido o projeto “A Guitarra Portuguesa encontra o Jazz”.

O músico acompanhou Carlos Paredes durante 25 anos e foi apontado, por muitos colegas, como "o sombra" de Paredes, como o próprio contou, em 2012, numa entrevista à Lusa. O violista acompanhou posteriormente o guitarrista António Chainho, com o qual também gravou.

Na sua autobiografia, Fernando Alvim conta o seu encontro com o fado e a guitarra clássica: “O fado entrou na minha vida aos 14 anos quando assisti a um espetáculo ao vivo no Café Luso e ouvi pela primeira vez Amália Rodrigues a cantar. O fascínio que senti levou-me a aprender a acompanhar fado à viola com um violista de Lisboa”.

Na sua infância, Fernando Alvim tinha estudado violoncelo durante quatro anos, tendo crescido “num meio que cultivava a música por gosto”, como se pode ler na autobiografia. “Aos 23 anos adquiri, na oficina do guitarreiro Joaquim Grácio, a guitarra que me viria a acompanhar pela vida fora. Uma guitarra fabricada em madeira de plátano, na qual sobressaem os graves, e que resistiu a diferenças climatéricas enormes devido às inúmeras viagens que pelo mundo fez”, conta.

Numa viagem ao passado, Alvim recordou momentos históricos como os encontros com Carlos Paredes, Amália Rodrigues, Adriano Correia de Oliveira, Luiz Goes ou José Afonso, entre outros. O músico recordou, por exemplo, uma viagem em 1964, durante a qual, devido a um furo, José Afonso compôs parte da peça “Grândola Vila Morena”.

“Foram inúmeras as gravações que fiz e todas elas especiais. Algumas inesperadas... Recordo um telefonema que recebi por volta das 23:00, do guitarrista Fontes Rocha, a pedido da Amália Rodrigues, para ir nessa noite gravar com ela um tema intitulado ‘Formiga Bossa Nova’, que era uma canção com o ritmo de bossa”, afirma. “Todas as gravações que fiz com o Carlos Paredes tiveram também um cunho muito especial. As horas passadas em gravações nos estúdios da Valentim de Carvalho, com o apoio do técnico de som Hugo Ribeiro, foram inesquecíveis”, escreve o músico que lembra ainda as sessões com o extinto Ballet Gulbenkian.

O musicólogo Rui Vieira Nery, em 2011, por ocasião da edição do álbum duplo "Os fados e as canções do Alvim", disse à Lusa que o violista e compositor "tocou guitarra elétrica com muitos dos pioneiros do Jazz em Portugal, como Ivo Mayer ou José Luís Tinoco”. O disco contou com a participação, entre outros, de Pedro Jóia, Camané, Ricardo Ribeiro, Ana Moura, Fafá de Belém, Raquel Tavares e Cristina Branco. “É uma espécie de apanhado da minha vida artística, porque eu não tive tempo para me concentrar o suficiente para compor durante o tempo em que estava com os espetáculos, designadamente no estrangeiro”, disse à Lusa, acerca do álbum, na altura da sua publicação.

O músico é natural de Vila Nova de Ourém, no distrito de Leiria, e tinha o diploma de médico analista. Em 2012 recebeu o Prémio Amália Rodrigues pelo Melhor Álbum “dentro do fado”, pelo disco. Nesse mesmo ano, um grupo de cerca de 50 artistas homenagearam o músico num concerto no Teatro da Trindade, em Lisboa. Ainda em 2012 recebeu a Medalha de Honra da Sociedade Portuguesa de Autores, que a justificou como uma "forma de reconhecimento pelo trabalho de décadas ao serviço da dignificação da música portuguesa”.

Em 2013 estreou, no Museu do Fado, em Lisboa, um documentário sobre a sua carreira, “Azul Alvim”, da autoria de Margarida Mercês de Mello. O título do documentário é inspirado num dos temas do duplo álbum, um poema de Tiago Torres da Silva, interpretado por Carlos do Carmo.

O velório do músico Fernando Alvim realiza-se a partir das 17h00, na Basílica da Estrela, “ficando a capela mortuária aberta durante a noite”, disse à Lusa fonte da família.

No sábado, às 10h00, é celebrada missa de corpo presente, na basílica, em Lisboa, realizando-se em seguida o funeral para Seiça, no concelho de Vila Nova de Ourém, de onde o músico era originário.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

João Só - Vai ficar tudo bem

 

Posso não saber quantas ondas há no mar
Ou se deus tirou um dia só para te criar
Posso não ganhar nos jogos, mas vou apagando os fogos
Não sei porquê, só sei que sei
Vai ficar tudo bem

Nem penses duas vezes não há nada que enganar
As minhas conviqções não tem margem para falhar
Posso até arriscar tudo ao teu lado estou seguro
Não sei porquê, só sei que sei
Vai ficar tudo bem

Vai ficar tudo bem
Juro que é verdade
O medo fica em segundo plano
E em primeiro a vontade

Posso ainda não saber das contas o total
Não vejo o futuro numa bola de cristal

Posso não acertar logo, mas vou apagando os fogos
Não sei porquê, só sei que sei
Vai ficar tudo bem

Vai ficar tudo bem
Juro que é verdade
O medo fica em segundo plano
E em primeiro a vontade

E quando olhares para trás
E vires tudo em perspectiva
Vais ter rir desses tempos, velhos becos sem saida

Vai ficar tudo bem
Juro que é verdade
O medo fica em segundo plano
E em primeiro a vontade

Vai ficar tudo bem
Juro que é verdade
O medo fica em segundo plano
E em primeiro a vontade

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

camane.jpg

 

 

EM  MARÇO , CAMANÉ INICIA EM DIGRESSÃO PELOS ESTADOS UNIDOS E CANADÁ

 



publicado por olhar para o mundo às 21:03 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

cartaztremor.jpg

Festival açoriano TREMOR! anuncia cartaz completo

 

Duquesa e Moullinex estão entre as derradeiras confirmações no cartaz do festival TREMOR!, agora completo.

Além destes, também foram agora confirmados no evento – uma co-organização da Lovers & Lollypops e da Yuzin - TT The Artist, Tweak Bird, Bitchin Bajas, Lucrecia Dalt, King John, Emanuel Paquete, Bandido e o Coração Pirata, Ian Carlos Mendonza, Alexandre Soares, Srosh Ensemble e a dupla de DJs Os Yeah.

Estes nomes juntam-se aos anteriormente anunciados ZA!, Black Bombaim, MEDEIROS/LUCAS, Sensible Soccers, Bruno, Emperor X, Broad Beans e Cpt. Luvlace.
Em breve, é-nos revelado em comunicado, “serão anunciadas residências artísticas, que unirão os diferentes espectros da arte – do cinema, passando pela fotografia e até ao artesanato”.

O TREMOR! regressa a Ponta Delgada a 28 de março. Os bilhetes para o festival já se encontram à venda online e têm o preço único de €15, se adquiridos até 23 de março. A partir dessa data, o preço sobe para os €18.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Quinta-feira, 26.02.15

sabre.jpg

Matinée com Sabre


Esta semana visitam-nos os Sabre​, amigos de longa de data, na Casa das Artes Bissaya Barreto ao fim da tarde de Sexta em jeito de prelúdio para a noite no States Club​ com produção da Cosanostra Coimbra​ e da Put Some. 

Sexta-feira, 27 de Fevereiro, das 18h00 às 21h00



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

magnatuna.jpg

 

 

A Magna Tuna ApocalISCSPiana (MTA), Tuna Académica do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, vai realizar em Maio de 2015, o XVII ApocalISCSPiano (Encontro de Tunas Académicas). Este encontro terá lugar no Instituto na Aula Magna Prof. Doutor Adriano Moreira, pelas 21h00.

 

Uma vez mais, e como já vem a ser tradição há mais de 20 anos, procuramos divulgar o nosso evento da melhor forma possível, pedindo desde já para que incluam o nosso encontro de tunas na vossa agenda de eventos culturais.



publicado por olhar para o mundo às 20:33 | link do post | comentar

 

Letra

 

Um dia ele chegou tão diferente do seu jeito de sempre chegar.
Olhou-a de um jeito muito mais quente do que sempre costumava olhar.
E não maldisse a vida tanto quanto era seu jeito de sempre falar.
E nem deixou-a só num canto, pra seu grande espanto
Convidou-a pra rodar.

E então ela se fez bonita como há muito tempo não queria ousar.
Com seu vestido decotado cheirando a guardado de tanto esperar.
Depois os dois deram-se os braços como a muito tempo não se usava dar.
E cheios de ternura e graça foram para a praça e começaram a se abraçar.

E ali dançaram tanta dança que a vizinhança toda despertou.
E foi tanta felicidade que toda cidade enfim se iluminou.
E foram tantos beijos loucos, tantos gritos roucos como não se ouvia mais
Que o mundo compreendeu
E o dia amanheceu em paz.

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 14:13 | link do post | comentar

reininho.jpg

 

Rui Reininho e Armando Teixeira servem “Chá, Café e Etc.” esta sexta-feira


Depois de lançarem o disco-livro “Chá, Café e Etc.”, Rui Reininho e Armando Teixeira apresentam o projeto no Café-Concerto do CTE, esta sexta-feira, dia 27 de fevereiro, pelas 22h. Música e poesia ao ritmo de esplanada, um frenesim contado pelo vocalista dos GNR e com cenário musical assinado pelo homem Balla.

 

No total, 18 poemas de vários autores portugueses preenchem as páginas do livro “Chá, Café e Etc.”, editado pela Tcharan e ilustrado por Marta Madureira. O cd que o acompanha e complementa conta com os contributos vocais e sonoros de, respetivamente, Rui Reininho e Armando Teixeira que, de bandeja na mão, servem “Chá, Café e Etc.” no Café-Concerto do CTE. Uma sessão de música e poesia que galga as páginas do disco-livro para levar os presentes a saborear o tom enérgico do café e a sonoridade aromática do chá, entre poemas, notas musicais, etc., etc.

“Prova de degustação” na Escola Secundária de Estarreja

Na manhã de 27 de fevereiro e no âmbito do Laboratório de Aprendizagem Criativa (LAC), os alunos do 10º ao 12º ano da Escola Secundária de Estarreja vão receber a visita de Rui Reininho. O vocalista dos GNR, com mais de três décadas de carreira, é um portuense e nome maior da música portuguesa, em português. A sessão de música e poesia “Chá, Café e Etc.” – que, nesse mesmo dia à noite, ao lado de Armando Teixeira, o leva ao Café-Concerto do CTE – dá o mote para o encontro com os jovens alunos do secundário. Uma conversa em torno da escrita criativa e das convergências entre a escrita de poesia e letra de música. Ironia e descontração são especiarias que não vão faltar nesta conversa com uma figura histórica do pop-rock nacional.

Boca(s) de Cena é o título desta iniciativa promovida pelo LAC. Dentro ou fora do espaço cénico, o Boca(s) de Cena põe os artistas em contacto com o público, criando uma proximidade e partilha importantes para a compreensão artística.

SEX 27 FEV 22H00
Chá, Café e Etc. - Rui Reininho e Armando Teixeira

Rui Reininho 
voz
Armando Teixeira 
música
[MÚSICA/POESIA] 5€ / 3€ (Cartão Amigo, Cartão Sénior e Jovem Municipal)

+

http://www.cineteatroestarreja.com
http://www.facebook.com/cinestarreja
http://twitter.com/CTE__



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

 

Idanha-a-Nova apresenta candidatura à

Rede de Cidades Criativas da UNESCO

27 FEV | Centro Cultural Raiano

 

No próximo dia 27 de fevereiro (sexta-feira), às 9h30, Idanha-a-Nova apresenta a sua candidatura à Rede de Cidades Criativas da UNESCO, no âmbito da Música. Essa apresentação será feita pelo Presidente do Município, Eng. Armindo Jacinto, no Encontro Internacional “As Cidades Criativas e a Música”, que terá lugar entre os dias 26 e 28 de fevereiro, no Centro Cultural Raiano, em Idanha-a-Nova, e que contará com a presença do Secretário de Estado da Cultura, Dr. Jorge Barreto Xavier, na sua sessão de encerramento (sábado, 28 fevereiro, 16h30).

 

O Encontro, para além de tratar da importância das Indústrias Criativas para o desenvolvimento dos territórios, abordará também a riqueza do património musical de Idanha-a-Nova e o potencial do seu contributo para o desenvolvimento sustentável deste concelho, no plano social, económico e cultural.

 

Serão vários os especialistas, nacionais e internacionais, que irão participar neste evento, com destaque para representantes de Cidades Criativas da Música reconhecidas pela UNESCO, vindos de diversas partes do mundo. No programa estão previstas diversas manifestações culturais, ligadas à música. O encerramento dos trabalhos será feito por Sua Excelência, o Secretário de Estado da Cultura.

 

O Encontro Internacional “As Cidades Criativas e a Música” insere-se na estratégia do Projeto Taejo Internacional, dinamizado com o apoio da União Europeia e co-financiado pelo FEDER e POCTEP 2007-2013.



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

Second song from OAK Inc. from the self-titled EP
Avaliable at:
oakinc.bandcamp.com

https://www.facebook.com/oakincmusic

https://www.facebook.com/adegarecords

OAK Inc. are:
Pedro Carvalho
Alexandre Braga

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 25.02.15

zambujo.jpg

 

Marco Rodrigues está entre as mais recentes confirmações no cartaz do Festival Caixa Ribeira.

 

Além do fadista, residente no Café Luso, também foi agora assegurada a presença de Cidália Moreira e Filipa Cardoso no evento, que se estreia na Ribeira do Porto, nos dias 12 e 13 de junho.

 

Os três vão subir ao palco do Palácio da Bolsa – Pátio das Nações, juntando-se à anteriormente anunciada Carolina, cuja atuação está prevista para o mesmo espaço.

 

Também já confirmados para a primeira edição do certame estão Gisela João, Ricardo Ribeiro, Maria da Fé, Florência, Camané, Carminho e Katia Guerreiro.

 

Com um alinhamento composto por 40 fadistas, o festival Caixa Ribeira contará com dez palcos, com epicentro na Ribeira: Palácio da Bolsa (Salão Árabe e Pátio das Nações), Mercado Ferreira Borges (Hard Club, sala 1 e 2), Igreja de São Francisco, Palco Caixa, Fado à Janela (Cais da Estiva), Barco no Douro, Cave no Cais da Estiva e Antiga Junta de Freguesia de São Nicolau.

 

O bilhete único para os dois dias do festival custa, em pré-venda, €28 ou, nos dias do festival, €35. Os clientes da Caixa têm um desconto de 10% nos bilhetes comprados no Palácio da Bolsa, com cartão da Caixa. Os bilhetes deverão ser trocados por pulseira, que dará acesso a todos os espaços do festival até ao limite de lotação de cada um, nas bilheteiras do festival sediadas no Palácio da Bolsa, a partir de 11 de junho.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

callforentries.jpg

 

MUVI CALLING

Festa de abertura do CALL FOR ENTRIES 2015


O MUVI LISBOA - Festival Internacional de Música no Cinema - dá início às festas MUVI CALLING este sábado, dia 28 de Fevereiro, no Fontória (Lisboa) com a abertura do CALL FOR ENTRIES para a 2a edição do festival.

Alinhamento da noite:

A festa começa às 23h com a exibição do documentário "Oceans Apart - A glimpse of Melbourne dance culture”, realizado por Thomas Pollard, através do olhar da banda Cut Copy sobre a explosão da cultura musical na sua cidade natal.

Cláudia Duarte [00h – 02h] - a contagiante e inebriante Casa Cláudia - profissional intrinsecamente relacionada com a música, colaborou com a Radar (Lisboa) e é atualmente cronista da revista Umbigo. Habituou-nos a tirar o pé do chão até ao dia raiar em pistas como o Incógnito, Musicbox ou Casa Independente.
www.facebook.com/casaclaudiaradar

Joaquim Quadros [02h – 04h] - melómano compulsivo, uma das vozes mais carismáticas da Vodafone Fm (Lisboa, Porto e Coimbra), comentador e fundador do jornal Órfão - arrisca adivinhar o que vamos gostar amanhã. E se o amanhã for já hoje?
www.facebook.com/Jakinquadros

Phizz [04h – 06h] - o som fresco e cativante de PHIZZ aka Filipa Marta, deliciosos cruzamentos de indie pop e eletrónica levaram ao rubro casas como o Lounge, a ZDB, o Incógnito ou mesmo o Festival Paredes de Coura, onde foi a responsável pelo encerramento oficial em 2013.
www.facebook.com/phizzdjset

Nicolae Negura - verdadeira cereja no topo do bolo, o talentoso ilustrador dos elementos gráficos do Muvi Lisboa'14 está de volta com um 'live painting' no espaço cru do Fontória.
www.facebook.com/NicolaeNeguraCucubaou


MUVI CALLING
28 Fev / Fontória Blues Caffe & Dinner / 23H-6H
Entrada: 5 euros (com oferta de 1 imperial)



publicado por olhar para o mundo às 20:50 | link do post | comentar

 

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 

First song from OAK Inc. from the self-titled EP
Avaliable at:
oakinc.bandcamp.com

https://www.facebook.com/oakincmusic

https://www.facebook.com/adegarecords

OAK Inc. are:
Pedro Carvalho
Alexandre Braga

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

loureiros.jpg

 

 

8º ESTÁGIO DE BANDA – LOUREIROS

PALMELA 2015

  

É com muito prazer que a Sociedade Filarmónica Palmelense "Loureiros" vai levar a cabo mais um Estágio de Banda. Será a 8ª Edição este ano e iremos contar com a direcção do Maestro Frank de Vuyst (Bélgica) e do Maestro Pedro Ferreira (Banda dos Loureiros).

 

O repertório a ser apresentado contemplará música original para Banda de compositores de renome internacional como Percy Grainger, Jorge Salgueiro, Mario Bürki, Frank Ticheli entre outros.

Esta edição irá decorrer entre os dias 24 e 28 de Março de 2015.

CLICA AQUI PARA FAZERES A TUA INSCRIÇÃO

 

Inscrições limitadas até dia 22 de Março. 

Para mais informações enviar email para o endereço de correio electrónico

estagiobandapalmela@gmail.com

Ou consultar a nossa página

www.facebook.com/loureirospalmelaestagio

 



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

franciscosales.jpg

 

VALEDICTION

Francisco Sales

Apresentação de Valediction, álbum de estreia do guitarrista Francisco Sales    
 
Com apenas 27 anos, o guitarrista português Francisco Sales encontra-se em grande ascensão no panorama da música internacional, tendo recentemente tocado com Incognito, Chaka Khan e Jocelyn Brown. Poucos meses depois de se mudar para Londres, o seu talento foi imediatamente reconhecido e apadrinhado por João Caetano e Jean-Paul “Bluey” Maunick, fundador da banda de acid-jazz Incognito. A convite de Maunick, Francisco Sales tocou em algumas das maiores salas de espetáculo do mundo, entre elas a Blue Note (Tokyo) e o Ronnie Scott’s (Londres).


Valediction é o nome do primeiro álbum do músico, gravado no ano de 2014 (nos Livingston Studios, em Londres), e marca o inicio da sua carreira a solo. Sendo a guitarra protagonista da sua música, com efeitos surpreendentes ao utilizar pedais em tempo real e de uma maneira muito original, este é um disco com forte cunho cinematográfico, capaz de proporcionar um concerto muito intimista. Francisco Sales apresenta-se a solo, apenas acompanhado pela sua guitarra, no palco do Novo Ciclo..
 
Concerto: 28 de fevereiro às 21:45
Auditório 2



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

Francisco Sales - God How...

Nneka, Balkan Beat Box e ...

Francisco Sales - Fall

Mísia leva "Delikatessen ...

Tiago A. Marques - Rotina...

Festival de música eletró...

Tiago A. Marques - Frio e...

Morreu o músico Fernando ...

João Só - Vai ficar Tudo...

Camané inicia digressão p...

arquivos

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Já agora, sem querer ser picuinhas,Andei na escola...
E aindaPerdão Pelo mau jeito que dei, meu rapaz. É...
Mais percetível para quem dança :)...Eu sei Como e...
Qualquer homenagem a José Afonso será sempre digna...
Muito ObrigadoJorge Soares
http://sinaisdotempo-mariomata.blogspot.pt/
01 - AI DEUS DO CÉU ...
Meu Caro Amigo, sou amigo pessoal do Sebastião des...
Obrigado pelo aviso, peço desculpa pela minha falt...
Não, o interprete diz "morra aqui" -> ele quer ...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds